Conecte-se agora

Blogueiras do Acre enfrentam fila de 2h para comer, bebida quente e pane em show no México

Valor médio do pacote para curtir o evento no resort custou cerca de R$ 4.100

Publicado

em

O evento em que blogueiras do Acre participam na cidade de Cancún, no México, realizado pelo cantor Wesley Safadão, tem sido marcado por caos na organização, segundo informou o jornalista Leo Dias em sua coluna publicada no Metrópoles nesta segunda-feira (11).

De acordo com Dias, o WS Weekend, realizado em um resort, era para ser um momento de diversão, mas acabou se tornando um caos na vida dos fãs do artista que compraram os pacotes para viagem. Entre eles está um grupo de blogueiras acreanas que pagaram cerca de R$ 4.100 num pacote e partiram em busca de conteúdo para as redes sociais: Juliana Vellegas, Iasmyne Sampaio, Rebeca Aguiar e Emily Aguiar.

Segundo a coluna de Leo Dias, as expectativas do público foram frustradas com o péssimo serviço do resort. Algumas pessoas relatm que levam mais de duas horas e meia para conseguir fazer uma refeição no local. Para piorar, até mesmo as bebidas são servidas quentes aos hóspedes.

“Ontem levamos 2:15 pra comer, o serviço está horrível! Literalmente estamos passando fome aqui, tem que implorar para conseguir alguma coisa”, disse uma fonte que não quis se identificar ao jornalista do Metrópoles.

Em conversa com a coluna LeoDias, alguns hóspedes revelaram que quando a comida é servida é um “salve-se quem puder”. O cardápio servido na praça de alimentação do resort all inclusive está aquém do prometido nos pacotes de viagem. No “vasto” cardápio, os clientes podem escolher entre nuggets, hambúrguer e frango frito.

Fonte: Metrópoles

Acre 01

Homem é encontrado morto dentro de rede em residência na Baixada da Sobral

Publicado

em

José Ribamar Vasconcelos, de 59 anos, foi encontrado morto na noite desta quarta-feira, 27, dentro de sua residência localizada na rua 10 de Novembro, no bairro Boa União, na Baixada da Sobral, em Rio Branco.

Segundo informações da polícia, moradores da região sentiram um mau cheiro vindo da residência e ligaram para familiares que se deslocaram até a casa. Quando adentraram, encontraram José Ribamar morto com o corpo em estado avançado de decomposição dentro de uma rede. De acordo com a família, a última vez que José foi visto foi no sábado (23).

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e ao chegar ao local o médico atestou a morte de José Ribamar.

A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do perito em criminalística. O perito inicialmente constatou que a vítima pode ter sofrido um mal súbito.

O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames de cadavéricos.

Continuar lendo

Acre 01

Sindicato dos Médicos pede a suspensão do processo seletivo da prefeitura de Rio Branco

Publicado

em

O Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) ajuizou na terça-feira, 26, a ação civil pública (ACP), de número 0713627-91.2021.8.01.0001, contra a Prefeitura de Rio Branco pedindo a suspensão do processo seletivo simplificado para a contratação provisória de médicos. A entidade aponta irregularidades no método da contratação, resultando no descumprimento da Constituição Federal que determina a realização de concurso público.

De acordo com advogado, Marciano Cardoso, como o município não realiza certame desde 2015, as contratações temporárias estão ocupando vagas efetivas, contrariando a legislação, o que resultaria em prejuízo para a população.

Além do pedido de suspensão do processo seletivo, a ACP propõe que a Justiça aplique multa caso a gestão municipal descumpra a decisão. O processo está concluso para decisão.

Segundo o presidente do Sindmed-AC, Guilherme Pulici, outro problema seria a falta de reforma do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR), prejudicando os profissionais que já atuam e aqueles que irão trabalhar.

“Apresentamos uma proposta de reforma do PCCR e aguardamos uma contraproposta para o dia 1° de novembro. Estamos dispostos a negociar, por isso buscamos respostas”, afirmou o sindicalista que ainda cobra concurso público efetivo.

A classe já deliberou para a realização de greve a partir do dia 8 de novembro caso não haja avanços. Ainda existe a ameaça de demissão coletiva de todos os médicos.

Continuar lendo

Acre 01

Ao som de ‘late coração’, Gladson dança com servidora pública em solenidade

Publicado

em

Apesar dos protestos na solenidade que tratava da reinauguração da sede da Secretária de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), localizada na rua do Senadinho, o governador Gladson Cameli (Progressistas), separou um tempinho na manhã desta quarta-feira, 27, para dançar ao som de ‘Late o Coração’.

No vídeo que viralizou nesta terça, a banda da Polícia Militar do Acre (PMAC) toca a música dos cantores, Ávine e Matheus Fernandes. Este não é o primeiro vídeo em que o governador aparece dançando e que faz sucesso com os internautas.

Em janeiro deste ano, Gladson dançou ao lado do Zé Gotinha na entrega do lote de vacinas CoronaVac na Divisão Estadual de Imunização e Rede de Frio, em Rio Branco (AC).

Veja o vídeo:

DANCA GLADSON
Continuar lendo

Acre 01

Moisés Diniz defende Rocha e dispara contra Duarte: “vá cuidar dos problemas do Acre”

Publicado

em

O secretário-adjunto de Educação, Cultura e Esportes, Moisés Diniz, usou as redes sociais na noite desta segunda-feira, 26, para responder às provocações feitas pelo deputado estadual, Roberto Duarte (MDB).

Em entrevista ao Boa Conversa, exibido pelo ac24horas, Duarte afirmou que nunca contrataria Moisés para integrar sua equipe de governo e criticou a postura do cacique em relação aos seus ex-companheiros da Frente Popular do Acre (FPA).

Em um longo texto, Moisés pede que o emedebista vá cuidar dos problemas do Acre e que use o mandato em benefício da população.

“Vá cuidar dos problemas do Acre. O senhor foi eleito pra isso. Tem mandato. Use seu poder pra ajudar as pessoas. Eu sou um simples assessor. Não desça as escadarias do seu palácio pra debater com um humilde professor, que nem “verba indenizatória” tem”, escreveu.

Em outro trecho, o cacique questiona a moral que Duarte tem para pedir a renúncia do vice-governador já que faz, segundo ele, o mesmo papel do vice contra o governador na Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac).

“Segundo, que eu tenho lado, não fico com esse joguinho de político independente: que bate no Governador e o seu partido tem cargos no governo. Quem disse que esses cargos não vão lhe apoiar na eleição? Esse partido cresce com as estruturas do governo e aumenta o fundo eleitoral. O senhor não vai usar o fundo eleitoral? Coerência tem que ser irrestrita. Eu prefiro a coerência do Flaviano ou do Wagner Sales. Que moral o deputado tem para pedir a renúncia do major Rocha, quando o senhor tem o mesmo comportamento?”, escreveu.

“Terceiro, não trabalho com futurologia. Sou Gladson e não adianta ficar com ciúmes. O que serei no futuro é um problema meu, não cabe a nenhum político ficar dando uma de cartomante”, acrescentou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas