Conecte-se agora

Um resgate da memória acreana: espetáculo conta histórias do homem ribeirinho

Publicado

em

O Coletivo Iluminar apresenta na segunda semana de dezembro o espetáculo Fiandeiro de Tempos, um monólogo que trata dos modos de vida e causos do homem ribeirinho, famílias que encontram na floresta tudo que precisam, do alimento à fé. Fiandeiro de Tempos é um resgate da memória, fruto de histórias da infância do ator Victor Onofre. Esse trabalho foi feito a partir de um processo de pesquisa, onde percorreu seringais e comunidades do Rio Murú no Jordão, Serra do Môa, em Mâncio Lima e comunidade do Crôa, em Cruzeiro do Sul.

Victor Onofre fala sobre o que o público pode esperar. “Fiandeiro me traz a expectativa de resgatar e divulgar os saberes que vêm se perdendo ao longo dos tempos. É a magia em forma de poesia, que encanta e conta a história de um povo, de um Acre um tanto desconhecido. E é no palco que o Fiandeiro se metamorfoseia em história e relato”, conta.

O espetáculo é financiado pela Lei Aldir Blanc de apoio à cultura. Esse trabalho quer semear a valorização da memória e patrimônio imaterial do Acre. A direção geral é de Quilrio Farias, com codireção de Dino Camilo. A temporada de estreia compreende o período de 7 a 11 de dezembro, com início sempre às 19h30 na Usina de Arte João Donato, localizada no Distrito Industrial, em Rio Branco. O espetáculo tem cerca de 50 minutos de duração.

Diante do atual cenário de protocolos sanitários contra a Covid-19 e em cumprimento ao decreto do comitê de acompanhamento da doença no estado, que estabelece com a bandeira amarela a capacidade máxima de 50% de ocupação de público, a garantia de um lugar para assistir ao espetáculo será por ordem de chegada. O Uso de máscara será obrigatório.

Em cumprimento ao decreto governamental que torna obrigatório a apresentação de comprovante de vacinação contra a Covid-19 em eventos culturais com mais de 100 pessoas, será exigido o certificado de vacinação para a entrada ao teatro.

Serviço:

Dias: 7, 8, 9, 10 e 11 de dez/2021

Horário: 19h30

Local: Usina de Arte João Donato

Endereço: R. Acácias 1155 – Distrito Industrial

Cotidiano

Comitê descarta que sintomas de criança não estão associados à vacina contra a Covid-19

Publicado

em

O governo do Acre divulgou uma nota técnica na tarde deste domingo, 23, onde afirma que o Comitê Técnico Estadual de Investigação de Eventos Adversos Pós-Vacinação contra a Covid-19 descartou que os sintomas de que de febre, dor abdominal e diarreia líquida, apresentados por uma criança vacinada no município de Brasileia não tem relação com o imunizante.

“Em virtude de notícias falsas sobre efeitos colaterais em uma criança vacinada em Brasiléia na última quarta-feira, 19, às 11h com o imunizante da Pfizer, o Comitê Técnico Estadual de Investigação de Eventos Adversos Pós-Vacinação contra a Covid-19, conclui que os sintomas de febre, dor abdominal e diarréia líquida, com início às 23h do mesmo dia têm temporalidade entre a vacinação e o quadro clínico apresentado, mas não tem causalidade, portanto não há relação entre o efeito adverso e a dose do imunizante aplicado na criança”.

Na nota, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) esclarece que a criança, internada no Hospital Regional de Brasileia, está estável, em observação clínica, recebendo tratamento de gastroenterite, que foi o diagnóstico dado.

A Sesacre ressalta ainda que a vacinação de crianças de 5 a 11 anos é essencial para o controle da pandemia, pois diminui a probabilidade de apresentação de quadros graves da doença, assim como diminui a necessidade de internação em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no estado.

Continuar lendo

Cotidiano

Gladson diz que aulas só irão reiniciar quando a maioria dos estudantes estiverem vacinados

Publicado

em

O governador Gladson Cameli publicou um vídeo nas redes sociais na tarde desta sábado, 22, falando sobre o crescimento dos novos casos de Covid-19 e reforçando o pedido para que as pessoas se vacinem.

“Estamos passando por um momento crítico, onde é preciso a consciência e a participação de todos. A pandemia não acabou e a variante ômicrom é muito mais contagiosa. O resultado da vacinação está aí, desta vez temos muito menos em internações graves e UTIS. Quem ainda não se vacinou, corre muito mais perigo. Então quem ainda não se vacinou, que procure um posto de vacinação e se imunize”, afirma Gladson.

O governador mandou um recado aos pais dos alunos da rede pública. Gladson disse que as aulas não começam enquanto a maioria das crianças não estiverem vacinadas. “A vacinação infantil já começou e quero avisar que as aulas na rede estadual só irão começar quando a grande maioria das crianças forem vacinadas”, explica.

O governador fez questão de lembrar que o governo está ampliando o número de leitos e contratando mais profissionais, mas pediu ajuda da população. “Faça a sua parte, continue usando máscaras em locais fechados, mantendo um distanciamento social e vacine-se. É por você e por todos nós”, afirmou Gladson.

Continuar lendo

Cotidiano

Acre volta a bater casos de Covid-19 com mais de 1,5 mil pessoas infectadas em 24 horas

Publicado

em

O Acre voltou a registrar o maior número de pessoas infectadas em 24 horas desde o início da pandemia. De acordo com o boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), o estado registrou 1.529 novos casos de infecção por coronavírus neste sábado, 22 de janeiro. O número de infectados subiu para 93.533 em todo o estado.

Apesar da grande quantidade de casos, mais uma vez não houve registro de óbito, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça 1.854 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 265.290 notificações de contaminação pela doença, sendo que 171.558 casos foram descartados e 199 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 86.706 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 37 seguiam internadas até o fechamento deste boletim.

Continuar lendo

Cotidiano

Rio Acre deve se manter longe das cotas de atenção e alerta nas próximas semanas

Publicado

em

As chuvas abaixo da média esperada para o mês de janeiro fizeram com que nesta última semana a tendência geral dos níveis dos rios na bacia do Rio Acre tenha sido de estabilidade. Em todas as estações, os níveis do manancial encontram-se abaixo da zona de normalidade para este período do ano, segundo o Sistema de Alerta Hidrológico da Bacia do Rio Acre (SAH Rio Acre).

Na manhã deste sábado, o nível do rio na capital acreana é de 7,06 metros – medição feita às 6 horas da manhã pela Coordenação de Defesa Civil Municipal de Rio Branco. Nas últimas 48 horas, o rio registrou um aumento de nível de 1,54 metros – os dois últimos registros foram 5,54 metros na manhã da última quinta-feira (20); 6,54 metros na manhã desta sexta-feira (22).

Para as duas próximas semanas, estão previstas chuvas em toda área da bacia. A previsão é de que as precipitações totalizem cerca de 64 mm na primeira semana e 76 mm na semana posterior. Esse acumulado resulta em uma média diária de aproximadamente 10 mm, valor que é pouco superior à média de precipitação do mês de janeiro, de aproximadamente 9 mm por dia.

Em Rio Branco a tendência é de que, com o aumento das chuvas nos próximos dias, os níveis do rio Acre se elevem, mas se mantendo com comportamento próximo da média. No entanto, é improvável, de acordo com o último Boletim de Monitoramento Hidrológico da Bacia do Rio Acre, que o rio alcance as cotas de atenção e alerta nas próximas semanas.

Os dados hidrológicos utilizados nos boletins divulgados pelo Sistema de Alerta de Eventos Críticos são provenientes da Rede Hidrometeorológica Nacional de responsabilidade da Agência Nacional de Águas (ANA), operada pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM), e demais parceiros – o sistema monitora dados de 17 bacias hidrográficas do país.

Os dados de previsão de chuvas são provenientes do Centro de Previsão Climática da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional dos Estados Unidos (CPC/NOAA) e são usadas ainda informações de previsões meteorológicas produzidas pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – CPTEC/INPE.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Content is protected !!