Conecte-se agora

Prefeitura de Rio Branco suspende Réveillon na Gameleira

Publicado

em

Foto: Gleilson Miranda

O tradicional Réveillon que faz parte do calendário festivo de final de ano promovido pela Prefeitura de Rio Branco, foi suspenso na virada de 2020 para 2021, por decisão da prefeita Socorro Neri, devido ao aumento de casos e risco de contaminação pelo novo coronavírus.

A programação especial de comemoração do aniversário de Rio Branco com as festividades de fim de ano à população, que culminavam com a queima de fogos e o Réveillon na Gameleira para celebrar o ano novo, sempre precedida de apresentações musicais, estão restritas em razão da pandemia.

E o Réveillon que costumava reunir milhares de pessoas às margens do Rio Acre, no calçadão da Gameleira, que fica à margem direita, assim como outras centenas de pessoas, no bairro da Base, à margem esquerda está cancelado.

Atualmente, Rio Branco regrediu ao nível laranja em razão do aumento de casos de Covid-19 e muitas pessoas já morreram vítima da doença, somente na capital. Diversas cidades brasileiras também cancelaram o evento devido ao aumento do número de casos da doença, o que caracteriza a segunda onda da pandemia.

Acre

Viaduto da Corrente no Acre só deverá ser entregue em 2023

Publicado

em

Foi apresentado nessa terça-feira, 14, o anteprojeto do primeiro viaduto a ser entregue pelo estado na Corrente, que será construído em Rio Branco. Para o governador Gladson Cameli, será um marco na mobilidade urbana da capital acreana, localizada na interseção das rodovias BR-364 e AC-40.

A ideia é acabar com necessidade de uma rotatória, responsável por grandes congestionamentos ao longo das pistas em horários de pico, assegurando melhoria na fluidez do trânsito em uma região com alto tráfego de veículos leves e pesados.

Elaborado pelo Departamento de Estradas de Rodagens do Acre (Deracre), o anteprojeto será doado ao Dnit, que será o financiador e executará a obra, orçada em R$ 65 milhões. A previsão é que a estrutura seja construída em 2022 e inaugurada somente no ano seguinte.

Segundo os gestores envolvidos, a escolha da Corrente foi pelo fato de que naquele local se encontram duas rodovias, na entrada da nossa capital. “O fluxo de veículos é muito grande naquela região, principalmente dos que chegam ao estado e seguem pela BR-364 até o Juruá, e também pela AC-40, que dá acesso a BR-317, a Estrada do Pacífico. Mostramos para o diretor-geral do Dnit a importância dessa obra e também nos colocamos à disposição para ajudar naquilo que for possível”, contaram à Agência de Notícias do Acre

O presidente do Deracre, Petrônio Antunes, a reunião foi necessária para que o anteprojeto seja analisado de maneira técnica. “A próxima etapa será a discussão da concepção desse viaduto para que possamos definir um projeto concreto e iniciar logo essa obra, que será muito importante para a população”, declarou.

Continuar lendo

Acre

Acre registra mais 2 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), informou que foram registrados 2 novos casos de infecção por coronavírus nesta quarta-feira, 15. O número de infectados permanece em 87.916.

Segundo a Sesacre, nenhuma notificação de óbito foi registrada nesta quarta-feira, 15, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 permaneça em 1.816 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 247.541 notificações de contaminação pela doença, sendo que 159.619 casos foram descartados e 6 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 85.891 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 18 seguiam internadas até o fechamento deste boletim.

Continuar lendo

Acre

Deputados cobram posicionamento sobre cadastro de reserva da Civil

Publicado

em

O cadastro de reserva da Polícia Civil foi o tema central da sessão desta quarta-feira, 15, da Assembleia Legislativa. Os deputados tanto da situação, como oposição cobraram um posicionamento do governador Gladson Cameli a respeito dos candidatos que faziam protesto nas galerias do parlamento.

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) lembrou do apóstolo Pedro, que negou a Cristo por três vezes para comparar o que governador Gladson Cameli fez com o concursados que estão no cadastro de reserva.

“Quando foi para ganhar os votos participou de uma solenidade e eu nunca tive vocação para Jacamim e a bandeira do cadastro de reserva foi levantada pela primeira vez pelo deputado Roberto Duarte”, relatou.

“Mas quando foi para ganhar os votos o governador assinou até documento. Disse que iria ganhar a eleição e convocar a todos . Foi a primeira negação de Pedro”, comparou.

Depois, o deputado afirmou que o governador abriu rodada de conversa nos acampamentos. “Enganou duas vezes e depois arranjou uma desculpa do edital”, afirmou.

Magalhães disse que na 4ª vez, O governo “engalobou” o cadastro de reserva pedindo um parecer jurídico.
“Faço o relato para chamar a atenção para que o governador se posicione”, disse, lendo os cartazes levados pelo grupo do CR da PC à Aleac.

Ex-lider do governo, o deputado Gerlen Diniz (PP) disse que o pessoal do cadastro de reserva está no direito de pedir pela convocação imediata. Diniz crê na contratação do grupo.

“Lembro que quando Gladson assumiu a oposição disse que o salário atrasaria em três meses mas até hoje o servidor recebe em dia. Disseram que Gladson não sabia administrar mas o governador chamou para si a responsabilidade da segurança pública e encontrou meios para superar o obstáculo”, relatou.

De acordo com Diniz, Cameli enfrentou ao longo do governo a pandemia que tanto causou dor e danos à centenas de famílias.

“Desde o princípio abraçou a ciência, construiu hospitais… aqui houve gestão na área da saúde”.
Se esse governador conseguiu atravessas todas essas dificuldades e honrou sua palavra. “Vai acontecer. É uma questão de tempo”, disse.

A reclamação de Diniz e Edvaldo foram reforçadas com discursos de Jenilson Leite, Fagner Calegario e Roberto Duarte

Continuar lendo

Acre

Acre terá “dinossauro” como pré-candidato a deputado estadual

Publicado

em

Entre as centenas de candidaturas políticas que o estado do Acre deverá apresentar nas eleições de 2022, uma deve se destacar pela curiosidade. Será o ‘Dino do Acre’, personagem criado para prestar entretenimento local. O criador, o cinegrafista Moisés Santos, deseja lançar a criatura como pré-candidata a deputado estadual.

Ainda sem partido, o Dino do Acre diz querer trabalhar direcionado para a cultura e o entretenimento, já que para ele, se tornou parte cultural do estado. “A nossa capital e o estado como todo ainda é muito carente da parte cultural. Temos que investir na cultura abrangendo os jovens do estado como um todo”, contou ao ac24horas.

Esta é primeira vez que o Dino pretende se lançar na política. “Quero atingir o público jovem e também o público geral, e mostrar que o Dino Acre veio para ser um diferencial no estado como deputado”, afirma.

Ele acredita que terá bastante apoio, uma vez que, quem o conhece pessoalmente, sabe de sua característica batalhadora e esforçada em seus objetivos. “O Dino Acre é apenas um personagem que se tornou reconhecido até fora do estado, ironizando aqueles que diziam que o Acre não existe, que é um lugar de dinossauros”.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas