Conecte-se agora

Mara Rocha ataca Kinpara após nomeação de Degmar: “os desleais não sobrevivem”

Publicado

em

A deputada federal Mara Rocha (PSDB) usou as redes sociais nesta segunda-feira, 23, para lamentar a nomeação da esposa do candidato derrotado à Prefeitura de Rio Branco nas eleições de 2020, Minoru Kinpara, Degmar Kinpara, para o cargo de presidente do Instituto de Mudanças Climáticas (IMC).

Em um longo texto, Mara diz que a nomeação de Degmar Kinpara mostra que não existe uma identidade ideológica, mas sim o oportunismo de Minoru Kinpara.

A deputada afirmou que se sente decepcionada com o casal Kinpara, em apoiar a reeleição do governador Gladson Cameli, que segundo ela, “trabalhou contra a candidatura dele [Minoru] à prefeitura de Rio Branco”.

“Como muitos têm seu preço, a mudança de planos foi a nomeação da esposa no Instituto de Mudanças Climáticas e Regulação de Serviços Ambientais do Acre, divulgada hoje no Diário Oficial.

Em outro trecho, a parlamentar afirmou que teve que enfrentar o governador de São Paulo, João Doria, e o presidente Nacional do PSDB, Bruno Araújo, para manter a candidatura de Kinpara à prefeitura.

“Enquanto Gladson Cameli fazia acordo com o governador de São Paulo para se filiar ao PSDB em troca da retirada da candidatura do Minoru, e enquanto o Presidente Estadual do PSDB se escondia da campanha e trabalhava para derrubar Minoru Kimpara, eu, Mara Rocha briguei para que a candidatura fosse mantida e fui para as ruas pedir votos e defender o nome de Minoru Kimpara para a prefeito de Rio Branco. Assim também fizeram os muitos do PSDB que foram demitidos por apoiá-lo. Para nossa surpresa veio a ingratidão e traição. Mesmo garantindo que caminharia conosco nas eleições de 2022, alegando reconhecer a nossa luta para mantê-lo candidato, Minoru se alia ao “Rei de Araque” que tem o dom de iludir e mentir, e ao seu bando que lutou para retirar sua candidatura”, afirmou.

Por fim, Mara Rocha afirma que os “desleais” não sobrevivem por muito tempo na política e salientou que o ex-reitor da Universidade Federal do Acre não tem uma identidade, mas sim um oportunismo político aventureiro.

“Com todo respeito ao professor Minoru Kimpara e a sua esposa Degmar, afirmo que os desleais não sobrevivem por muito tempo na política. Da vivência que tive na caminhada com o professor Minoru Kimpara, além da decepção, ficou muito claro de que não existe uma identidade e sim oportunismo de um político aventureiro que não cabe nem na esquerda e nem na direita”, encerrou.

Cotidiano

Neném Almeida pede retorno do auxílio emergencial para servidores da saúde no Acre

Publicado

em

O deputado Neném Almeida (Podemos) publicou em suas redes sociais um pedido de retorno do Auxílio Temporário de Emergência em Saúde (ATS), ao governo do Estado.

Esse adicional de insalubridade foi destinado aos servidores da Saúde e da Segurança Pública e tinha a intenção de suprir os gastos excepcionais e emergenciais decorrentes da exposição excessiva de agentes públicos aos efeitos da pandemia causada pelo novo coronavírus.

Como justificativa para o retorno do pagamento, o parlamentar destacou que com o aumento do números de casos de Covid-19, esses profissionais voltarão a ser muito exigidos no combate à essa doença, e que por isso merecem um abono financeiro. “É extremamente importante que todos os servidores que estejam na linha de frente sejam contemplados com esse benefício. Precisamos ajudar aqueles que nos ajudam”, destacou Almeida.

O deputado finaliza lembrando que muitos desses profissionais após o contato com essa doença ficaram com sequelas como limitação respiratória, ansiedade e depressão, e outros chegaram a perder a própria vida no combate ao vírus.

Continuar lendo

Cotidiano

Moradora reclama da demora de quase 2h para realização de atendimento em Upa

Publicado

em

A moradora do bairro Belo Jardim II, na região do Segundo Distrito, em Rio Branco, Elaine Priscila Gomes, 30 anos, resolveu procurar a reportagem do ac24horas neste domingo, 16, para denunciar demora no atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no conjunto habitacional da Cidade do Povo.

Segundo ela, na unidade de saúde estavam aguardando cerca de 15 pessoas, no entanto, o médico, Renan Nunes da Silva não cumpriu o início dos atendimentos, fazendo com que os pacientes esperassem mais de 2 horas. “Eu cheguei era mais de 13 horas, e já era mais de 15 horas e não fui atendida. Isso é um descaso. Ficamos mais de hora aguardando atendimento”, declarou.

Em resposta ao atraso, a denunciante contou que a recepcionista da UPA falou que o médico só atenderia casos de emergência, no entanto, após quase 2 horas de espera ele resolveu chamar os pacientes para o atendimento. “A moça disse que o médico tava lá para atender emergência. Deu três horas. O médico estava bem dormindo”, reclamou.

A reportagem do ac24horas buscou contato com a direção da unidade de saúde, no entanto, não obtivemos resposta.

Continuar lendo

Cotidiano

Corpo desaparecido, incêndio criminoso e naufrágio são registrados no interior do Acre

Publicado

em

O fim de semana está agitado nos municípios de Manoel Urbano e Sena Madureira, foram várias ocorrências, entre elas, um homem de identidade não revelada, do Estado do Amazonas, caiu da ponte ao tentar fazer uma selfie na noite de sábado, 15, na ponte sobre o Rio Purus. O mesmo está desaparecido e mergulhadores tentam localizar o corpo. A informação foi repassada pelo Sargento Queiroz, do Corpo de Bombeiros da região.

De acordo com os relatos, o turista estava com um grupo de amigos, quando decidiu parar na ponte para tirar uma fotografia, no entanto, após um descuido, o homem caiu nas águas do Rio Purus. “O rapaz é morador do município de Lábrea, estava passeando, parou na ponte e acabou caindo, desaparecendo”, explicou.

O militar destacou que na manhã deste domingo, 16, a equipe de mergulhadores continua com as buscas, mas até o momento, não encontraram o corpo do turista.

Já no município de Sena Madureira, ocorreu no sábado, 15, no bairro Canizio Brasil, um incêndio criminoso, onde os agentes arrombaram a residência e atearam fogo nos móveis da vítima. “O fogo consumiu os móveis e derreteu a parte do PVC do forro”, ressaltou.

Por fim, ainda em Sena, duas embarcações afundaram no Rio Macauã, sendo uma voadeira e uma canoa, ambas estão no fundo do manancial. “Apenas danos materiais”, informou o sargento.

Informações Aldejane Pinto

Continuar lendo

Cotidiano

Sem acertadores, Mega-Sena acumula em R$16 milhões para quarta-feira (19)

Publicado

em

Não houve acertadores no sorteio deste sábado (15) da Mega-Sena e o próximo prêmio está estimado em R$ 16 milhões.

As dezenas sorteadas no sábado foram: 15 -17 – 20 – 35 – 37 – 43.

A quina teve 58 apostas ganhadoras, cada uma vai receber R$ 30.313,67. Já a quadra teve 3.161 acertadores e cada um vai ganhar R$ 794,59.

O próximo sorteio será na quarta-feira (19). As apostas podem ser feitas também pela internet.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Content is protected !!