Conecte-se agora

Jenilson Leite participa do Grito da Terra em Tarauacá

Publicado

em

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Tarauacá (STRT) realizou nesta segunda-feira (25), a assembleia extraordinária do Grito da Terra. O evento é uma prévia para o congresso estadual da Federação Dos Trabalhadores Na Agricultura Do Acre (Fetacre) que ocorre em maio, em Rio Branco e reuniu associados, líderes sindicais, sociais e rurais, além do vereados Manoel Monteiro e do deputado Jenilson Leite, que é pré-candidato ao Governo. O ex-presidente do STRT, Chagas Batista e o presidente do Sinteac, Lauro Benigno também participaram do evento.

O objetivo do evento é discutir melhorias de ramais, educação, saúde, regularização fundiária, escoamento da produção, Programa Luz para Todos, Previdência Social, além de outras pautas referentes a melhoria de vida das famílias que residem nas áreas rurais.

A assembleia recebeu o nome de Jose Sidenir das Chagas, uma forma de homenagear delegado sindical desde os anos 80 e um exímio defensor dos direitos dos trabalhadores rurais, foi vereador por três mandatos e faleceu em março do ano passado, vítima da Covid-19.

Jenilson, que antes de se ser médico se formou como técnico agrícola e já atuou no Sindicato dos Produtores Rurais de Tarauacá e na Emater, sabe da importância de um olhar sensível às necessidades dos produtores. “Parabenizo toda a direção, que está fazendo hoje um ato extraordinário em um momento muito necessário para a vida dos trabalhadores rurais do estado. Precisamos ter um Governo que faça mais pelo povo, que entre outras ações, dê mais apoio para a produção e mais crédito. Como deputado estadual, tenho buscado legislar pela melhoria de vida para o nosso povo, foram até agora 7 anos com um mandato feito fora do gabinete, subindo e descendo rios levando atendimentos, ouvindo o povo nas localizações mais distantes, para ajudar como posso, e faço isso porque sei a necessidade da população da zona rural, pois nasci no seringal e senti na pele as dificuldades que a população ali enfrenta. E hoje estou com o nome posto a pré-candidato ao Governo por saber que podemos fazer muito mais por nossa gente, pois tenho certeza que o Acre só tem saída se tivermos um Governo que entenda incentive o Acre a produzir mais. O agronegócio é importante e tem o meu apoio, mas se não apoiarmos o trabalhador rural da agricultura familiar, a vida do povo na cidade vai ficar mais difícil a cada dia”, disse o pré-candidato ao Governo.

Fernando Feitoza, diretor de formação do STRT e ex-presidente da entidade, destacou a importância do Grito da Terra. “O congresso é importante para que a gente possa debater as políticas públicas, uma vez que estamos desassistidos pelo poder público municipal e estadual. E quando os trabalhadores se reúnem, estão dando um recado, de que querem ser ouvidos e assistidos. Por exemplo, no melhoramento de ramais, assistência técnica, crédito e escoamento da produção. Temos ramais que estão há seis anos sem serem abertos e isso traz um impacto muito grande na vida do trabalhador, porque isso impossibilita o escoamento da produção e também de o trabalhador arcar com as dívidas no banco”, afirmou.

O presidente Eudes da Silva, destacou a importância de discutir o momento difícil que vive o produtor rural. “É um evento para fazermos as reivindicações e agradecemos demais a presença do nosso deputado, Jenilson, pois precisamos ser vistos. A vida do trabalhador vive um momento muito difícil, não temos educação de qualidade, saúde nem se fala, vivemos com a desvalorização da produção e as condições de trabalho que temos hoje não está nada fácil”, destacou Eudes.

Acre

Rio Acre está quase 1,5 metro abaixo da média histórica em agosto

Publicado

em

As plataformas utilizadas pelo Governo do Estado para medir o nível dos rios registraram redução de nível na leitura da manhã desta segunda-feira, 1º de agosto, no Rio Acre em Rio Branco: o manancial começou o mês de agosto medindo 1,73 metro na capital.

Isso significa que o Rio Acre está 1,38 metro abaixo da média histórica para o dia 1º de agosto, que é 3,11 metros.

Em Brasiléia, o Rio Acre está medindo 1,43 metro. Não há leitura em Assis Brasil mas todas as demais plataformas registram vazante em relação às medições anteriores.

O maior acumulado de chuva no Estado do Acre neste 1º dia de agosto ocorreu em Santa Rosa do Purus, que registrou 6,0 milímetros de chuva.

Os dados são da Agência Nacional de Águas (ANA) e Serviço Geológico do Brasil, compilados pelo governo acreano.

Continuar lendo

Acre

Município de Feijó segue liderando ranking das queimadas no Acre

Publicado

em

Foram registrados 1.442 focos de queimadas segundo o satélite S-NPP, entre os dia 1 de janeiro e 31 de julho de 2022. Os números, até agora, são menores que igual período do ano passado. O satélite S-NPP é um dos que fornecem os dados utilizados pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Povos Indígenas (Semapi) para análise de desmate e queima no Acre.

O município de Feijó registrou 13,38% desses focos, com total de 193 focos. Em seguida vem Tarauacá com 188 focos -ou 13,04% do total – e Rio Branco (9,9%) com 144 focos.

Feijó é o líder do ranking de incêndios em 2022 em todos os boletins fornecidos pelos satélites utilizado pela Semapi. Só em julho foram 125 focos naquele município.

A detecção de focos de queima é feita a partir de imagens captadas por satélites. Cada satélite, seja ele polar ou geoestacionário, possui um sensor óptico. Os sensores de satélites polares, utilizados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), são o AVHRR/3 dos NOAA-18, NOAA-19, METOP-B, MODIS dos NASA TERRA, AQUA, VIIRS do Suomi-NPP, NOAA-20 e os sensores dos satélites geoestacionários são o GOES-16, MSG-3.

Continuar lendo

Acre

Petecão registra candidatura nesta terça e divulga Plano de Governo

Publicado

em

O candidato ao governo pela coligação “Com a Força do Povo”, Sérgio Petecão (PSD), fará nesta terça-feira (2), às 15h30, na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o registro da candidatura junto à Justiça Eleitoral da chapa majoritária encabeçada por ele; o advogado João Tota Filho (PSD), candidato a vice-governador; e a deputada federal Vanda Milani (Pros), candidata ao Senado Federal.

O Plano de Governo, que será entregue pessoalmente pelos candidatos majoritários ao TRE, consiste em um documento de 55 páginas que estabelecem as diretrizes principais de governo, e as políticas públicas que o candidato pretende implementar no Acre, caso seja eleito. O material, que será juntado ao registro de candidatura, também será divulgado para consulta pública por meio da imprensa.

“Essa foi uma construção que começou seis meses atrás com muita gente envolvida. Hoje, nós apenas concretizamos um trabalho que me deixa muito orgulhoso. É um plano objetivo, possível de ser executado e que atende os anseios da população do Acre, porque foi feito ouvindo as pessoas”, explica Petecão.

O Plano de Governo do candidato Sérgio Petecão incluiu centenas de propostas colhidas ao longo das visitas que o candidato fez às 22 cidades do Acre nos últimos meses. Em todas as regiões do estado o candidato realizou o seminário com o tema “Construindo o Acre da Inclusão e das Oportunidades”.

Durante os eventos, em cada município visitado, os representantes da sociedade organizada, as lideranças comunitárias e o povo em geral puderam opinar sobre os problemas que enfrentam no dia a dia, e contribuir com a formulação de soluções que poderão ser implementadas na esfera do Poder Executivo estadual, caso o candidato seja eleito.

As principais diretrizes do Plano estão pautadas no estímulo ao desenvolvimento econômico, investimentos em infraestrutura, melhoria dos serviços públicos, políticas públicas voltadas ao bem estar social, e apoio a ciência e cultura. O candidato acompanhou pessoalmente o trabalho de compilação e formatação dos dados, executado por uma equipe de especialistas em gestão pública.

“O nosso governo só terá sentido se for um governo que atenda às demandas da sociedade, especialmente da população mais necessitada, que também será uma prioridade em nossas ações à frente do Poder Executivo”, finaliza Petecão.

Continuar lendo

Acre

ExpoAcre terá João Gomes, Tarcísio do Acordeon e Vitor Fernandes

Publicado

em

Os shows nacionais na Expoacre 2022 começam na noite desta segunda-feira (1º), no Parque de Exposições Wildy Viana, com a apresentação dos cantores João Gomes, Tarcísio do Acordeon e Vítor Fernandes, a partir das 23 horas.

A programação do dia, no entanto, começou às 9 horas da manhã, com o julgamento da Raça Nelore. À tarde, às 15h ocorre o 1º torneio Expoacre de Beach Tênis.

Às 17h iniciam-se os atendimento da Agência de Negócios do Acre (Ageac) para aquisição de carteira de gratuidade para transportes de intermunicipais (idoso, estudante, professor e especial).

A abertura ao público dos estandes de exposições, setores de gastronomia e atividades de negócios e entretenimento acontece a partir das 18 horas. O encerramento de todas as atividades no parque ocorre às 3h, desta terça-feira (2).

A Expoacre deste ano ainda terá as apresentações das duplas Maiara & Maraísa e Netto & Henrique, nesta terça-feira (2), e Wesley Safadão, no encerramento, no domingo (7).

Antes do encerramento, porém, a maior feira do Acre terá a sua noite gospel, cuja atração principal será a cantora Bruna Karla, que se apresenta na quinta-feira (4).

Além das exposições e dos shows musicais, a programação da Expoacre 2022 tem outras atrações como rodeio, prova de vaquejada, prova de motocross, prova de laço em dupla, provas de tambor.

Para entrar no parque o público deve portar o comprovante de vacina com o esquema completo ou até a 2ª dose, além de usar máscara durante o tempo de permanência e circulação em ambientes fechados.

No caso de não estar vacinado, o participante deverá apresentar exame feito 24 horas antes do evento com resultado negativo para a doença.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!