Conecte-se agora

Alimentos da cesta básica têm aumento de 11,9% em Rio Branco; carne bovina puxa a alta

Publicado

em

Cálculo da cesta básica de alimentos aponta valor médio de R$ 636,36, estimado em junho de 2022, e revela custo superior em 3,48% ao constatado no último estudo feito em maio (preço médio de R $614,95). Os dados são referentes à pesquisa realizada pela Fecomércio/AC em parceria com o Instituto Data Control, com base em 15 produtos comercializados em quatro supermercados da capital acreana.

Segundo o consultor da presidência da Fecomércio/AC, Egídio Garó, considerando o período de março a junho do corrente ano, o aumento do custo da cesta básica de alimentos em Rio Branco é de 11,9%. Já de janeiro para junho do mesmo ano, a cesta básica aumentou 19,2% na capital.

“Mesmo com a redução de preços observado em alguns itens da cesta básica de alimentos entre os meses de maio para junho (café em pó, açúcar, margarina e biscoito), o custo da cesta básica de alimentos em Rio Branco/AC se mostra superior”, explica Egídio Garó.

Conforme o levantamento, os produtos e quantidades da estrutura elaborada, no seu conjunto, representam provisão alimentar para o consumo mensal de uma família com três pessoas adultas, ou dois adultos e duas crianças. Família essa, com renda média mensal de até R$2.000.

O preço calculado, para a quantidade estimada de cada produto que compõe a estrutura da cesta básica, mostra o indicativo de custo de R $702,37 para o preço maior da cesta de alimentos, bem como R $603,03 para o custo menor.

O estudo conclui que a carne bovina, selecionada para a estrutura de consumo (coxão mole), conforme cálculos para as cestas de alimentos dos meses anteriores, segue representando o item de maior peso financeiro em relação ao custo total.

Destaque 2

Confira a galeria de fotos da terceira noite da ExpoAcre 2022

Publicado

em

As fotos são de Sérgio Vale/ac24horas:

Continuar lendo

Destaque 2

Galeria do ac24horas mostra os melhores momentos da Cavalgada 2022

Publicado

em

Após dois anos de pandemia de Covid-19, o estado do Acre voltou a realizar uma das festas mais tradicionais da região, a cavalgada. O evento abre oficialmente as nove noites de atividades no Parque de Exposições Wildy Viana, arrastando milhares de pessoas para a ExpoAcre.

O fotojornalista Sérgio Vale registrou os melhores momentos da cavalgada que saiu da Gameleira por volta das 8h30 deste sábado (30).

Veja as imagens:

Continuar lendo

Destaque 2

Com marido e sogra em lados opostos, Fernanda Hassem diz que deve apoiar Gladson

Publicado

em

O governador Gladson Cameli se reuniu nesta quinta-feira, 28, no hotel do Sesc de Cruzeiro do Sul, com 14 dos 17 prefeitos que o apoiam na reeleição para o governo do Acre. Na mesa com a prefeita de Brasileia, Fernanda Hassem, e Isaac Lima, de Mâncio Lima, ambos do Partido dos Trabalhadores (PT), adotou um tom ameno e conciliador.

Cameli disse que precisa do apoio dos gestores e afirmou que vai “procurar todos” para caminharem juntos, referindo-se ao senador Márcio Bittar e sua ex-esposa, Márcia Bittar. Nesse quesito, foi apoiado pela maioria dos prefeitos, principalmente o de Sena Madureira, Mazinho Serafim, Padeiro, de Bujari, Maria Lucineia, de Tarauacá e Zequinha Lima de Cruzeiro do Sul.

“Eu preciso do apoio de vocês porque não tem eleição ganha não. Eu sei da importância do senador licenciado Márcio Bittar e vou procurar todos em busca de um entendimento” , destacou Cameli.

Fernanda Hassem relatou que a tendência é “caminhar com o Gladson, sim”. Presente com lugar de destaque na mesa de Cameli, a prefeita de Brasiléia disse que tudo que indica que irá a caminhar com Gladson na eleição de outubro. “As coisas podem mudar, mas a minha tendência é sim caminhar com o governador Gladson Cameli, até porque meu partido não tem tem candidato a governo”, citou.

Estiveram presentes os prefeitos de Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Brasileia, Feijó, Tarauacá, Plácido de Castro, Manoel Urbano, Porto Walter, Bujari, Senador Guiomard, Mâncio Lima, Jordão e Capixaba. Na lista dos que o apoiam, faltaram ao evento os prefeitos de Porto Acre, Bene Damasceno e Assis Brasil, Jerry Correia.

Também estiveram no encontro o senador Eduardo Veloso, deputado federal Jesus Sérgio, deputados estaduais Nicolau Junior, presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Meire Serafim, Luis Gonzaga e Manoel Moraes, além do presidente da FIEAC em exercício, João Paulo.

Continuar lendo

Destaque 2

Sem Jenilson, PT tem plano B para o governo: Nazaré Araújo

Publicado

em

A procuradora do Estado aposentada, Nazaré Araújo, de 55 anos, é o principal nome ventilado nos bastidores do PT para ser a candidata ao governo do Acre nas eleições de 2022. A estratégia ocorre após o deputado estadual Jenilson Leite (PSB) anunciar que disputará o senado federal este ano após meses de pré-campanha ao governo. No início da semana, o PSB, sigla de Leite, divulgou um comunicado informando que as tratativas em torno da dobradinha com o PT foram encerradas devido o ex-senador Jorge Viana não se decidir sobre qual cargo deverá concorrer: senado ou governo. A tendência é que Viana dispute o senado e Araújo o governo.

Na cúpula petista, o nome de Nazaré sempre foi considerado o plano B devido manterem um pé atrás com o PSB, sigla que abandonou o partido nas eleições de 2020 com a ex-prefeito Socorro Neri para receber o apoio do governador Gladson Cameli no pleito. Apesar da ajuda governamental, Neri não foi reeleita, mas sim Tião Bocalom (Progressistas).

Aposentada da Procuradoria-Geral do Estado desde o ano passado, Nazaré já foi vice-governadora na gestão de Sebastião Viana entre 2015 e 2018. Nas eleições de 2018, ela foi candidata a primeira suplente do senador Jorge Viana nas eleições de 2018, mas não logrou êxito. Na pré-campanha das eleições 2022, Nazaré se apresenta nas redes sociais como pré-candidata a deputada federal.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!