Conecte-se agora

Sindicato diz que decisão de paralisar não foi da categoria

Publicado

em

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo (Sindpasc), Francisco Leite Marinho, afirmou ao Gazeta Entrevista na tarde desta segunda-feira, 14, que a decisão pela paralisação do sistema do transporte coletivo nesta segunda-feira (14) não foi do sindicato.

Segundo ele, a paralisação ocorreu devido a decisão dos trabalhadores que se organizaram por meio de grupos de WhatsApp.

Ao defender os colegas, Marinho relatou que o sistema de transporte coletivo em todo o país sofreu com a crise causada pelo coronavírus, e pediu colaboração das autoridades para que entendam que o PL de R$ 2,4 milhões, que será votado nesta semana será destinado para o custeio dos atrasados dos trabalhadores de ônibus e, não, em benefício das empresas.

“A gente também não concorda, mas é uma situação que o Brasil inteiro vive, principalmente no transporte coletivo, que é muito grande. Peço que os vereadores vejam a questão dos trabalhadores, não da empresa. Se vier aprovar, a gente quer que eles coloquem na conta dos trabalhadores e não da empresa”, destacou.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas