Conecte-se agora

Motos: acidentes ainda preocupam em Rio Branco

Publicado

em

Moto é um veículo muito apreciado, que pode trazer grandes facilidades para quem a utiliza como meio de transporte, por sua praticidade. Além disso, ela é usada em uma série de esportes. A motovelocidade, por exemplo, é uma das modalidades que mais agitam os apostadores, e quem gosta de entretenimento esportivo pode ter acesso a mais informações aqui.

Motos ocupam menos espaço, consomem menos combustível, permitem levar mais uma pessoa ou transportar alguns tipos de carga.

Exatamente por isso, é o veículo símbolo de alguns dos hábitos urbanos, como pedir comida por aplicativos. Os motociclistas fazem cumprem essa função logística, fazendo com que a refeição desejada chegue em alguns minutos na casa do comprador.

Rio Branco como todas as capitais e (e cidades) do Brasil tem índices indesejáveis de acidentes com motociclistas, que causam diversos danos às pessoas e suas famílias.

Em alguns casos, são fatais. São pais, filhos, tios que se separam por um segundo de descuido. Dados de 2018 apontam que 75% das indenizações pagas pelo seguro DPVAT foram por morte ou invalidez provocadas por acidentes com motociclistas.

Os acidentes mudam o destino das pessoas e muitas delas tornam-se parceiras de campanhas de prevenção no trânsito.

A página do Detran na rede social Facebook conta a história de Douglas Matheus Lima da Silva, que em 26 de julho de 2019, que entrou em coma após um acidente em que colidiu com um poste. Ele estava retornando para a oficina onde cumpria expediente e estava com pressa para chegar.

Pilotando em alta velocidade, na Avenida Antônio da Rocha Viana, em Rio Branco, Douglas foi fechado por outro veículo, perdeu o controle da direção, resultando na colisão com o poste.

A gravidade do acidente deixou Douglas em coma. Ele recebeu atendimento pouco tempo após o acidente, graças a um chamado para os serviços de emergência.

Levado ao atendimento médico, estava com fraturas internas, que exigiram cirurgias e cuidados intensos. Após a saída do hospital, contou com o apoio da família para todas as demais etapas da recuperação.

O processo deixou Douglas impossibilitado de trabalhar e fazer tarefas rotineiras por alguns meses.

Em vídeo divulgado pelo Detran, postado no Facebook, Douglas fala a respeito do acidente e aproveita para passar uma mensagem às pessoas. “A vida que levamos é muito corrida e acabamos perdendo essa prudência. Quando acontece com a gente, revemos tudo”, afirma. “Estar naquela situação foi um grande alerta para mim”.

Felizmente, ele é um caso de sobrevivente no trânsito. Nem todos têm a mesma sorte. Além de consequências mais graves, como o próprio óbito, pode haver sequelas entre os que sobrevivem.

Respeito às leis, à sinalização e às pessoas é o segredo para redução dos acidentes com motos.

 

Acre 01

Quase 70 pessoas no Acre estão com contas irregulares para as eleições deste ano

Publicado

em

O Tribunal de Contas da União (TCU) entregou na quinta-feira, 11, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), uma lista com nomes de gestores ou ex-gestores que tiveram as contas julgadas como irregulares nos últimos 8 anos.

No Brasil, 6.804 pessoas foram citadas, já no Acre, o número chega a 68, com 119 contas analisadas. Para a lei da Ficha Limpa, este resultado qualifica como inelegível quem deseja concorrer a eleição de 2022, quando não houver mais recursos.

A lista é um dos maiores critérios para avaliar se uma candidatura registrada é valida ou não.

Entre os atos considerados pelo TCU como irregulares, está o dano ao tesouro e bens do Governo, desvio de dinheiro público, a não prestação de contas e a ação caracterizada como antieconômica ou ilegal.

No estado acreano, pelo menos 19 gestores ou ex-gestores tiveram mais de uma conta julgada como irregular. E um deles apareceu por pelo menos sete vezes.

Confira aqui a lista completa.

Continuar lendo

Acre

Homem passa 2 horas preso em elevador da rodoviária

Publicado

em

Um servidor da Rodoviária Internacional de Rio Branco, que não teve o nome revelado, passou por momentos de susto na tarde desta sexta-feira, 12, quando o elevador que existe no local simplesmente travou com o servidor dentro que passou cerca de duas horas para ser resgatado.

De acordo com testemunhas, elevador simplesmente parou de funcionar na hora da descida, deixando o servidor desesperado.

Pessoas que passavam perto ouviram os pedidos de socorro e identificaram que vinha do elevador e acionaram o Corpo de Bombeiros que resgatou o servidor.

O ac24horas entrou em contato com o coordenador da Rodoviária Internacional de Rio Branco, Kiko Lima, que garantiu que o elevador estava em plenas condições de uso. “O elevador não tinha nenhum problema, pelo contrário. O pessoal aqui da RBTrans havia providenciado a manutenção nos últimos dias. A gente vai ver o que ocorreu, mas ele não tinha nenhum problema de falta de manutenção” garantiu.

Uma perícia vai realizada no elevador para descobrir qual a causa do problema mecânico que fez com que o servidor ficasse preso por 2 horas.

Continuar lendo

Acre 01

“Eu venci o câncer”, diz deputada Jéssica Sales ao fazer última sessão de radioterapia

Publicado

em

A deputada federal Jéssica Sales (MDB), candidata à reeleição, usou as redes sociais nesta sexta-feira, 12, para comemorar sua última sessão de radioterapia contra o câncer de mama – diagnosticado no fim do ano passado.

Visivelmente feliz, Sales disse que o fim do tratamento servirá para ela continuar lutando pelo povo acreano. “Venci o câncer. O meu sentimento é de gratidão. Eu vou lutar com unhas e dentes, com muita energia para dar o melhor ao meu estado”, declarou.

O tratamento padrão para o câncer de mama após uma cirurgia conservadora consiste em 25 ou 30 frações diárias de radioterapia. Em algumas situações, hoje é totalmente estabelecido fazer esse tratamento em 15 ou 16 frações diárias – é a chamada radioterapia hipofracionada.

Continuar lendo

Acre

Deputado Jenilson Leite declara ter apenas R$ 367 mil em bens

Publicado

em

O médico e deputado estadual Jenilson Leite pediu nesta sexta-feira (12) registro de candidatura ao Senado pelo PSB apontando como suplentes o Coronel Anastácio, ex-comandante da Polícia Militar do Acre no governo de Sebastião Viana, e o ex-vice-governador César Messias.

Jenilson Leite é acreano de Tarauacá e declarou à Justiça Eleitoral possuir bens que chegam a um total de R$ 367.210,29. Do patrimônio, os bens mais valiosos são dois veículos. Não há casa ou apartamento informado na declaração atual.

Jenilson está em seu segundo mandato de deputado estadual. Em 2014, quando elegeu-se pela primeira vez pelo PC do B, seus bens totalizam R$120.000,00 -um carro e bens relacionados com o exercício da atividade autônoma. Em 2018 declarou R$370.000,00, valor um pouco maior que o atual. Assim sendo, considerando que há estabilidade entre a 2ª e 3ª declarações, é possível dizer que desde 2014 o patrimônio de Jenilson cresceu mais de 200%.

O pedido de registro de Jenilson confirma que o PSB seguirá isolado nesta campanha.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!