Conecte-se agora

Secretário diz ter sido mal interpretado sobre “Fake News” e situa segurança pública no Acre

Publicado

em

O convidado do programa Bar do Vaz desta semana é o secretário de Justiça e Segurança Pública do Acre, coronel Paulo Cezar, que falou, entre outros assuntos, sobre a atual situação da segurança pública no estado, organizações criminosas e meios de prevenção utilizados atualmente pelo executivo estadual.

Sobre a suposta ‘guerra entre facções’, o gestor diz ter sido mal interpretado após a divulgação de suposto toque de recolher ou ameaças. “O que é ‘fake’ é a notícia de supostos ‘salves’. Nós não podemos, definitivamente, afirmar se [a mensagem] pertence, se foi proferida por uma determinada organização criminosa ou não”, argumenta.

Para o coronel, essas informações levam terror e mal-estar à sociedade, além de que em muitas das vezes, não foram proferidas por organizações criminosas. “Isso ocorre em todo o país e estamos discutindo a nível nacional como tratar essas questões, porque, de qualquer forma, potencializa essas organizações”.

Cezar afirma que a secretaria possui serviços de inteligência que buscam a origem dessas informações antes de leva-las à sociedade. “Há integração dos serviços de inteligência e núcleos em todo o estado”. O gestor ainda falou sobre o uso do “Guardião”, que requer autorização judicial e que também é usado para a prevenção de outros crimes.

Assista:

video

Blog do Crica

Disputa para o Senado embola no grupo Palaciano e PSDB lança Beirute ao senado

Publicado

em

O PSDB registrou a Ata da sua convenção com a candidatura do médico e ex-vereador Carlos Beirute, para o Senado. Beirute confirmou no início desta tarde ao BLOG DO CRICA que a sua candidatura se encontra mantida e já está em fase de organização da campanha. “Estaremos viajando está semana para um entendimento com a direção nacional do PSDB, para que a minha candidatura seja chancelada”, disse.

Sobre ser uma decisão isolada, destacou que muito pelo contrário, pois, no fechamento da ata houve o aval dos candidatos a deputado estadual e deputado federal para a sua candidatura a senador. O grande número de candidatos a senador, segundo Beirute, lhe deu mais incentivo para entrar na disputa, pois tem serviços relevantes prestados à sociedade.

O PSDB não se sentiu prestigiado na montagem da chapa majoritária do governador Gladson Cameli, seus dirigentes argumentam que foi quebrado um acordo pelo qual o deputado federal Alan Rick (União Brasil) seria o candidato único a senador e o médico Carlos Beirute (PSDB) o primeiro suplente. Por isso, o lançamento de uma candidatura ao Senado pelos tucanos.

Continuar lendo

Acre 01

Acre começa a semana com 745 novos casos de Covid e 19 internados com a doença

Publicado

em

O estado do Acre confirmou 745 novos casos de coronavírus nesta segunda, 8, de agosto. O número de infectados notificados é de 146.233 em todo o estado. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), nenhum óbito foi notificado nesta segunda, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.021 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 352.057 notificações de contaminação pela doença, sendo que 205.795 casos foram descartados e 29 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 128.882 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 19 continuavam internados até o fechamento deste boletim.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município

Continuar lendo

Acre 01

Servidores da Câmara de Cruzeiro do Sul são condenados por improbidade administrativa

Os atos causaram lesão ao erário e violaram os princípios da Administração Pública

Publicado

em

Nove servidores da Câmara Municipal de Cruzeiro do Sul devem devolver R$ 55.261,00 aos cofres públicos. A decisão é da 2ª Vara Cível daquela comarca, os réus foram condenados por danos ao erário, e terão suspensos os direitos políticos por seis anos, além do pagamento de multa civil.

A decisão também determinou a proibição aos réus de contratar com o Poder Público, receber benefícios, ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário.

Os demandados na ação de improbidade administrativa são: Francisco Ribeiro da Silva, Nicolau Alves de Freitas, Franco Severiano de Melo Gomes, Armando José de Oliveira, Romário Tavares Dávila, Paulo Soriano da Silva, Altemar Virgínio da Silva, Edvaldo Gomes de Oliveira, Raimundo Luís de Souza.

De acordo com os autos, a condenação se refere a irregularidades nas prestações de contas do ano de 2009 da Câmara Municipal. A análise comprovou a utilização indevida de verba de gabinete para o pagamento de “ajuda de custo” e celebração de contratos com valores superiores a R$ 8 mil, sem o devido processo licitatório.

O juiz de Direito Marlon Machado confirmou a ilegalidade perante a ausência de comprovação dos gastos. “Os demandados, por má-fé ou por displicência injustificável, liberaram a verba pública em flagrante descumprimento às normas pertinentes”, afirmou o magistrado.

Um décimo réu já é falecido, contudo, a sanção foi transferida para os herdeiros, uma vez que a Lei de Improbidade Administrativa (Lei n° 8.429/92) prevê que “os sucessores daquele que causar lesão ao patrimônio público ou se enriquecer ilicitamente estão sujeitos às cominações desta lei até o limite do valor da herança.

A decisão está disponível na edição n° 7.117 do Diário da Justiça Eletrônico (pág. 95), da última terça-feira, dia 2. (Processo n° 0002644-86.2012.8.01.0002).

Continuar lendo

Na rede

Zequinha Lima quer lançar a esposa como suplente de Ney Amorim

Publicado

em

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima (PP) articula uma aliança para que sua esposa, Lurdinha Lima, seja a suplente na chapa de Ney Amorim para o senado.

“É justo. O Ney de lá e a Lurdinha aqui do Vale do Juruá”, citou Zequinha, que constrói essa aliança junto ao governador Gladson Cameli desde o final de semana.

Lurdinha é pedagoga e lidera o Grupo Permanente de Trabalho e Apoio ao Serviço Humanitário de Cruzeiro do Sul, que abriga as coordenações de Combate à Violência Contra a Mulher e de Combate à Discriminação Racial. É a primeira vez em 117 anos de fundação que Cruzeiro do Sul tem essas estruturas de políticas afirmativas de gênero e raça.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!