Conecte-se agora

Atraso na entrega de vacinas deixou Rio Branco sem 1ª dose por mais de uma semana

Publicado

em

A capital acreana ficou mais de uma semana sem vacinas para imunizar a população com a primeira dose contra os efeitos da Covid-19. A expectativa era que um novo lote de vacina chegasse na última quarta-feira, dia 7, o que não ocorreu. Com isso, a vacinação ficou suspensa em Rio Branco, estando disponível apenas a segunda dose para idosos que estão dentro do prazo estabelecido.

A secretaria municipal de saúde espera que novos imunizantes cheguem à capital ainda nesta sexta-feira, dia 9. Só assim a campanha de primeira dose poderá ser reiniciada. Rio Branco está com cinco pontos de vacinação, sendo nas Unidades de Referência de Atenção Primária (Uraps) Cláudia Vitorino, Eduardo Asmar, Hidalgo de Lima, Roney Meireles e Vila Ivonete, além do drive-thru situado no antigo pátio do Detran em frente ao 7º BEC.

Até o momento, menos de 8 mil pessoas tomaram as duas doses da vacina contra a Covid-19 na capital acreana. Ao menos 27.252 pessoas ainda precisam tomar a segunda dose do imunizante. Ao todo, desde o início da campanha, 34.807 pessoas, entre idosos, acamados, profissionais de saúde e idosos que vivem em situação de abrigos ou em casas de repouso, receberam vacina.

Desse quantitativo, a Vigilância Epidemiológica de Rio Branco informou que 7.555 pessoas foram imunizadas com a segunda dose até agora. Até a chegada do último lote de vacinas, na semana passada, a saúde municipal de Rio Branco recebeu do governo do Acre, enviados pelo Ministério da Saúde (MS), um total de 39.639, referentes os imunizantes CoronaVac (produzido pelo Instituto Butantan) e AstraZeneca/Oxford. Desse total, 11.862 das vacinas são reservadas para a segunda dose de reforço.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas