Conecte-se agora

Retorno das aulas presenciais evita maiores prejuízos emocionais para estudantes, avaliam educadores

Publicado

em

Modelo híbrido começa a valer em fevereiro em algumas escolas particulares

A volta às aulas presenciais nas escolas particulares está programada para o início de fevereiro em algumas cidades do país. A decisão tem o apoio de pais e educadores que estão preocupados com a saúde mental dos jovens longe das escolas. 

Em João Pessoa (PB), o governo autorizou a retomada das aulas presenciais do ensino infantil ao médio. Na cidade, a instituição Neo Gênesis Colégio e Curso é uma das que estão preparadas para receber os estudantes com toda a segurança exigida pelos protocolos de prevenção à Covid-19. “Estamos seguindo todas as recomendações ditadas pelo governo. Tomamos todos os cuidados para não haver aglomeração, cuidados com a sinalização, disponibilização de álcool em gel, modificamos o bebedouro para facilitar que os alunos bebam água em garrafinhas individuais e vamos fechar algumas áreas da escola”, diz o diretor Phelipe Ferreira.

A advogada Elaine Pontes, que trabalha no Colégio Carrazzoni, relata que houve muitas queixas dos pais no início da pandemia e, neste ano, “foi quase que unânime o clamor pelas aulas presenciais”.

Para a diretora do Colégio Essere, de São Paulo, Priscila Raso, o retorno às aulas presenciais para os alunos da educação infantil será diferente dos ensinos fundamental e médio e das faculdades. Na opinião da educadora, o desafio para os profissionais da educação que lidam com o público infantil vai ser trabalhar a questão emocional na volta às aulas. 

“Com os alunos menores o processo é mais delicado, pois envolve o emocional das crianças. Por isso, manter o vínculo da criança com a escola durante o isolamento social é importante, pois esse período mexeu muito com a saúde mental das crianças”, avalia Raso.

Prejuízos emocionais

A relação do estudante com a escola contribui para o desenvolvimento das capacidades coletivas e individuais. O prejuízo de deixar o aluno muito tempo afastado do ambiente escolar não é só acadêmico. Pedagogos e psicopedagogos destacam que há perdas emocionais quando o vínculo com a escola se rompe.

O convívio escolar é propício para a expressão de sentimentos, de acordo com a psicóloga Sabrina Costa. “A escola pode ajudar os alunos a estarem conectados com a vida, além de fazer com que criem espaço de transparência e diálogo”, ressalta. 

Para o diretor escolar Phelipe Ferreira, o prejuízo vai além do conteúdo. “Na minha visão, não é só a perda de socialização, de contato físico, do contato com a escola. O conteúdo a gente recupera, mas o tempo sem o contato com as pessoas pode prejudicar a mente das crianças”, argumenta.

Retorno com ensino híbrido 

Um levantamento conduzido pela Fundação Lemann, em julho de 2020, ouviu pais de estudantes em todo o país e chegou à conclusão de que o ensino híbrido é apontado como uma das alternativas apoiadas por esses responsáveis.  

Dentre as alternativas para a retomada das aulas com segurança, respeitando o distanciamento social e a capacidade de cada sala de aula, a pesquisa mostrou que 92% dos pais defendem a continuidade das atividades virtuais em casa em conjunto com as aulas presenciais (ensino híbrido).

O ensino híbrido é a escolha dos colégios Carrazzoni e Neo Gênesis, ambas de João Pessoa. O revezamento entre estudantes e a opção de acompanhar as aulas em casa também serão adotados.

No estado do Espírito Santo o retorno presencial das aulas na rede particular está previsto para ser gradual a partir do dia 01 de fevereiro, de acordo com o Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Espírito Santo (Sinepe-ES). O ensino também ocorrerá de forma híbrida, sendo que em algumas escolas haverá revezamento semanal e intervalos para entrada e saída das turmas para evitar aglomeração.

Já em Minas Gerais, onde Belo Horizonte ultrapassou a marca de 2 mil pessoas mortas pela Covid-19, segundo o G1, ainda não há consenso sobre a volta às aulas presenciais. Neste mês de janeiro, representantes de escolas particulares da região se uniram para pedir ao governo o breve retorno. “Escolas não foram responsáveis pelo aumento do número de casos de Covid-19 e não se pode mais continuar a sufocá-las, enquanto crianças e adolescentes, a cada dia se fragilizam/adoecem psicologicamente”, diz trecho de carta enviada à gestão estadual. 

Em Salvador, capital da Bahia, pais de alunos de escolas particulares realizaram um protesto no dia 16 deste mês. Eles se reuniram em frente à sede da Secretaria de Educação do Estado para pressionar pelo retorno das aulas presenciais na cidade. Contudo, a retomada das aulas presenciais nas escolas particulares pode ser na segunda quinzena de fevereiro ou início de março, segundo anúncio feito pelo prefeito Bruno Reis, na manhã desta quinta-feira (21).

Fonte: Brenda Chérolet – Agência Educa Mais Brasil

Extra Total

Governador diz que empresa de Jarbas Soster abaixou preço para pegar obra da BR e agora não consegue executar serviço

Publicado

em

Ainda em Cruzeiro do Sul pela programação dos 117 anos da cidade, o governador Gladson Cameli concedeu nesta terça-feira, 28,  entrevista à Rádio Juruá FM. Na ocasião, afirmou que a construtora do empresário  Jarbas Soster, a MSM, que atua entre Sena Madureira e Feijó na BR-364,  não tem condição real de concluir o serviço. Por isso, o governo colocou o Deracre à disposição do DNIT para evitar que a estrada feche no período das chuvas.

“A empresa ganhou com preços lá embaixo e agora não tem condição de concluir o trabalho. É o famoso mergulhar no preço. O cara que tá com a tabela do DNIT do jeito que está, desatualizada, já tá com dificuldade, ainda se acha no direito de mergulhar no preço, aí fica dando esse problema aí. Agora será multada, será substituída e vai ficar 2 anos sem poder contratar com o governo federal. Eu  já coloquei o Deracre à disposição para o trabalho. O que não pode acontecer é  fechar a BR”, citou Cameli.

O governador também falou do trabalho na Rodovia AC-405. Segundo ele, tem dinheiro em conta para pagar a obra, mas quer celeridade antes da chegada das chuvas. “Eu só espero que no inverno não deixe  lamaçal na estrada. O inverno promete ser muito rigoroso”, destacou, avisando que o dinheiro da obra está em conta.

O gestor revelou ainda não estar  satisfeito com o trabalho realizado pelo Deracre na pista do aeródromo de Marechal Thaumaturgo.

Continuar lendo

Na rede

Mulheres são presas com mais de três quilos de cocaína em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

A dupla C. S. S., 22 anos e M. C. S. S., 33 anos, foi presa nesta segunda-feira, 27, pelas forças de segurança com mais de três quilos de cocaína em Cruzeiro do Sul. A ação contou com um cão farejador.

Segundo o delegado de Polícia Civil, Heverton Carvalho, as Polícias Civil, Federal, Militar e Penal, realizavam diligências pela cidade com o objetivo de localizar e prender um peruano foragido da Justiça. O homem não estava no local da busca. As duas mulheres estavam na casa e os mais de 3 kg foram localizados com auxílio do cão farejador da Polícia Civil, dentro do guarda-roupas de uma delas.

Uma das presas é dona do imóvel e as duas assumiram a propriedade da droga, sendo presas em flagrante. C. S. S., e M. C. S. S., já têm passagem pelam Policia. O prejuízo estimado para o mundo do crime é de R$ 59.330,00.

“Essa foi mais uma ação no combate ao tráfico de drogas no Vale do Juruá no intuito de diminuir a criminalidade organizada. Ações dessa natureza demonstram o comprometimento das polícias no combate ao crime com objetivo de garantia tranquilidade social”, pontuou o delegado.

Continuar lendo

Cotidiano

Gonzaga parabeniza Cruzeiro do Sul: “Que Deus continue abençoando essa cidade”

Publicado

em

O deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB), primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), parabenizou a cidade de Cruzeiro do Sul que festeja nesta terça-feira (28) 117 anos de fundação.

Na manhã desta terça-feira, o deputado participou da abertura da programação de comemoração dos 117 anos da cidade na companhia do governador do Acre, Gladson Cameli, vice-governador, Wherles Rocha, presidente da Aleac, Nicolau Junior, prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima, e demais autoridades.

Em um vídeo divulgado na redes sociais, o parlamentar pede que Deus continue abençoando a cidade de Cruzeiro do Sul e os cruzeirenses.

“Quero parabenizar Cruzeiro do Sul, minha cidade natal, pelos seus 117 anos. Quero pedir a Deus que continue abençoando essa cidade e seu povo. Que Cruzeiro do Sul possa crescer e prosperar, fazendo seu povo feliz”, disse.

Gonzaga é responsável por inúmeras emendas e indicações que ajudaram a cidade de Cruzeiro do Sul ser hoje um dos principais centros econômicos do Acre. O deputado viaja pelas comunidades ribeirinhas e tem levado incentivo aos produtores rurais da região.

Continuar lendo

Cotidiano

Bocalom proíbe secretários de aderirem à ata de preços de entidades do sistema “S”

Publicado

em

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), publicou nesta terça-feira, 28, um decreto que proíbe os órgãos e entidades da administração pública do Município de Rio Branco aderir a atas de registro de preços decorrentes de certames licitatórios realizados por entidades integrantes do Sistema “S”.

O Sistema “S” é composto pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social do Comércio (Sesc); Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) e Serviço Social de Transporte (Sest).

O decreto também proíbe a adesão de atas de registros de preços de outras entidades cujas licitações são regidas por regulamento próprio.

No decreto, o prefeito afirma que a decisão ocorreu após um despacho em Diligência SAJ nº 2021.02.001062, da Procuradoria Geral do Município e um ofício encaminhado pela Controladoria Geral do Município de Rio Branco.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas