Conecte-se agora

Homem mata cão de cadeirante e causa revolta no Acre

Publicado

em

Um ato gratuito de extrema maldade comoveu e revoltou pessoas na região central de Xapuri, quando um homem identificado como Osvaldo Alves da Silva Neto, de 41 anos, matou com uma facada um cão de estimação de um cadeirante muito conhecido em Xapuri, Francisco das Chagas Pereira, mais conhecido como Chico Bacú, de 73 anos de idade.

De acordo com os relatos que o ac24horas obteve, o cadeirante aguardava uma encomenda no porto da catraia, que fica localizado em frente ao hospital, quando Osvaldo Alves da Silva Neto, de 41 anos, sem qualquer motivo aparente, esfaqueou fatalmente o animal que descansava em uma sombra enquanto esperava o dono. O cão morreu ao lado de uma das rodas de uma ambulância.

Após cometer o crime contra o animal, o acusado se evadiu para o outro lado do rio pela catraia. Denunciado, ele foi encontrado por uma guarnição da Polícia Militar que se deslocou para efetuar a sua prisão. Ele estava em casa ainda portando a faca com a qual matou o cachorro do cadeirante. Chorando muito, Chico Bacú relata em um vídeo que o animal era um grande companheiro seu.

Osvaldo Alves foi levado para a Delegacia de Xapuri, onde foi constatado que ele apresentava hematomas no corpo, além de estar completamente embriagado. Em razão disso, foi levado ao hospital para passar por exame de corpo de delito e depois retornaria para a delegacia para os procedimentos cabíveis.

Preso em flagrante, o homem deverá ser indiciado com base na nova legislação que prevê punição mais dura e ampla para quem pratica maus tratos contra cães e gatos, que prevê pena de reclusão de 2 a 5 anos, multa, e proibição da guarda, além de poder ser aumentada de 1/6 a 1/3 se ocorrer morte do animal.

No Acre, já está em vigor a lei que proíbe o exercício de cargo, emprego ou função pública por pessoa condenada pelo crime de maus-tratos contra animais. A vedação vale somente após o trânsito em julgado de sentença penal condenatória. O autor da proposta foi o deputado Roberto Duarte (MDB).

Veja o vídeo:

Acre

Na Expoacre, Uninorte dá desconto e fala sobre novos financiamentos

Publicado

em

O estande montado pelo Centro Universitário do Norte (Uninorte) no Parque de Exposições Wildy Viana, em Rio Branco, recebe o público para apresentar os novos valores e tipos de financiamentos dos 30 cursos disponibilizados pela instituição de ensino.

Por meio de um jogo de dado, o participante pode receber descontos em mensalidades de cursos do Ensino à Distância (EAD), nas matrículas, além de receber brindes como bonés e copos. De acordo com a gestora do setor comercial da Uninorte, Maria Luiza Fernandes, hoje é possível ter acesso ao nível superior pagando pouco.

Com bolsas de estudo, financiamentos, entre outros, a acessibilidade ao ensino superior ficou mais fácil. “A Uninorte passou por uma reformulação e convida todos a conhecerem a instituição e verem os novos valores e possibilidades de financiamentos e bolsas. É possível estudar por um valor acessível na Uninorte”, afirma.

A Uninorte oferece cursos na modalidade presencial, EAD, semipresencial e flex. “Oferecemos também bolsas com 30% de desconto no EAD e matrícula por apenas R$ 49, basta ir à nossa sede conhecer mais”, explica a gestora.

Continuar lendo

Acre

Há 20 anos, cachaçaria faz sucesso com ‘Xixi de Virgem’

Publicado

em

Entre os estandes, restaurantes e barzinhos frequentados pelo público na Expoacre 2022, a cachaçaria Viola Country se destaque não somente este ano, mas nos últimos 20 anos em que a Feira Agropecuária é realizada na capital acreana. Isso devido aos nomes irreverentes que as bebidas recebem, tais como “Xixi de Virgem”, “Amansa Corno”, “Sokanela”, “Nabunda”, entre muitas outras.

De acordo com o proprietário do estabelecimento, Gerson Reis, os nomes batizados continuam atraindo bastante público durante as nove noites de evento, classificando o local como um dos mais tradicionais da Expoacre, que também conta com música ao vivo.

Continuar lendo

Acre

Competição de Motocross marca segunda noite de Expoacre

Publicado

em

Neste segundo dia de feira agropecuária no Parque de Exposições Wildy Viana, em Rio Branco, haverá a competição da segunda bateria do Campeonato Estadual de Motocross. São 70 competidores divididos entre 7 categorias entre atletas do Acre e outros estado.

Neste domingo, 31, será realizada a 4ª etapa do campeonato, onde serão escolhidos os campeões da respectiva. Ao todo, o campeonato terá oito etapas.

A organização do evento conta que ainda procura por apoio empresarial para que a competição continue existindo. Após a Expoacre 2022, a pista ficará mantida para competição no Parque de Exposições.

Estão competindo categoria kids, juvenil, feminina, iniciante e importada. A premiação será em troféu aos pilotos de 1° ao 7° lugar.

Continuar lendo

Acre

Expoacre 2022 movimenta setor de alimentos no Estado

Publicado

em

A Expoacre, maior feira de negócios do Acre, movimenta o setor de alimentos no estado. Após dois anos de pausa devido à pandemia, bares, restaurantes e lanchonetes instalados no Parque de Exposições, que recebe o evento em Rio Branco, têm agora nova oportunidade de ampliar faturamento e minimizar perdas do passado.

Atentos à movimentação, empreendedores do setor apostam na tradição e qualidade de seus produtos para atrair a clientela. “Com 45 anos no mercado, temos amizade grande com nossos clientes, que estavam ansiosos, querendo que abríssemos o restaurante, espero que todos venham aqui também”, disse Amilton Cogo, proprietário de uma das churrascarias instaladas na Expoacre.

De acordo com o dono de restaurante Nelson Pinheiro, o cardápio diferenciado pode ser também um atrativo a mais. “Temos aqui camarão, peixe, de primeira qualidade, além de outros pratos cubanos muito bem servidos”, anunciou.

Durante os nove dias de feira, os portões do Parque de Exposição estarão abertos para receber o público nos restaurantes, das 11 às 15h, para almoço, e das 18 às 23h, para o jantar.

Gastronomia e negócios

Neste ano, a Expoacre reúne ao todo 282 expositores, contando com a participação de empreendimentos da capital e do interior. “O evento movimenta o mercado meses antes da realização, com a geração de empregos e aquecimento do comércio, malharias e construção civil, entre outros segmentos”, lembrou o secretário de Empreendedorismo e Turismo, Márcio Pereira.

Para o atendente Gustavo Pinheiro, a Expoacre abriu as portas para o mercado de trabalho. “Bom momento para eu dar o pontapé inicial. A expectativa é de que tudo flua para todos nós”, disse.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!