Conecte-se agora

Em Xapuri, católicos retomam romaria de São João do Guarani

Publicado

em

Há mais de 100 anos, o dia 24 de junho é marcado em Xapuri por uma das maiores manifestações religiosas do município. No dia de São João Batista, a comunidade católica local também celebra uma alma milagrosa conhecida como São João do Guarani, cuja fama é conhecida até mesmo em outros estados da federação, atraindo devotos de diversas localidades.

João do Guarani foi, segundo relatos orais, um seringueiro que morreu sozinho no meio da floresta no começo do século 20, possivelmente vítima de malária. Encontrado e sepultado por vizinhos, algum tempo depois teria passado a atender pedidos feitos por moradores da região, que eram adeptos de forte religiosidade, ganhando fama de milagreiro.

Anualmente, é realizada uma romaria que leva centenas de pessoas à localidade distante cerca de 40 quilômetros de Xapuri – hoje uma estrada de chão dá acesso ao local. Geralmente é realizada uma grande festa na comunidade, com o apoio da prefeitura e da igreja católica, cuja programação reúne atividades religiosas, esportivas e culturais.

No ano passado, a pandemia impediu que o evento fosse realizado, talvez pela primeira vez desde a sua origem, o que não impediu que muitas pessoas se dirigissem à localidade, mas o momento vivido em razão do novo coronavírus fez com que, no entanto, pela primeira vez em tantos anos a grande festa não acontecesse como de costume.

Neste ano, o empresário e músico Almir Ribeiro, xapuriense radicado em Rio Branco, pagou a sua promessa de fazer uma reforma completa no santuário de João do Guarani, que estava com a aparência bastante desgastada. No caso do cruzeiro, a peça de bronze foi totalmente lixada e pintada na sua cor original, segundo Ribeiro, que relatou a motivação de sua promessa.

Segundo ele, o cruzeiro que está diante da capela de João do Guarani foi construído em Belém (PA) e instalado no local pelo seringalista Valdemar Teles Brilhante, popularmente conhecido como Nenê França, como pagamento de uma promessa que fez quando seus negócios começaram a desandar. Com a graça alcançada, o seringalista cumpriu o prometido.

“Eu acabei de me criar a 20 minutos dali e meu pai, nessa época, era quem cuidava de tudo lá. Muito tempo depois, quando meus negócios começaram a dar errado, me inspirei na história do Nenê França e fiz uma promessa de reformar o santuário e devolver o cruzeiro ao estado original caso as coisas se resolvessem. E foi isso o que aconteceu”, contou Almir Ribeiro.

A história

As origens do culto ao “santo seringueiro” de Xapuri não são muito claras, mas acredita-se que as manifestações relacionadas a João do Guarani começaram a ocorrer por volta do ano de 1906, depois que um homem se perdeu nas matas daquela região ao desviar de uma cruz, seu objeto de medo, que havia avistado ao longo do varadouro.

Para encontrar o caminho de volta, o homem teria recorrido a uma “promessa” ao seringueiro falecido e, assim, encontrado a saída, avistando novamente a cruz, e atribuindo o fato à alma de João. A partir daí a tradição foi ganhando força com o passar dos anos e o seringueiro de fim trágico se tornou uma das mais conhecidas almas milagrosas do Acre.

Outro relato interessante é o de que João não residiria na colocação Guarani, como muitos pensam, mas sim em uma outra localidade, no seringal Recife, na região do Rio Iaco. O Guarani seria apenas um local de passagem para Xapuri e o seringueiro, que seria pernambucano, teria morrido ali, na beira do varadouro, onde foi levantada a capela em sua homenagem.

É importante ressaltar que não há uma história “oficial” a respeito da alma milagrosa de São João do Guarani. Os relatos são orais e contados de diversas maneiras através dos anos. No entanto, a essência das informações que foram sendo transmitidas de geração em geração é sempre a mesma: a morte de um seringueiro em condições de abandono e sofrimento no meio da floresta.

Acre

“O Acre só tem a ganhar”, diz Mailza na posse do ministro Ciro

Publicado

em

A senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC) participou nesta quarta-feira, 4, da posse do presidente nacional do Progressista, senador Ciro Nogueira (PP-PI) para o Ministério da Casa Civil. A cerimônia aconteceu no Palácio do Planalto com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro.

“Estou muito esperançosa que o Ciro Nogueira tem muito a contribuir com seu conhecimento e nossa parceria em promover melhorias para o Brasil e pela nossa boa relação, para o nosso Acre. Ele é qualificado, técnico, tem um histórico de boas ações por onde passou. Tenho certeza que fará um excelente mandato a frente da pasta, ajudando todos nós, aqueles que acreditamos na força e na coragem do nosso povo”, resumiu a parlamentar.

Após a cerimônia, Ciro Nogueira – já empossado novo ministro – fez um vídeo de elogios a parlamentar e afirmou que será parceiro do Estado do Acre.

“Reafirmo meu compromisso com o Acre e destaco seu trabalho [senadora Mailza]com a sua luta, essa grande liderança do Progressista no estado. Você pode ter certeza que tem um grande parceiro aqui”, disse Nogueira a Mailza Gomes, presidente do Partido Progressista no estado.

Estiveram presentes os Progressistas do Acre, o governador Gladson Cameli, deputados estaduais Nicolau Júnior – presidente da Aleac – e Gerlen Diniz e os prefeitos Rosana Gomes, de Senador Guiomard e Bené Damasceno, de Porto Acre, que comemoraram a conquista para o partido.

Continuar lendo

Acre

Rio Branco anuncia vacinação para jovens acima de 17 anos

Publicado

em

A Secretaria de Saúde de Rio Branco (Semsa) anunciou o TBT da vacinação para adolescentes acima de 17 anos. A imunização ocorrerá na quinta-feira (5) e será aplicada, exclusivamente, em sete pontos da capital.

Já outros cinco pontos devem disponibilizar somente a segunda dose. O horário de atendimento é das 8h às 16h.

A iniciativa foi possível após a Comissão Intergestores Bipartite (Cib), composta por todas as secretarias municipais do Estado do Acre, decidir, na manhã desta quarta-feira, 4, que a capital poderá iniciar a vacinação do público adolescente, somente com a aplicação da vacina Pfizer.

Os pontos de vacinação da 1ª e 2ª dose:

Urap Hidalgo de Lima; Urap Rosângela Pimentel; Urap Maria Barroso: Urap Vila Ivonete; Urap Roney Meireles; Urap Cláudia Vitorino; Urap Eduardo Assmar

Já os que irão aplicar apenas 2ª dose:

Drive-thru em frente ao 7º BEC; Urap São Francisco; Urap Bacurau; Urap Valdeiza Valdez; Policlínica Barral y Barral.

Continuar lendo

Acre

Acre passa das 500 mil doses aplicadas da vacina contra Covid-19

Publicado

em

O Acre conseguiu superar a marca de 500 mil doses de vacina contra Covid-19 aplicadas na população. São exatas 500.999 doses alcançadas nesta quarta-feira (4), segundo o último boletim da Secretaria de Estado da Saúde.

Com a 1ª dose são 371.023 doses e totalmente imunizados com duas doses são 129.956 pessoas. Nada menos que 10.083 tomaram a dose única da Janssen.

No ranking dos municípios, Rio Branco é o que mais vacina em número de doses, e Jordão, o último.

O avanço da vacinação tem relação direta com a redução de casos, internações e mortes por Covid-19 mas, segundo o médico e deputado Jenilson Leite, os cuidados sanitários pessoais e coletivos devem permanecer. Ou seja: o uso de máscaras, distanciamento social e higiene das mãos com água e sabão ou álcool em gel devem ser mantidos.

Continuar lendo

Acre

Acre deve receber mais de 17 mil doses de vacina da Pfizer

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) informou nesta quarta-feira, 4, a chegada do 34º lote de vacinas contra Covid-19 ao Acre na quinta-feira, 5, sendo 17.550 doses da vacina produzida pela farmacêutica Pfizer.

Os imunizantes da Pfizer devem desembarcar às 14h10, no Aeroporto de Rio Branco. Segundo informações repassadas ao ac24horas, as vacinas devem ser usadas para imunização dos jovens de 12 a 17 anos.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas