Conecte-se agora

Políticos que deixam bons exemplos 

Publicado

em

EXISTEM políticos que passam pelo mandato, e depois que perdem, no outro dia são esquecidos. Viram mais um na multidão. E, há os cujos nomes ficam para a posteridade como bons exemplos na política, área onde sempre prevaleceu o mau exemplo. Se há alguém em quem os que estão entrando agora na política podem se mirar, é o ex-governador Nabor Júnior (MDB).

Era um malabarista, conseguindo andar sem cair na corda bamba do MDB, que era dividido (como é até hoje) entre alas conflitantes. Chegou ao Palácio Rio Branco como uma “zebra”, o favorito para ganhar a primeira eleição direta após o fim da ditadura militar, era o ex-senador arenista Jorge Kalume (PSD). 

Foi também deputado estadual, deputado federal e senador. Durante este período, não se conhece um deslize por ele cometido. Nabor é o que pode se chamar de “líder político.” Depois que perdeu a eleição para o Senado – numa das campanhas mais sujas que já presenciei no estado, movida pelo PT, tentando desconstruir sua história com ataques morais – Nabor Júnior se recolheu, abandonou a vida pública, foi se dedicar aos familiares, mas deixou um legado que, na política também se pode ser honesto. 

Nabor Júnior fez um governo sem mágoa, sem perseguição, sem rancores, e por isso será lembrado sempre como a figura política mais expressiva que o MDB já teve em suas fileiras, e sua história será sempre marcada pela lisura dos seus atos.

PARTIDOS COM ATRATIVO

DOIS PARTIDOS terão um atrativo especial para suas chapas para a ALEAC, na eleição de 2022: PSD e PSL, que não aceitarão deputados. Deixa todos em igualdade.

SEM CACIFE

O PSDB está sem cacife político para reivindicar na eleição do próximo ano a indicação de um vice na chapa do Gladson Cameli. Tem de correr do zero para formar uma chapa para Câmara Federal, e completar a de deputado estadual.

METE A CHAVE NA PORTA

Ora, dona Aurora, se é para deixar os dirigentes empresariais decidirem fora da ciência sobre como deve ser conduzida a pandemia, melhor apagar a luz, meter a chave na porta, e mandar o Comitê da Covid para a rua.

NÃO CABE INGERÊNCIA

EM ATOS DA SAÚDE não tem lugar para a ingerência política, ingerência empresarial, mas, unicamente, para a ciência, afinal, estamos tratando é de preservar vidas. Ou não?

COMO É QUE É?

VAMOS fechando a semana com uma média superior a mais de 10 mortes diárias, UTIs lotadas, ontem, foram registrados 300 casos de infecção pelo Covid, e defendem abrir tudo? Tem alguém querendo queimar o governador Gladson em fogueira de labareda alta. Só pode ser!

NÃO TEVE CONVERSA

NÃO tiveram sucesso as tentativas de retiradas das assinaturas dos deputados do MDB do pedido de instalação da “CPI da Educação”. O MDB funciona como as Capitanias Hereditárias, com diversos mandatários.

ENGABELOU O GLADSON

POR VÁRIAS vezes, publiquei neste espaço que, a força do senador Márcio Bittar (MDB) dentro do partido é de um mosquito. Deu uma loba no governador Gladson Cameli, ao prometer que jogaria o MDB no seu colo político.

NÃO HÁ COMO BRECAR

DEIXANDO DE LADO o MDB, não há como brecar juridicamente a “CPI da Educação.” Tem número de assinaturas suficientes e objeto definido. O fato de já haver investigação judicial não é fator impeditivo, como não foi para a instalação da CPI da Pandemia, no Senado.

NADA CONTRA O GLADSON CAMELI

NÃO HÁ DNA do governador Gladson Cameli em nenhum dos escândalos da Educação. Não vejo motivo pelo qual ele tenha entrado pessoalmente no debate. Tudo o que fala, só acirra o clima, e o leva de graça para o olho do furacão. Era para fazer de conta que a CPI nem existia.

TUDO QUE A OPOSIÇÃO

O GLADSON, quando entra no debate da CPI, é tudo o que a oposição quer. Não há para o governador outra conduta melhor que não fosse evitar o confronto.

DUAS MÃOS

A “Operação Mãos Limpas”, na Itália, que levou para a cadeia centenas de infratores graúdos, foi detonada pelo Legislativo. No Brasil, a “Operação Lava Jato”, com ação idêntica, foi detonada pelo Judiciário. Este é o nosso país.

PPP

CONTINUA valendo no Brasil, a premissa que por esta banda descoberta por Cabral, só são legais as prisões de preto, pobre e puta. É a dedução a que se chega.

BONZINHO AMBIENTALISTA

O QUE É A POLÍTICA! O presidente Bolsonaro apareceu na cúpula do clima prometendo ser um feroz combatente contra a devastação ambiental da Amazônia. Mas, só que, pela prática devastadora do seu governo, os países do primeiro mundo, querem primeiro ver o milagre para crer.

DESMATAMENTO ZERO

AO PROMETER chegar a 2030 com desmatamento ilegal zero na Amazônia, por certo deve ter causado arrepios na turma do agronegócio e nos bolsonaristas mais ranhetas.

O LULA É INTERESSANTE!

NÃO vi ainda um discurso do ex-presidente Lula sobre os escândalos do seu governo e no governo da Dilma. Fala como se nada tivesse ocorrido neste período, é muita cara de pau! E, ainda aparece liderando as pesquisas.

REI DAS DIVIDIDAS

O “Rei das Bolas Divididas” nas brigas da base do governo contra a oposição, deputado Gerlen Diniz (PP), é um nome lembrado para Relator da “CPI da Educação.”

É GOSTAR DE DESGASTE

É gostar de desgaste, só pode ser! A PMRB, só, depois de apanhar nas redes sociais por exigir nas unidades de saúde, as presenças das pessoas com comorbidades para se cadastrarem, está voltando atrás e aceitar o contato por celular, proposto pela vereadora Michele Mello (PDT).

DEVAGAR, DEVAGARINHO

ENQUANTO isso, o estado continua entre os que menos recebeu doses para a imunização da população contra a Covid, e a vacinação andando devagar, devagarinho.

BARRA PESADA

SE FOR colocar no bico da pena, é uma barra governar um estado pobre como o Acre, que vive de repasses federais. Só para cobrir o buraco mensal da previdência estadual, o governo desembolsa 51 milhões de reais. Desequilibra qualquer orçamento.  

E, AGRADEÇAM O DÓRIA!

E, NÃO FOSSE o governador João Dória ter agido para termos a Coronavac no Brasil, mesmo debaixo da saraivada de críticas dos negacionistas, estava um caos.

PURA PERDA DE TEMPO

NÃO vão conseguir nada investigando a gestão do deputado Daniel Zen (PT) na Educação, vão lhe dar um atestado de honestidade ao fim das investigações. 

FATO A SE REGISTRAR

O PREFEITO Tião Bocalom está em forte desgaste popular, não há como esconder. Mas tem muito tempo para se recuperar, começando por abandonar o ar rude. Uma coisa é certa: não esperem dele, bandalheira na gestão.

FICA ATÉ MAIO

O SECRETÁRIO Alysson Bestene fica na SESACRE até o fim de maio, depois vai assumir a Secretaria de Governo, onde cumprirá o papel de articulador político do Gladson.

COMEÇANDO BEM

ALYSSON tem se antecipado e começado a conversar com pessoas experientes em política, com vivência eleitoral, para compor um grupo de conselheiros políticos, visando a eleição de 2022, quando disputará a reeleição.

MP ESSENCIAL

VOLTO A BISAR que o MPE e o MPF têm tido até aqui condutas exemplares para conter os negacionistas da ciência, nesta pandemia que continua ceifando vidas.

FRASE MARCANTE

“As ideias devem ser recebidas como hóspedes, cordialmente, mas com a condição de não tiranizarem o dono da casa”. (Alberto Moravia)

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.