Conecte-se agora

Mâncio Lima garante piso nacional para agentes comunitários de saúde e de endemias

Publicado

em

Os Agentes Comunitários de Saúde e de Combate à Endemias de Mâncio Lima vão receber o novo piso salarial nacional das categorias neste pagamento de julho retroativo a maio. O reajuste é de 45% no salário.

O anúncio foi feito pelo prefeito Isaac Lima na manhã desta sexta-feira, 22, na Casa de Cultura Márcia Alencar, no evento de entrega de Tabletes aos Agende de Saúde.

“Conceder o ajuste a esses servidores é uma forma de reconhecer o trabalho e dedicação destes profissionais. São profissionais que fazem um trabalho importante e de resultados a exemplo da redução dos casos de malária em nossa em mais de 80% que só foi possível graças ao empenho e dedicação de cada um. Ficamos contentes com essa valorização e queremos que o trabalho siga sendo feito com excelência”, citou.

A medida cumpre determinação da Emenda à Constituição 120/2022, aprovada pelo Congresso no dia 05 de maio, que trata de reajuste no piso das duas categorias em todo o país. A prefeitura equipara o salário desses trabalhadores que passa a ser de R$ 2.424,00. A Lei Municipal nº 487, que atualizou o Plano de Cargos Carreira e Remuneração – PCCR, já prevê em seu Artigo 28 a garantia do piso nacional a estes servidores do Grupo 5.

Mâncio Lima conta com 49 ACS’S e 18 ACE’s. Os Agentes Comunitários de Saúde atuam na promoção da saúde e na prevenção de doenças por meio de visitas domiciliares e acompanhamento de saúde de usuários do SUS. Estes servidores fazem a conexão da comunidade com os serviços de saúde.

O Agente Comunitário de Endemia, Elivalter Oliveira de Almeida agradeceu pelo novo ganho.

“Com este salário, igual ao Piso Nacional, teremos mais ânimo e gás para o trabalho. Esta notícia chegou em boa hora para todos nós que estamos no dia a dia visitando as famílias, identificando onde há casos de malárias, criadouros para continuar no combate a esta doença que já afetou muito nossa população”, destacou

Os Agentes de Combate a Endemias, ligados à Vigilância Ambiental da Secretaria da Saúde, trabalham em contato direto com a população por meio do desenvolvimento de ações educativas e de mobilização da comunidade relativas à prevenção e ao controle de doenças e agravos à saúde, além de medidas de controle. Atuam diretamente nas iniciativas contra o mosquito da dengue e o mosquito transmissor da malária.

“A categoria está muito feliz com esta notícia e, esse novo salário é muito bem vindo neste momento em que a inflação torna os produtos de primeira necessidade mais caros”, destacou Maico Rodrigues dos Santos ACS e representante do Sindicato dos ACS e ACE’s da Regional do Juruá.

As demais categorias de servidores municipais já tiveram, no início do ano, seus salários reajustados em mais de 30% e o PCCR reformulado e aprovado. A atual gestão tem procurado manter um diálogo permanente com os servidores afim de garantir melhorias salariais, capacitações e modernização dos espaços físicos e serviços ofertados.

Carreta do Hospital do Amor

A carreta do Hospital de Amor atenderá mulheres de Mâncio Lima até o dia 28 de julho. A estrutura, que conta com consultório climatizado e equipado para realização de exames de PCCU e mamografia, atende por dia 60 mulheres.

” Este é um esforço conjunto, de várias mãos e estamos alegres pelo Hospital de Amor está conosco mais uma vez cuidando de pessoas, trazendo atendimento humanizado e específico. O Hospital é uma instituição que tem um diferencial muito grande no atendimento à mulher”, destacou a vice prefeita, Ângela Valente.

O prefeito de Mâncio Lima, Isaac Lima, agradeceu pela ação, que mais uma vez oportuniza exames importantes na prevenção de doenças sem grandes deslocamentos para as mulheres muitas vindas de comunidades rurais e ribeirinhas.

Após a coleta, os exames são enviados pra análise em Rio Branco e posteriormente, devolvidos para a Secretária Municipal de Saúde.

Na rede

Prefeitura de Cruzeiro do Sul antecipa salários do mês começando pela educação

Publicado

em

A prefeitura de Cruzeiro do Sul começou a pagar nesta sexta-feira, 23, os funcionários públicos municipais da área de educação.

Segundo o secretário de Comunicação da prefeitura, jornalista Chico Melo, os demais servidores recebem até segunda-feira, 26. “Só com o pagamento da educação, o valor que circula no mercado com essa antecipação, é de R$ 5,8 milhões.

O prefeito Zequinha Lima já havia anunciado a antecipação do pagamento no lançamento do Festival da Farinha, que será realizado de 26 a 28 de setembro, data de aniversário de Cruzeiro do Sul.

Continuar lendo

Na rede

Educação de Cruzeiro do Sul suspende greve

Publicado

em

Os servidores da educação municipal de Cruzeiro do Sul, que estavam em greve desde o dia 16, suspenderam o movimento nesta sexta-feira, 23.

Segundo o representante do Sindicato dos Trabalhadores em Educação, Pedro Lima, as atividades são retomadas porque houve o compromisso, por parte da prefeitura, de aprovar o Plano de Carreira da categoria da categoria até o dia 15 de outubro.

“O pagamento das 30 horas ficou para janeiro de 2023 mas conseguimos avançar no PCCR para outubro, aumento de acordo com o governo federal, a 6° parte incluindo o pessoal de apoio. A educação está de parabéns porque foi para as ruas e reivindicou. Estamos atentos à gestão “, citou.

Continuar lendo

Na rede

Mâncio Lima antecipa pagamento de servidores para aquecer Festival do Côco

Publicado

em

Com objetivo de aquecer a economia durante o Festival do Côco, a prefeitura de Mâncio Lima antecipou para esta sexta feira, 23, o pagamento de todos os servidores públicos municipais.

O evento, que começa nesta sexta prossegue até domingo no Estádio Totão tem na programação 50 casamentos por meio do Projeto Cidadão do Tribunal de Justiça do Acre, apresentação dos indígenas Puyanawa, show do cantor Marcynho Sensação, Festival Gastronômico e escolha da Musa e Mister do evento.

A gestão estima que meio milhão de reais circulem no município durante o Festival, que terá mais de 100 empreendedores vendendo vários itens no Estádio Totão.

O prefeito de Mâncio Lima, Isaac Lima, diz que o côco, café e outros produtos geram renda para a população do município e que o Festival é um mosaico da produção local.

” Mâncio Lima vende 50 mil côcos mensalmente para Cruzeiro do Sul e Rio Branco e o café também é um sucesso. Além da mecanização da terra, damos assistência técnica e vamos doar 400 mil mudas além de adudo. O Festival é a chance de mostrar o que está dando certo e por isso convidamos a população para prestigiar nosso evento “, conclui o gestor.

Continuar lendo

Na rede

Sem data para eleição de mesa diretora, atual presidente é candidato à reeleição no Juruá

Publicado

em

Em Rio Branco já está marcada para o dia 29 de setembro, próxima semana, a eleição da mesa diretora da Câmara Municipal. Mas em Cruzeiro do Sul, não há ainda movimentação neste sentido.

O atual presidente, vereador Franciney Melo, do PP, diz que a eleição vai ser realizada antes do encerramento dos trabalhos legislativos do ano, mas não sabe ainda o mês e o dia da votação dos vereadores para eleger o presidente e demais membros da Mesa.

Melo, que é já foi do Partido dos Trabalhadores (PT) e agora é do PP, do governador Gladson Cameli e do prefeito Zequinha Lima, diz que é candidato à reeleição. Ele conta que por enquanto, não sabe como vai compor com os demais partidos para montar a chapa com vice presidente e secretários da Mesa. Franciney também não tem conhecimento ainda sobre o apoio do prefeito Zequinha Lima para sua reeleição.

“Não teve nenhuma conversa sobre esse apoio do prefeito ainda. Sobre a composição dos cargos, ainda não conversamos com os partidos para saber sobre esse posicionamento dos integrantes da mesa diretora”, relata.

Mesmo se tratando da cidade natal do governador Gladson Cameli e do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Nicolau Júnior, ambos candidatos a reeleição, o presidente da Câmara Municipal acredita que o resultado do pleito de 2 de outubro não vai influenciar a eleição da mesa diretora da Câmara Municipal de Cruzeiro do Sul.

“Acredito que não pois é uma eleição independente e que diz respeito exclusivamente ao poder municipal”, pontuou. Por enquanto, não há informações sobre a existência de outro vereador que vá disputar a presidência com Franciney.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.