Conecte-se agora

Policial Penal colide carro com trailer do Brito’s Burguer, em Rio Branco

Um Policial Penal que conduzia um veículo modelo Fox de cor prata colidiu com um trailer do Brito’s Burguer na tarde desta segunda-feira, 4, e deixou a Estrada Dias Martins, no bairro Jardim de Alah, com o trânsito lento na região.

De acordo com informações da Polícia, o policial conduzia o seu veículo no sentido centro-bairro, quando inesperadamente perdeu o controle da direção e colidiu com o trailer do Britos Burguer que estava parado na via. Com o impacto, o trailer derrubou o muro de um residência. No momento do acidente não havia ninguém na casa.

A ambulância do SAMU foi acionada, os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos ao Policial Penal que sofreu um corte na cabeça e o conduziu ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde estável.

Policiais Militares do Batalhão de Trânsito (BPtran) estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia. O veículo foi removido e encaminhado ao pátio do Departamento de Trânsito e a estrada Dias Martins foi liberada.

Cotidiano

Justiça contrapõe Ibama e mantém papagaio como animal de estimação de idosa no Acre

Publicado

em

A 6ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), por unanimidade, manteve a sentença que permitiu a uma senhora criar seu papagaio (Amazona Aestiva) em casa, como já faz há dois anos, desde que ele apareceu em sua residência.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) interpôs apelação contra a decisão, que determinou a entrega do animal à dona, após a sua apreensão pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), do Acre, órgão vinculado ao Ibama.

O relator da apelação, desembargador federal Daniel Paes Ribeiro, ao julgar o caso, considerou que a senhora se afeiçoou ao animal e o papagaio passou a ser um “membro da família”. Segundo o magistrado, no dia 23 de dezembro de 2020 o pássaro sumiu da residência da senhora, o que a deixou “atordoada”. Ela, então, procurou junto com sua neta o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre, que a informou que ele havia sido entregue ao Cetas.

O desembargador federal observou que, de acordo com o termo de entrega, a ave foi submetida a exame clínico, ficando constatado que ele apresentava boas condições físicas, não tinha nenhuma lesão e era a única companhia diária da senhora, que chora sentindo a falta do animal.

Destacou o relator que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) já decidiu que “em que pese a atuação do Ibama na adoção de providências tendentes a proteger a fauna brasileira, o princípio da razoabilidade deve estar sempre presente nas decisões judiciais, já que cada caso examinado demanda uma solução própria”. Para o STJ, deve ser considerado o fato de que a apreensão do animal pelo Ibama pode causar mais prejuízos do que benefícios, já que ele já possui hábitos de ave de estimação e a dignidade da pessoa humana, pois impõe o fim do vínculo afetivo.

“No caso concreto, trata-se de um único pássaro apreendido, sendo fato incontroverso que a autora não praticou atos de maus tratos ao animal, cuja posse não representa risco a` fauna brasileira, devendo ser considerado, ainda, o tempo de convívio familiar e o vinculo afetivo, principalmente por se tratar de pessoa idosa”, concluiu.

Com isso, o Colegiado negou provimento à apelação, nos termos do voto do relator, e manteve a sentença que determinou a permanência do animal com a senhora, até o deslinde final da demanda, bem como que seja suspensa a possibilidade de adoção do referido animal por outro criador.

(TRF1)

Continuar lendo

Cotidiano

Vanda Milani cumpre recesso parlamentar pelo interior do Acre dialogando com o povo

Publicado

em

Durante o recesso do Congresso Nacional, a deputada Vanda Milani (Solidariedade-AC) está em sua base, no Acre, ouvindo os anseios da população, as necessidades dos municípios, assim como visitando instituições para saber as demandas para uma melhor atuação no Estado. Desde a última quinta-feira (29), a deputada cumpre uma extensa agenda no interior.

“São muitas pautas, desde a questão da saúde, no enfrentamento à pandemia, até obras de infraestrutura, apoio a trabalho social e muito diálogo, necessário para priorizarmos a aplicação dos recursos de nossas emendas de forma que atenda as demandas de quem mais precisa”, comentou.

Essa semana a deputada cumpriu agenda em Tarauacá, onde pernoitou na última quinta (29) e Cruzeiro do Sul (30) região do Juruá. Em Cruzeiro do Sul acompanhou agendas institucionais do governo do estado e fiscalizou a aplicação de suas emendas para o município.

Na manhã deste sábado, ela se reuniu com produtores rurais, representantes sindicais e vereadores do município de Feijó, região central do Acre. “Gostamos muito de jeito de trabalhar da deputada Vanda Milani, ouvindo com muita atenção os representantes do povo, é um jeito novo de fazer política que merece nosso respeito” disse a vereadora Vanda Aguiar.

A aquisição de veículos para ajudar no transporte de pacientes para tratamento fora de domicílio foi uma das agendas tratadas durante o encontro na Câmara de Vereadores do município de Feijó, além do apoio necessário para o fortalecimento da agricultura familiar no Envira/Purus.

“Meu mandato é participativo, por isso nada melhor que estar com quem me permitiu representá-los na Câmara dos Deputados, para saber seus anseios. É muito gratificante poder, através de meu trabalho, acompanhar, ouvir essa gente simples do meu querido Acre. É mais que uma honra, é uma missão de amor para mim poder estar próximo do povo”, disse a parlamentar.

Melhor parlamentar avaliada pelo ranking dos políticos, Vanda Milani também se destacou esse ano como a deputada que mais destinou recursos para a saúde pública em parceria com o governo do Acre no enfrentamento à pandemia da covid-19, um total de R$ 15 milhões entre emendas impositivas e extras.

“Vamos continuar trabalhando pelo Acre e o Brasil”, concluiu a deputada.

Continuar lendo

Cotidiano

Autorização de viagem para menores de 16 anos poderá ser feita a partir de segunda

Publicado

em

A partir de segunda-feira (2), os pais poderão emitir pela internet uma autorização para que seus filhos menores de 16 anos possam viajar sozinhos em voos nacionais.

O novo procedimento foi regulamentado neste ano pela Corregedoria Nacional de Justiça e implementado pelo Colégio Notarial do Brasil, que congrega mais de 9 mil cartórios espalhados pelo país.

Até agora, para que um menor de 16 anos pudesse viajar desacompanhado era necessário preencher um formulário em papel, que deveria ser assinado e ter firma reconhecida em cartório, para depois poder ser apresentado às empresas de transportes.

Agora, a Autorização Eletrônica de Viagem (AEV) permite realizar o procedimento inteiramente online, por meio da plataforma e-Notariado, que dispensa o comparecimento ao cartório para diversos serviços.

Na plataforma, os pais poderão realizar uma videoconferência com o notário, que após confirmar a autorização para a viagem, por prazo ou por trecho apontado. Um QR Code para verificação será então emitido e poderá ser apresentado nos guichês das companhias aéreas pelo celular ou impresso em papel.

Por essa via, a autorização poderá ser cancelada a qualquer momento pelos pais ou responsáveis, e o QR Code deixa de funcionar.

Nesse primeiro momento, a opção pela Autorização Eletrônica de Viagem (AEV) é disponibilizada apenas para as viagens aéreas nacionais.

Continuar lendo

Cotidiano

Polícia apreende crack, cocaína e maconha em casa abandonada no bairro Vitória

Publicado

em

Uma ação dos Policiais Militares do 3° Batalhão resultou na apreensão de entorpecentes na noite desta sexta-feira, 30, em uma residência localizada na rua Alvorada, no bairro Vitória, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, durante patrulhamento na região em busca de recuperar uma motocicleta roubada, a guarnição policial visualizou um homem em fundada suspeita, que ao perceber a aproximação da viatura, correu para dentro de uma casa abandonada e fugiu pelos fundos da residência.

Os Policiais Militares adentraram na casa, que é uma ‘boca de fumo’, e durante uma vistoria encontraram 3 tijolos de maconha, 3 sacos pequeno de cocaína, 1 balança de precisão, 1 máquina de cartão, 2 trouxinhas de pedra crack e material para embalo dos entorpecentes.

O traficante não foi encontrado. As drogas foram recolhidas e encaminhadas à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

 

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas