Conecte-se agora

Militares manifestam contra governo no Acre e homenageiam colegas vítimas da Covid-19

Publicado

em

Com cruzes e música fúnebre, policiais militares de Rio Branco e Cruzeiro do Sul fizeram homenagem aos colegas que faleceram durante a pandemia de  Covid-19. Os atos foram realizados no final da tarde desta quinta-feira, 1°, na capital, em frente ao Palácio Rio Branco, e em Cruzeiro do Sul, na frente da casa do governador Gladson Cameli.

O representante da Associação dos Militares – AME, sargento Igor destaca que os eventos também marcam protestos pelo descumprimento de promessas do governador com a classe, como a Titulação/Realinhamento salarial , falta de equipamentos como rádios, viaturas adequadas e falta de estrutura nos quartéis. Igor lembra que os policiais estão na linha de frente do combate ao coronavírus desde o início. “Nós não temos lockdown nem home-office”, declara.

As pautas relacionadas à pandemia incluem o pedido pela vacina contra o coronavírus, a preocupação dos policiais com relação à insegurança jurídica no cumprimento e fiscalização de decretos tidos inconstitucionais, pelo contágio de familiares e amigos vitimados pela Covid-19, transmitido pelo militar que contraiu em serviço, pela “deslegitimação” das ações legais dos militares e outras situações que estariam desmotivando e contribuindo para um cenário de estresse e doenças psicológicas dos militares acreanos.

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, 25 policiais militares e bombeiros da ativa e da reserva morreram com Covid-19.

Veja o vídeo:

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.