Conecte-se agora

Com Acre na bandeira amarela, bares e restaurantes podem funcionar até meia-noite

Publicado

em

Durante a 21° reunião do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 nesta terça-feira (11), que anunciou a nova classificação de risco definida pelo Pacto Acre sem Covid, na qual todas as regionais do estado avançaram para o Nível de Atenção (Bandeira Amarela), o secretário de saúde Alysson Bestene, declarou que bares e restaurantes podem funcionar até a meia-noite.

De acordo com a resolução do Pacto Acre sem Covid, fica mantida a restrição no horário de funcionamento dos seguintes estabelecimentos e atividades comerciais com atendimento ao público, por exemplo, restaurantes, lanchonetes e similares deverão encerrar a comercialização de bebidas alcoólicas até às 22h, devendo encerrar inteiramente suas atividades até às 00h (meia-noite). Da mesma forma os bares, distribuidoras de bebidas e similares estão liberados para funcionar até o mesmo horário.

Após os horários permitidos para o funcionamento com atendimento ao público, os estabelecimentos poderão se manter em funcionamento exclusivamente para atendimento por meio de delivery, devendo manter fechados todos os acessos, sendo vedado qualquer tipo de atendimento presencial ao público, inclusive na modalidade drive-thru e congêneres.

Destaque 3

Acre tem 18 novos casos de Covid-19 nesta sexta-feira e 25 exames em espera, diz boletim

Publicado

em

Segundo o boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), 18 novos casos de Covid-19 foram registrados no Acre nesta sexta-feira, 24. Assim, o número de infectados chega a 125.464 em todo o estado. Nenhuma morte ocorreu, mantendo o número de óbitos pela doença em 2.002.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI, está com 3,33%, de acordo com o guia de monitoramento, com 2 pessoas internada, e 25 exames de RT-PCR à espera de análise do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

O Acre registra até o momento, 330.492 notificações de contaminação pela doença, sendo que205.303 casos foram descartados e 122.930 pessoas já receberam alta médica.

Os dados da vacinação contra a covid-19 podem ser acessados no Painel de Monitoramento, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio.

As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS), ficando sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Continuar lendo

Destaque 3

Lotes de losartana de Rio Branco não estão incluídos na lista de recolhimento da Anvisa

Publicado

em

Na última quinta-feira, 23 a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou o recolhimento e interdição de diversos lotes do medicamento losartana.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco (Semsa), os remédios disponíveis nas unidades de saúde municipal não estão incluídos nas listas, portanto, não precisarão passar por esta solicitação.

“A Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco informa à população que os lotes do medicamento Losartana 50mg que está sendo dispensado em nossas unidades de saúde NÃO estão incluídos nessas listas e, portanto, não serão recolhidos e nem interditados” diz o comunicado.

Usados para tratar pressão alta e insuficiência cardíaca, foram identificados nos medicamentos que devem ser recolhidos, a presença da impureza “azido” em concentração acima do limite de segurança aceitável.

A agência alerta que qualquer decisão deve ser conversado com o médico, e depois das orientações, caso seja necessário realizar a troca, o paciente precisa entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) do laboratório que fabrica a losartana para se informar sobre a ação.

Ainda de acordo com a Anvisa, todas as pessoas que utilizam o remédio não devem interromper o seu tratamento.

“A hipertensão e insuficiência cardíaca exigem acompanhamento constante e qualquer alteração no tratamento deve ser feita somente pelo médico que acompanha o paciente. Deixar de tomar o medicamento pode trazer riscos para a saúde do paciente”, destaca.

Continuar lendo

Destaque 3

Professores selecionados em processo são convocados para entrega de documentos

Publicado

em

As Secretárias de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE) e de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), divulgaram nesta quinta-feira, 23, no Diário Oficial, três editais de convocação em processos seletivos de cadastro de reserva e para a contratação de 122 professores temporários.

Os educadores atuarão em escolas das áreas rurais e urbanas, dos municípios de Acrelândia, Brasileia, Bujari, Capixaba, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia, Feijó, Mâncio Lima, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira, Senador Guiomard e Tarauacá.

Os profissionais irão suprir as necessidades das disciplinas de Artes Visuais, Educação Física, Ciências, Língua Espanhola, Língua Inglesa, Língua Portuguesa, História, Matemática, Geografia, Física e Química.

Cada candidato selecionado deve comparecer nos endereços descritos nos certames até o dia 4 de julho para a entrega dos documentos e assinatura do termo de contrato.

Acompanhe os editais:

EDITAL Nº 016

SEPLAG/SEE/REGULAR

EDITAL Nº 028

SEPLAG/SEE/REGULAR

EDITAL Nº 065

SEPLAG/SEE/REGULAR

Continuar lendo

Destaque 3

Com 90% dos adultos vacinados ao menos uma vez, Acre está há 2 meses sem óbito por Covid

Publicado

em

Com informações da Agência de Notícias do Acre

O Brasil vem enfrentando nas últimas semanas o que especialistas consideram uma quarta onda de contaminação da Covid-19. Em pouco mais de um mês, o país registrou uma alta de 78,3% em novos casos. Em 26 de abril, os dados mostravam uma média móvel de 14.600 novos diagnósticos. Já em 31 de maio, o número saltou para 26.032.

Apesar do aumento, o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Acre (Cievs) considera a situação epidemiológica do estado estável. O estado completou nesta semana dois meses sem confirmar óbitos pela covid-19.

A última notificação pela doença foi anunciada no dia 24 de abril, quando dois idosos de 69 e 57 anos faleceram no Pronto-Socorro de Rio Branco. Mais de sessenta dias depois, o cenário epidemiológico do estado é completamente diferente. O número de óbitos, a contar do início da pandemia, estagnou em 2.002 e o número de pessoas internadas que outrora passou dos 170, nesta terça-feira, 21, é de apenas dois.

O Acre possui mais de 90% da população adulta vacinada com pelo menos uma dose da vacina, o que para o Programa Nacional de Imunização (PNI) tornou as pessoas mais protegidas contra as formas graves da doença, reduzindo consideravelmente o número de hospitalizações e mortes.

“O monitoramento é feito de forma quinzenal e estamos em uma fase de estabilidade, contudo, devido à rapidez de transmissão da doença, é um dado que pode mudar nos próximos relatórios. Seguimos alerta e monitorando”, destacou Gabriel Mesquita, chefe do Departamento de Vigilância em Saúde do Acre.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!