Conecte-se agora

Mulher com Covid-19 espera dois dias para ser transferida a Capital

Publicado

em

A autônoma Aucileia Vieira, 52 anos, que estava internada com Covid-19 no Hospital de Campanha de Sena Madureira, foi transferida para o INTO Rio Branco na noite deste domingo, 28, por uma ambulância de UTI. A filha, Franciele Vieira, conta que tentava a remoção desde sábado e teme pela piora do quadro da mãe, que está com 90 % do pulmão comprometido. “Espero que ela suporte a viagem e que dê tempo salvarem a vida dela”, relata.

Franciele conta que ontem (27), uma ambulância da capital foi à Sena Madureira, mas a equipe constatou que a paciente não tinha condição de fazer a viagem de mais de duas horas na esburacada BR-364. A família tentou conseguir o transporte aéreo, mas foi informada que o helicóptero do governo do Estado estava em outra missão em Brasiléia.

Neste domingo, uma ambulância que ia fazer a transferência ficou presa na BR-364 devido à um problema na rodovia. Segundo ela, além de ficar retida a ambulância não era de UTI e teve que ser trocada.

Somente no início da noite de hoje (28), a ambulância com suporte adequado de UTI, foi ao município buscar a paciente. “Agora é esperar que ela chegue viva em Rio Branco e seja tratada”, conclui.

O surpreendente do DNIT no Acre, Carlos Moraes, afirmou não ter nenhuma informação sobre interdição na BR-364 neste domingo. “Não tinha nenhuma informação a respeito e pode ter sido um acidente”, explicou.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas