Conecte-se agora

Acre cria comitê para investigar efeitos adversos pós-vacinação contra Covid-19 no Estado

Publicado

em

O Acre realizou a primeira reunião do Comitê de Investigação de Eventos Adversos Pós-Vacinação (EAPV) contra a Covid-19 nessa terça-feira (16). O objetivo, segundo a secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), é apresentar o plano de atuação e evitar a propagação de notícias falsas que prejudiquem o plano de imunização contra a Covid-19.

O Comitê segue as diretrizes do Ministério da Saúde (MS) e busca ainda garantir mais transparência quanto à vacinação contra o novo coronavírus. “Tem como objetivo melhorar a eficiência do monitoramento e conclusão dos casos de investigação decorrentes das notificações de casos suspeitos esperados e inusitados de eventos adversos pós-vacinais relacionados às vacinas a serem disponibilizadas contra a Covid-19”, divulgou a Sesacre nesta quarta-feira 17.

A coordenadora do Núcleo de Imunização da Sesacre, Renata Quiles, informou que o Comitê também tem atribuição de promover ações para que as suspeitas de eventos adversos sejam notificadas ao núcleo estadual de farmacovigilância.

 

Destaque 3

Depasa confirma transferência dos serviços de água e esgoto a partir do dia 1º de janeiro

Publicado

em

A gestão dos serviços de água e esgoto da capital ficará mesmo sob a responsabilidade da Prefeitura de Rio Branco. A informação foi confirmada pela diretora-presidente do Departamento Estadual de Água e Saneamento do Acre (Depasa), Waleska Bezerra, ao ac24horas nesta quinta-feira, 2.

Conforme estabelecido pelo decreto que oficializa o Termo de Encerramento do Convênio com o Depasa para prestação dos serviços de saneamento em Rio Banco, todas as atividades de operacionalização (gestão comercial e operacional) fiscalização e prestação integral dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário da capital serão repassadas ao Serviço de Água e Esgoto de Rio Branco (Saerb), a partir do dia 1º de janeiro de 2022.

“Dessa forma, o Depasa cederá definitivamente, ao Saerb, o direito ao percebimento futuro de todos os créditos faturados a partir do dia 1º de janeiro de 2022, decorrentes da prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário na capital do estado”, afirma Waleska.

Ainda de acordo com o Termo, a partir dessa data, o Município e o Saerb obrigam-se, no âmbito de suas respectivas competências, por todos os ônus, obrigações e despesas decorrentes da reversão e da reassunção dos serviços no âmbito do território de Rio Branco.

Apesar de não ser confirmado pela diretora Waleska Bezerra, nos bastidores a informação é de que o governo considera ainda lento o processo de reversão por parte da prefeitura, mas está deixando bem claro que vai cumprir o prazo estabelecido e que o Saerb vai ter que assumir a operacionalização do serviço de água e esgoto daqui a 28 dias.

A partir de janeiro, o Depasa deve cuidar somente do sistema de abastecimento de água e esgoto nos demais municípios do interior do estado.

Continuar lendo

Destaque 3

Pesquisa mostra que 56% dos acreanos aprovam gestão de Gladson no governo do Acre

Publicado

em

A pesquisa do Instituto Real Time Big Data/ TV Gazeta aferiu a aprovação da gestão do governador Gladson Cameli a frente do Palácio do Rio Branco.

De acordo com o estudo, 56% consideram o governo ótimo/bom. 21% consideram regular E 21% péssimo/ruim. Não souberam ou não responderam marcou 2%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 29 e 30 de novembro e ouviu 600 pessoas nos municípios de Rio Branco, Brasiléia, Sena Madureira, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Xapuri e Porto Acre, Cruzeiro do Sul, Feijó, Tarauacá, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo e Rodrigues Alves. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

Continuar lendo

Destaque 3

Pesquisa revela que Jair Bolsonaro ganha de Lula em todos os cenários no Acre

Publicado

em

A pesquisa do Instituto Real Time Big Data, contrata pela TV Gazeta e divulgada nesta quinta-feira, 2, revela que o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) ganha do ex-presidente Lula (PT) no Acre em todos os cenários levantados pelo estudo de opinião.

No cenário estimulado, Bolsonaro aparece na frente com 38%, contra 29% de Lula. Ciro Gomes (PDT) aparece com 8% e Sérgio Moro com 7%. João Doria e Rodrigo Pacheco registraram 2% e 1%, respectivamente. Branco e nulo registrou 8% e não sabem ou não responderam pontuou em 7%.

Em outro cenário, onde só aparecem Bolsonaro e Lula como candidatos, o atual presidente ganha Com 41% contra 33% do petista. Branco e nulo registraram 12% e não sabem ou não responderam marcaram 14%.

Na aferição espontânea, Bolsonaro também lidera com 25% contra 15% de Lula. Ciro Gomes registrou 1 e outros candidatos aleatórios marcaram 3%. Branco e nulo com 19% e não souberam ou não responderam 37%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 29 e 30 de novembro e ouviu 600 pessoas nos municípios de Rio Branco, Brasiléia, Sena Madureira, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Xapuri e Porto Acre, Cruzeiro do Sul, Feijó, Tarauacá, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo e Rodrigues Alves. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

Continuar lendo

Destaque 3

Prefeitura de Rio Branco anuncia data para pagamento de abono a servidores da Educação

Publicado

em

O prefeito Tião Bocalom (Progressistas) anunciou nas redes sociais nesta quarta-feira, 01, as datas e os critérios de quem receberá o pagamento do abono destinado aos profissionais da rede municipal de Educação.

O abono será pago com as sobras do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Segundo informações do Portal da Prefeitura, 1.543 professores, coordenadores pedagógicos e gestores, receberão R$ 9.5 mil divididos em duas parcelas. A primeira parcela de R$ 4.750 mil será paga dia 20 de dezembro e a segunda, de R$ 4.750 mil, no dia 30 de dezembro.

Para os 1.193 servidores classificados como pessoal de apoio, cada um vai receber R$ 7 mil. A primeira parcela de R$ 3.5 mil, dia 25 de janeiro e a segunda, de R$ 3.5 mil, dia 10 de fevereiro.

Segundo uma nota da prefeitura, a decisão foi tomada após a gestão pedir parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que sinalizou positivo.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas