Conecte-se agora

Por falta de segurança, crime organizado toma conta de cemitérios da Capital

Publicado

em

Um grupo bem organizado que planeja cuidadosamente toda a ação, vem dominando todos os cemitérios da capital, onde muitos dos servidores estão dispostos a deixar o emprego com medo do grande risco que correm, inclusive de serem assassinados.

O principal alvo é o cemitério de São João Batista, o principal e mais antigo da cidade. No local, centenas de túmulos já foram visitados pelos ladrões, inclusive de famílias tradicionais da época da fundação do cemitério.

O coordenador de cemitérios da Prefeitura Municipal de Rio Branco, Marcos de Souza, o “Marcos Coveiro”, disse que o problema é muito grave, especialmente a falta de segurança em todos os cemitérios da capital. Ele culpa a polícia pela ação dos bandidos.

“Já fiz vários boletins de ocorrências nas delegacias e nada foi feito. Infelizmente, nossa segurança pública é falha. Tem que haver uma fiscalização nos sucatões e pegar os ladrões. Já pegamos alguns deles no flagra e entregamos à polícia, mas logo foram liberados.

O alvo preferido dos ladrões que furtam objetos dos cemitérios da capital são as placas de bronze e cobre, metais valiosos no mercado clandestino dos sucatões e de pessoas que trabalham com os metais. O número de furtos é tão grande que pouca gente vem colocando placas com fotos ou mesmo de identificação nos túmulos de familiares falecidos. Com isso a queda nesse setor é de quase 90%.

“Há mais de dois meses não vendo uma única placa”, disse o artesão Manoel Carlos de Almeida, que trabalha na confecção de produtos para túmulos.

O grupo que age nos cemitérios é tão organizado que pesquisam os itens a serem furtados. Como placas de cobre e bronze estão difíceis, estão levando vasos em porcelana, estátuas e imagens antigas e valiosas, além de flores. Até túmulos já foram violados para a retirada especialmente de joias.

Para os dois casos, o Código Penal Brasileiro é generoso, especialmente para os que violam catacumbas para subtrair objetos. Os itens que ficam dentro dos túmulos são considerados abandonados pela família e quem os subtrai responde por crime de violação de túmulo, que segundo o artigo 210 é punido com uma pena que varia de 1 a 3 anos de prisão. Quem furta os objetos que estão do lado de fora do túmulo é penalizado de acordo com o artigo 155 do CP.

Ainda de acordo com Marcos Coveiro, os ladrões de cemitérios são ousados e muitos ameaçam desde os braçais à administração. Muitas das pessoas que trabalham no período noturno já estão dispostas a abandonar o cargo.

“Eu mesmo já fui ameaçado várias vezes e o mesmo ocorre com os administradores. É necessário que as forças de segurança tomem uma providência, antes que ocorra uma tragédia”, concluiu o coordenador.

Apesar de não existir um número real, acredita-se que mais de 50% dos túmulos de cemitérios públicos da capital tenham sido visitados pelos ladrões, que nos últimos anos agem de maneira organizada. O furto de cobre e bronze é difícil de descobrir, já que depois que as peças são derretidas a principal prova do delito desaparece.

“Geralmente que furta aqui são usuários de droga, no entanto, por trás deles estão os verdadeiros interessados em repassar o material à frente. Esses sim, são perigosos”, relatou um servidor do cemitério São João Batista, que por motivo óbvio não foi identificado.

Cotidiano

Mais de 50 pessoas foram capacitadas no curso de primeiros socorros da Expoacre

Publicado

em

Durante quatro dias da Expoacre, a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) ofereceu um curso de noções básicas em primeiros socorros. A iniciativa teve o objetivo de proporcionar ao cidadão leigo a capacidade de identificar uma parada cardiorrespiratória (PCR) e apresentar alguns procedimentos, em uma instrução de 25 minutos.

No total, 51 pessoas foram contempladas com o curso, saindo do local aptas a identificar situações de emergência. Comunicação com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), noções básicas de PCR, crise convulsiva e engasgo foram alguns dos temas trabalhados durante a capacitação. Ao final, o participante recebeu um certificado de conclusão de curso.

“O propósito foi instruir, de uma forma dinâmica, com metodologias ativas que possam exemplificar, para que qualquer pessoa possa auxiliar alguém que esteja passando por situações de urgência e emergência”, explicou o coordenador de Urgência e Emergência da Sesacre, Edvan Ferreira.

Continuar lendo

Cotidiano

Saúde realiza busca ativa de cães e gatos para vacina antirrábica

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco deu inicio nesta segunda-feira, 8, uma campanha de busca ativa para vacinar cães e gatos nos bairros Sobral e Ayrton Sena.

A busca acontece até a próxima sexta-feira, 12, e pretende imunizar com a vacina antirrábica os animais a partir dos três meses de idade.

A raiva é uma zoonose (doença que passa dos animais ao homem e vice-versa) transmitida por um vírus mortal tanto para o homem como para o animal. Envolve o sistema nervoso central, levando ao óbito após curta evolução.

A transmissão da raiva ocorre quando os vírus existentes na saliva do animal infectado penetram no organismo através da pele ou de mucosas, por meio de mordedura, arranhadura ou lambedura.

Continuar lendo

Cotidiano

Teatro Candeeiro abre seleção de atores para peça Romeu e Julieta

Publicado

em

A Associação Teatro Candeeiro está com audições abertas para a montagem da peça Romeu e Julieta, programada para ser exibida em 2023.

Para participar, é necessário ser maior de 15 anos, preencher um formulário especificando e-mail, nome completo, com a escolha de até 3 personagens que deseja interpretar e ter disponibilidade de horário.

Serão 15 vagas para apresentar a vida do casal mais apaixonado e amado da história. As inscrições acontecem até o dia 12 de agosto e as audições serão realizadas entre 15 e 16 do mesmo mês, às 19h30.

Segundo a diretora da iniciativa, Jaqueline Chagas, que estuda o dramaturgo William Shakespeare a mais de 5 anos, a peça deve estrear em maio do ano que vem.

“Romeu e Julieta é uma das peças mais famosas de Shakespeare e é conhecida no mundo todo, essa será a primeira montagem em caráter profissional em Rio Branco. Qualquer pessoa pode se candidatar independente de gênero aos personagens disponíveis”, disse.

Acesse aqui o formulário de inscrição.

Continuar lendo

Cotidiano

Termina hoje (8) prazo para recusar nomeação como mesário nas eleições 2022

Publicado

em

Os eleitores que receberam na última quarta-feira (3) a convocação para trabalhar como mesários nas eleições deste ano têm até hoje (8) para pedir dispensa da nomeação, apresentando justificativa ao juiz responsável pelo cartório eleitoral onde vota.

Na última quarta-feira (3), terminou o prazo para que cada cartório eleitoral fizesse todas as nomeações de mesários e integrantes do apoio logístico para as eleições. O primeiro turno de votação está marcado para 2 de outubro e eventual segundo turno, para 30 de outubro.

Os mesários trabalham nas mesas receptoras de votos ou de justificativa, dando andamento à fila de votação. Neste ano, a Justiça Eleitoral prevê a convocação de 2 milhões de colaboradores para esse trabalho.

Quem foi nomeado recebeu uma convocação pelo correio, por e-mail ou por WhatsApp, a depender de como cada estado optou por fazer a comunicação. Desde a data de recebimento da convocação, o eleitor tem cinco dias para pedir a dispensa. Nesta segunda-feira (8), portanto, termina o prazo para quem recebeu a notificação na última quarta (3).

Entre os benefícios de trabalhar como mesário está o recebimento de vale-alimentação diário de até R$ 45, a dispensa do trabalho pelo dobro dos dias dedicados à Justiça Eleitoral, caso o cidadão tenha carteira assinada, e a vantagem em critérios de desempate em concursos.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!