Conecte-se agora

Médico afastado da direção do Hospital do Juruá volta a atender após operação da PF

Publicado

em

O ex-diretor técnico do Hospital Regional do Juruá, médico Marcos Lima, que foi afastado das funções após Operação da Polícia Federal, ocorrida no dia 2 de dezembro do ano passado, voltou a atender como otorrinolaringologista na unidade hospitalar nesta quarta-feira (31).  Ele teve duas caminhonetes devolvidas, contas bancárias desbloqueadas e poderá voltar para a direção do Hospital.

Marcos era diretor do Hospital do Juruá desde a inauguração do local, há 14 anos. Na homenagem que recebeu dos funcionários da unidade nesta quarta, o médico agradeceu pela receptividade, mas não quis dar entrevista.

A  operação ‘Choro de Hipócrates’, autorizada pela Justiça Federal e desencadeada pela Polícia Federal, investiga a lotação irregular de vários  servidores da saúde em várias unidades. Entre as irregularidades, estariam o  acúmulo de funções com carga horária incompatível e sem prestação de  serviço nas cidades de Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves e Mâncio Lima.

Cerca de 14 mandados de sequestro de bens, um mandado de busca e apreensão foram cumpridos e R$ 3,2 milhões foram bloqueadas das contas de vários médicos.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas