Conecte-se agora

Governo anuncia capacitação de gestores da educação para a retomada segura das aulas

Publicado

em

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Saúde e do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19, realizou uma coletiva na manhã desta quinta-feira, 03, para anunciar a capacitação de gestores públicos acerca de como ocorrerá a retomada segura das atividades presenciais nas escolas, no contexto da pandemia da Covid-19.

Em coletiva, a diretora de ensino da SEE, Denise Santos, afirmou que o curso ofertado pela SEE será em parceria com a vigilância sanitária e que, ao final, todos os gestores que participarem do curso irão receber um certificado da vigilância dizendo que estão aptos à retomada segura das atividades escolares.

A gestora destacou que a formação acontece de forma online e tem o objetivo de preparar as equipes da educação para o retorno dos estudantes às salas de aula, que estão previstas para ocorrer em março de 2021. As aulas estão suspensas desde o dia 17 de março, na semana em que o Acre confirmou os três primeiros casos de Covid-19.

Desde então, os alunos têm acesso ao conteúdo escolar pela internet, por videoaula, pelo rádio, com audioaula, pela televisão e também pelo material impresso adquirido nas escolas.

O médico infectologista, Thor Dantas, voltou a falar da necessidade do uso de máscaras, álcool gel, distanciamento físico e higienização das mãos e destacou que a capacitação se trata de garantir um retorno ao “novo normal” aos estudantes e aos profissionais da educação.

“Essa capacitação se trata de garantir um retorno mais seguro tanto aos profissionais da educação quanto aos alunos. Eu acredito muito na escola como um aliado e como um ambiente que possa ajudar a educação da nova geração ao “novo normal” e que ajude a construir uma nova estratégia em relação à prevenção desse vírus. Parabenizo a todos que estão nessa empreitada”, afirmou Thor.

Em uma possível retomada, as unidades de ensino que tiverem interesse em voltar às aulas presenciais deverão obedecer uma série de medidas sanitárias, como distanciamento de 1,5 m entre as carteiras, disponibilização de álcool em gel, organização de horário para evitar aglomerações nos diversos ambientes escolares, inclusive, banheiro e entre outros.

As famílias que não se sentirem seguras para enviar seus filhos às escolas não terão o ano letivo prejudicado. O ensino remoto pela televisão, rádio e internet continuará sendo ofertado.

As escolas terão profissionais capacitados em treinamento ofertado pelas vigilâncias sanitárias municipais, com apoio da Vigilância em Saúde Estadual, para implantação dos protocolos sanitários nos estabelecimentos.

Para iniciar a primeira fase, o decreto determina ainda que as instituições devem encaminhar planos de retomada e contingência, incluindo protocolos sanitários, autodeclaração de conformidade sanitária e termo de compromisso ao Conselho Estadual de Educação ou aos Conselhos Municipais de Educação.

Os responsáveis pelas instituições ou unidades de ensino devem comunicar aos órgãos de vigilância em saúde estadual e municipais casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 identificados em alunos ou colaboradores.

Cada unidade de ensino deve ainda criar um comitê escolar com a função de promover ações de divulgação e fiscalização do protocolo sanitário.

Anúncios

Destaque 4

Missão de Acompanhamento das Ações contra a Covid-19 da Aleac visita municípios do interior

Publicado

em

Com o objetivo de acompanhar de perto a situação nos municípios acreanos por causa da pandemia da Covid-19, deputados que integram a Missão da Comissão de Acompanhamento das Ações de Enfrentamento da Covid-19 da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) estiveram nesta quarta-feira, 3, em três municípios do interior.

A missão é composta dos deputados Roberto Duarte (MDB) Neném Almeida, Daniel Zen (PT), Cadmiel Bonfim (PSDB), Gerlen Diniz (Progressistas) e Marcos Cavalcante (PTB). Os parlamentares estiveram visitando unidades de saúde em Tarauacá, Mâncio Lima e Rodrigues Alves.

A primeira parte da visita foi em Tarauacá. O deputado petista Daniel Zen, que é oposição ao governo Gladson, disse que as notícias que circularam sobre falta de oxigênio no hospital Sansão Gomes não é verdadeira. “Queremos tranquilizar a população de que essas informações não são verdadeira. O que está acontecendo é que com o aumento dos pacientes Covid aumenta o consumo de oxigênio e essa reposição que era feita semanalmente, está tendo que ser feita duas, até três vezes por semana”, afirma.

Os deputados chegaram a conclusão de que um dos encaminhamentos é a necessidade da instalação de uma usina de oxigênio no hospital. “Nós vamos fazer essa indicação ao governo do Acre por meio dessa comissão que está fazendo a visita aos hospitais do interior do Acre”, diz Roberto Duarte, presidente da comissão.

Após Tarauacá, os deputados estiveram nas unidades de saúde de Mâncio Lima e Rodrigues Alves. “Aqui em Rodrigues Alves a unidade mista precisa de muitas melhorias. Nosso objetivo é verificando de perto, poder ajudar a indicar o que deve ser feito para melhorar a qualidade no atendimento de saúde à população. Vamos levar essas necessidades ao governo do estado”, explica o deputado Neném Almeida.

A agenda de visita continua nesta quinta e sexta com agendas nas unidades de saúde em Cruzeiro do Sul, Feijó, Manoel Urbano e Sena Madureira.

Continuar lendo

Destaque 4

“Permitir que governadores e prefeitos comprem vacinas é preservar mais vidas”, diz Jéssica Sales

Publicado

em

A deputada Jéssica Sales (MDB) comemorou a aprovação nesta terça-feira, 2, do encaminhamento à sanção presidencial do Projeto de Lei que permite aos estados, municípios e setores privados comprarem vacinas para imunizar a população e colaboradores. Da parte do setor privado, ressalta a parlamentar, a metade das doses adquiridas serão doadas ao Sistema Único de Saúde (SUS), resultando em mais vacinas para imunização de milhares de brasileiros.

A parlamentar garante que a saúde é uma das prioridades de seu mandato e que desde o início da pandemia tem voltado suas atenções para medidas de enfrentamento da Covid-19. Dentro da cota de emendas de bancada, Sales destinou neste ano de 2021, mais R$ 950 mil para ações de combate a doença.

Outra importante medida aprovada pela Câmara para a deputada é a que autoriza R$ 2,5 bilhões para o Ministério da Saúde comprar cerca de 40 milhões de doses de vacinas através da participação no consórcio de países, Covax Facility.

“Temos pressa! Agregar parcerias é ampliar vacinação e isso significa mais vidas preservadas! As pessoas anseiam por isso, clamam por mais vacinas, querem estar imunizadas para se resguardarem e poderem voltar à normalidade”, disse Jéssica.

Continuar lendo

Destaque 4

A 11 dias de completar 52 anos, pastor Rodson Souza morre vítima da Covid-19 no Acre

Publicado

em

O pastor evangélico Rodson Souza não resistiu e morreu na manhã desta quarta-feira, 3, em uma das Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) do hospital de campanha montado no Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into), em Rio Branco.

Rodson estava internado há duas semanas na unidade de saúde lutando contra a Covid-19. Além de pastor, Rodson foi diretor do Pronto-Socorro de Rio Branco e também responsável pela Ouvidoria da Secretaria Estadual de Saúde no governo passado.

O anúncio da morte foi feito pela própria filha, Tallita Craveiro, que afirmou que o pai teve uma parada cardíaca. Ela agradeceu as mensagens de carinho recebidas pelo pai. Rodson Souza iria completar 52 anos no próximo dia 14 de março.

Continuar lendo

Destaque 4

Gonzaga participa de mais uma agenda sobre exportação de carne para o Peru

Publicado

em

O primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do Acre, deputado Luiz Gonzaga (PSDB), junto com comitiva de empresários e políticos do Acre participou de uma agenda com o embaixador do Peru, Javier Yépez, em Brasília, nesta terça-feira, 2;

A reunião contou com a presença de Nenê Junqueira, diretor do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados (Sindicarnes), Victor Hugo, representantes da SEICT, e Francimar Cavalcante, coordenador do Grupo de Integração Regional.

O encontro teve pautas a exportação de carne bovina e suína utilizando a estrada interoceânica, o início dos voos entre os dois países através do aeroporto de Cruzeiro do Sul e da situação dos imigrantes haitianos e africanos que se encontram em Assis Brasil à espera da permissão para trânsito no país vizinho.

Exportação de carne

De acordo com as informações do governo do Estado, o Acre atualmente exporta para o Peru produtos como castanha e milho. A abertura comercial para exportação de carne suína e bovina significa crescimento para a cadeia produtiva no Acre, sobretudo, no cenário pós-pandemia.

Está prevista para a próxima semana a fixação de datas para inspeção nos frigoríficos acreanos e avaliar as condições sanitárias exigidas. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) do Brasil, e SENASA (Servicio Nacional de Sanidad Agrária), do Peru, são os órgãos responsáveis pelas tratativas.

O deputado Luiz Gonzaga afirmou que o Acre está pronto para exportar carnes bovina e suína para o Peru.

“O Acre está pronto pra exportar carne bovina e de porco através da Dom Porquito”, disse o deputado. Estamos lutando para que o nosso estado se desenvolva através do comércio com países andinos e outros comércio mundiais”, disse.

Voos internacionais

Já em relação ao início dos voos entre Brasil e Peru através do aeroporto de Cruzeiro do Sul, a medida deve aquecer o mercado acreano e facilitar o turismo entre os dois países. O primeiro voo está previsto para o próximo dia 22 de março.

“A Assembleia Legislativa tem grande interesse no desenvolvimento de todo estado e observamos nessa integração a capacidade de iniciar essa integração através de Cruzeiro do Sul e do vale do Juruá. O Peru tem produtos que nos interessam e nós temos produtos que podemos enviar para o país vizinho”, declarou o parlamentar.

Em relação a situação dos imigrantes, o embaixador se comprometeu a encaminhar a situação para debate em seu país e buscar uma solução pacífica para que o transporte de produtos volte a ser realizado tanto para exportação quanto para importação na fronteira do Acre.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.