Conecte-se agora

Carro pega fogo e tem perda total em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Na noite deste sábado, 16, um carro Honda Civic, pegou fogo na rua Germano Franklim no bairro João Alves, em Cruzeiro do Sul (AC). O motorista, que não quis se identificar, disse que o veículo estava parado e estacionado sem ninguém dentro, quando as chamas começaram. Ele não quis dar maiores detalhes sobre o caso.

O sargento Márcio do Corpo de Bombeiros do Acre (CBMAC), contou que quando a guarnição chegou as chamas estavam altas, mas não houve explosão . Os Bombeiros conseguiram apagar o fogo, mas a perda foi total. Ninguém ficou ferido.

Na rede

OAB e Tribunal de Justiça vão fazer inspeção no presídio do Juruá

Publicado

em

Em meio à “greve” dos Policiais Penais, suspensão de visitas e rebelião de presos, a Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, Subseção de Cruzeiro do Sul e a Corregedoria de Presídio do Tribunal de justiça farão uma inspeção no Complexo Penitenciário Manoel Neri, na segunda-feira, 6.

A inspeção será feita pela presidente da Subseção da OAB de Cruzeiro, advogada Núbia Sales de Melo e pela juíza Ivete Tabalipa, que responde inteiramente pela corregedoria do Presídio na Comarca do município. Elas vão ouvir presos e apresentar demandas.

“O pleito da OAB será pelo posicionamento do presídio quanto a retomada das visitas e do banho de sol dos presos porque tais direitos estão previstos na Lei de execução penal”, cita Núbia, que irá também buscar informações sobre a ação policial dentro do presídio neste sábado, 4 durante o início de rebelião na unidade prisional de Cruzeiro do Sul.

Continuar lendo

Na rede

Presos feridos são atendidos dentro do presídio e no Pronto-Socorro de Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Depois do fim da rebelião no presídio de Cruzeiro do Sul, neste sábado, 4, vários presos foram atendidos por um médico dentro da unidade prisional e um deles, Jose Arison, teve que ser levado para o Pronto Socorro da cidade.

“Agora a tarde apenas um preso foi conduzido ao Pronto Socorro pra fazer curativo na perna de um ferimento leve de bala de borracha”, explicou o diretor do presídio, Elves Barros, que confirma o controle da situação no Complexo Penitenciário Manoel Neri. “O GPOE juntamente com a guarnição fez o procedimento de contenção. Tivemos apoio da PM não segurança externa. Fizemos a contenção do motim”.

Camila Mesquita, que tem familiares presos no local, passou o dia na entrada do acesso ao presídio, afirma ter ouvido dos Policiais Penais, que o motivo da “greve” deles, que resultou na suspensão de visitas e teve a rebelião como consequência, tem o objetivo de chamar a atenção do governo. A intenção deles não seria de atingir os presos. “Eles disseram que não tem problemas com os presos e que querem que o governo os atenda. Só que no meio disso tudo estão os presos e nós, familiares que só queremos ver nossos irmãos, maridos e filhos”, relata.

Cruzeiro do Sul segue sem visitas

Este é o terceiro final de semana em que os presos ficam sem visitas dos familiares em Cruzeiro do Sul.

Na tarde deste sábado, o governo do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária – Iapen anunciou a retomada das visitas neste domingo, 5, em Rio Branco e Tarauacá. As unidade penitenciárias de Sena Madureira, Cruzeiro do Sul e Senador Guiomard ficaram de fora da retomada e terão cronograma de retorno de visitas divulgado posteriormente.

Continuar lendo

Na rede

Presídio de Cruzeiro do Sul tem princípio de rebelião entre presos

Publicado

em

Em protesto contra o terceiro final de semana sem visitas de familiares, os presos do Complexo Penitenciário Manoel Neri, em Cruzeiro do Sul, fizeram uma rebelião no local, na manhã deste sábado (04). Segundo informações, os 8 blocos há focos da rebelião, o que fez com que todos os Policiais Penais, incluídos os de folga, fossem convocados ao presídio.

O Grupo Penitenciário de Operações Especiais (GPOE) e a Polícia Militar já encontram-se na unidade prisional tentando controlar a situação.

Segundo o IAPEN, houve apenas o início de rebelião, que já teria sido controlada. “Foi uma batedeira de grade, mas a PM está no local. Agora a equipe vai fazer uma revista estrutural para verificar se houve dano”, afirmou.

Situação anunciada

De acordo com informações obtidas com exclusividade pelo ac24horas, que a situação dentro da unidade vive sob um enorme tensão. Os Policiais Penais estão “em greve” pela não aprovação da Lei, que regulamenta a carreira deles.

Visitas e banhos de sol estão suspensos há 3 semanas e, neste período, familiares de presos, fazem constantes manifestações. “A qualquer momento pode dar um grande B.O no presídio, como greve de fome, quebradeira, fuga e outras coisas”, adiantou a fonte.
Os 20 Policiais Penais, que ocupam cargos de confiança no Complexo Penitenciário Manoel Neri, em Cruzeiro do Sul, pediram afastamento das funções no último dia 29 e ainda não foram exonerados pelo governador Gladson Cameli.

O ac24horas apurou ainda que o grupo espera pela exoneração sem desempenhar as atividades para as quais são designados. “Sair sem ser exonerado dá abandono de função e eles podem responder administrativamente. Mas o serviço dentro do presídio está quase todo parado, sem banho de sol dos detentos”.

Os 20 agentes penais pediram exoneração por meio de uma Nota/Carta enviada ao governador Gladson Cameli e à imprensa na segunda-feira (29). Os diretores não deixaram as funções.

O motivo dos pedidos é a não aprovação da Lei, que cria o cargo de Policial Penal. Eles querem ganhar igual aos Policiais Civis, absorção das gratificações ao vencimento básico e administrar os presídios.

“Estamos entregando os cargos em razão da não aceitação convicta e clara da forma com que o governador do Estado, Gladson Cameli, bem como a pessoa do Diretor Presidente Arlenilson Cunha vêm se portando, de forma contrária às nossas reivindicações, tentando de todas as formas fazer cessar o movimento. Movimento este que se dá de forma pacífica e ordeira, e principalmente dentro da lei”, afirmou um dos policiais.

Continuar lendo

Na rede

Em dez minutos, criminosos armados fazem quatro assaltos

Publicado

em

No final da tarde desta sexta-feira, 3, em cerca de dez minutos, dois homens armados fizeram quatro assaltos na Vila Assis Brasil, na zona rural de Cruzeiro do Sul.

O primeiro assalto, a um supermercado, aconteceu as 16h e não há imagens. Já no segundo assalto, que foi filmado, é possível ver que a ação ocorre as 16h24min, também e um mercado. A dupla entra em um mercado e leva dinheiro do caixa e joias da proprietária.

Já em outro vídeo, 6 minutos depois, os homens chegam a um posto de combustível e levam o dinheiro do frentista. Nos dois vídeos é o mesmo homem que age enquanto o outro dá retaguarda.

Segundo testemunhas, na hora da fuga, a moto da dupla falhou. Os homens então assaltaram uma mulher que estava no caminho e levaram a moto dela, somando o quarto assalto.  A dona da motocicleta, Naissa Rodrigues, publicou uma foto da moto roubada nas redes sociais. “Se vocês virem essa moto vermelha com adesivo Deus é fiel, por favor, me avisem. Assalto aconteceu em frente do Restaurante da Zeni”, pediu ela na publicação.

Até as 22 horas desta sexta, a Polícia Militar não havia conseguido prender os assaltantes.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas