Conecte-se agora

Deputado perde mais de 40 cargos no IDAF após alfinetar Gladson

Publicado

em

O governador Gladson Cameli promoveu um festival de exonerações no Diário Oficial desta quarta-feira de cinzas, 17. No Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (IDAF) foi feito um “limpa”, já que 43 cargos comissionados foram exonerados.

O ac24horas apurou que todas as exonerações eram indicações do deputado estadual Neném Almeida. Os demitidos ocupavam CEC ‘s que variam de 1 a 5 e até um chefe de departamento foi demitido.

O governo não explicou oficialmente o motivo das demissões em massa, mas na sessão virtual da Assembleia Legislativa de terça-feira, 16, Almeida aproveitou para criticar a ação do poder público no enfrentamento às enchentes no Estado do Acre. “Vejo muita gente falando, tirando foto, mas as pessoas não estão sendo atendidas”, disse o parlamentar que não se direcionou diretamente ao governador.

Não é a primeira vez que algo parecido acontece. Em maio de 2019, 29 cargos comissionados do órgão foram exonerados. Na época, a direção do instituto esclareceu se tratar de adequação a uma reforma administrativa que foi enviada à Assembleia Legislativa dias depois.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas