Conecte-se agora

Justiça remarca reconstituição do acidente que matou Maicline para a próxima terça-feira

Publicado

em

Após o desembargador da Vara Criminal Pedro Ranzi atender ao pedido do Ministério Público do Acre (MPAC) e manter a reconstituição do acidente de Jet Ski que matou a jovem Maicline para a quinta-feira, 4, não houve tempo hábil para montar toda a estrutura necessária para que a perícia atuar, já que em decisão anterior a justiça havia aceito o pedido de adiamento da reconstituição feito pela defesa do médico Eduardo Veloso, que é acusado de ter provocado o acidente fatal. Por isso, a realização da Reprodução Simulada dos Fatos, como é chamada tecnicamente a reconstituição, vai ocorrer na próxima terça-feira, dia 9.

O resultado da perícia vai ser determinante para que a justiça decida se acusa Veloso e o empresário Otávio Costa por homicídio doloso, quando há intenção de matar.

O desembargador atendeu a manifestação do Ministério Público que alegou que a orientação da perícia é que a reconstituição seja feita nas condições mais parecidas possíveis com as do acidente, ocorrido em janeiro de 2019, também época de cheia do Rio Acre e que o adiamento, mesmo o Acre enfrentando uma pandemia, poderia arrastar o inquérito por mais um ano, já que é normal que o inverno amazônico chegue ao final após o mês de março com a diminuição das chuvas.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas