Conecte-se agora

“Pode chorar”, posta Marcus Alexandre após vitória de Bocalom em cima de Socorro Neri

Publicado

em

Com 100% das urnas apuradas, o ex-prefeito Marcus Alexandre (PT) usou as redes sociais neste domingo, 29, para mandar indireta para a prefeita Socorro Neri (PSB) seu desafeto político, que foi derrotada pelo candidato do Progressista, Tião Bocalom

Nas redes, Marcus compartilhou a música “Vou festejar” de uma das maiores vozes da Música Popular Brasileira, Beth Carvalho.

“Chora. Não vou ligar (não vou ligar). Chegou a hora, vais-me pagar. Pode chorar, pode chorar”, diz a letra.

Anúncios

Cotidiano

Cheia dos rios Acre e Purus levam MPF e DPU pedirem reaplicação do Enem no Amazonas

Publicado

em

O Ministério Público Federal (MPF) e a Defensoria Pública da União (DPU) no Amazonas protocolaram pedido à Justiça Federal para que seja determinada a reaplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no Amazonas, conferindo-se as mesmas possibilidades de reaplicação da prova que nos demais estados do país e respeitando rigorosamente as medidas de biossegurança estabelecidas pelas autoridades sanitárias na ocasião da reaplicação.

O documento também requer à Justiça, caso concedida a tutela de urgência, que as novas datas das provas sejam condicionadas a parecer sanitário e epidemiológico positivo da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS/AM), em data não anterior a abril de 2021. Conforme o pedido, a possibilidade de requerer a reaplicação do exame deve se estender a todos os candidatos que se abstiveram no estado, seja por estarem acometidos por doenças infectocontagiosas, por estarem com medo de contaminação por covid-19 ou pela falta de estrutura dos locais de prova.

Para justificar o pedido, a DPU e o MPF citaram trechos do relatório de inspeção da Defensoria Pública do Estado em Itacoatiara, no interior do Amazonas. O documento conclui que, naquele município, foram descumpridas medidas sanitárias básicas de prevenção para a segurança dos candidatos e fiscais, tendo sido verificada a falta de espaçamento mínimo entre as carteiras, a falta de circulação de ar, bem como utilização de salas com capacidade máxima, em vez de 50%.

A situação do município de Boca do Acre, no interior do Amazonas, também é citada na petição para demonstrar os prejuízos pela falta de estrutura para a realização do Enem. Naquela cidade, os estudantes foram impedidos de realizar as provas do Enem em razão de decreto municipal suspendendo todas as atividades escolares e de outras áreas ligadas à educação em decorrência da pandemia e da situação de emergência ocasionada pelo nível de transbordamento total dos rios Acre e Purus, que inundou diversas escolas onde as provas seriam realizadas.

Os órgãos demonstram ainda, no pedido à Justiça, que a insegurança sanitária durante a aplicação das provas no Amazonas resultou em uma abstenção recorde, muito acima da média nacional. Conforme dados da Nota Técnica Conjunta Nº 38/2021, o índice nacional de abstenções do Enem em 17 de janeiro foi de 51,5%, o maior já registrado na história do exame. No primeiro dia de provas no Amazonas, em 23 de fevereiro, esse percentual chegou a aproximadamente 70%.

De acordo com a petição, mesmo sendo o estado mais atingido do país pela segunda onda da pandemia de covid-19 naquele momento, os estudantes que faltaram ao exame em decorrência de estarem acometidos por doença infectocontagiosa não tiveram a mesma chance de solicitar a reaplicação que os candidatos de outros estados.

Nesse sentido, os órgãos requerem que seja dada ampla publicidade em relação à possibilidade de requerimento de reaplicação do exame no Amazonas e pede ainda a disponibilização de canal apropriado pelo Inep para apresentação de requerimentos de reaplicação do exame.
O pedido foi protocolado no processo nº 1000461-55.2021.4.01.3200, que tramita na 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do Estado do Amazonas, e aguarda decisão da Justiça.

Continuar lendo

Cotidiano

Liminar garante reconstituição da morte de Maicline que será realizada nesta quinta

Publicado

em

Uma decisão liminar do desembargador Pedro Ranzi, do Tribunal de Justiça do Acre, causou mais uma reviravolta no caso da reconstituição do acidente que provocou a morte de Maicline Borges em janeiro de 2019 e que pode resultar na acusação de homicídio doloso contra o médico Eduardo Veloso e o empresário Otávio Costa.

O magistrado decidiu aceitar o Mandado de Segurança, com pedido liminar, para que a reconstituição seja realizada nesta quinta-feira, 4. O juiz Alesson José Santos Braz havia atendido a um pedido da defesa de Eduardo e adiado a reconstituição por conta da possibilidade de provocar aglomeração às margens do Rio Acre, onde será feita a perícia, em razão da pandemia da Covid-19.

O desembargador ao manter a reconstituição nesta quinta alega a demora, já que deveria ter sido realizada em março do ano passado, colocando em risco a responsabilização criminal.

Continuar lendo

Cotidiano

Instituto Federal do Acre continua com inscrições abertas para cursos técnicos

Publicado

em

Continuam abertas as inscrições para o Processo Seletivo 2021/1 de cursos técnicos integrados e subsequentes, do Instituto Federal do Acre (Ifac). Ao todo, estão sendo ofertadas 1.130 vagas para os campi Baixada do Sol, Cruzeiro do Sul, Rio Branco, Sena Madureira, Tarauacá e Xapuri.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site https://selecoes.ifac.edu.br/ até o dia 31 de março.

De acordo com edital, os cursos técnicos integrados são destinados para estudantes que concluíram o Ensino Fundamental e irão iniciar o Ensino Médio em 2021. Já os cursos subsequentes são indicados para pessoas que desejam aprimorar a carreira profissional com qualificação de curta duração.

Inscrições

Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site https://selecoes.ifac.edu.br/ e escolher a modalidade que deseja concorrer, como também selecionar o campus que pretende estudar. Na sequência deverá preencher todos os campos obrigatórios da ficha de inscrição e o formulário socioeconômico.

Cronograma

Conforme edital, as inscrições seguem até o dia 31 de março. O resultado preliminar será divulgado até às 17h, do dia 01 de abril. Já o resultado final está previsto para ser publicado em 07 de abril.

Continuar lendo

Cotidiano

Lene Petecão chora e pede responsabilidade da população para diminuir mortes no Acre

Publicado

em

Visivelmente emocionada, a vereadora Lene Petecão (PSD) usou o seu tempo na sessão desta quinta-feira, 04, da Câmara Municipal de Rio Branco para lamentar as mais de mil mortes em decorrência da covid-19.

Em sua fala, a parlamentar pediu uma responsabilização coletiva para diminuir as mortes da covid-19 e cobrou o prefeito Tião Bocalom (Progressistas) que encampe uma luta na conscientização da população de Rio Branco.

Em outro trecho, a vereadora sugeriu que a prefeitura realizasse a compra de máscaras para aqueles necessitados para evitar a propagação da covid-19 e cobrou um maior empenho da bancada federal na questão das vacinas.

“Quero transformar o meu luto numa campanha de conscientização forte e necessária e que isso possa levar um consolo às diversas famílias que perderam um ente querido. Desculpa pelo desabafo. Deixo o meu fraterno abraço a esposa do Doca que vai ter que continuar a vida porque ela tem um anjo azul para cuidar”, disse aos prantos.

Em menos de uma semana, Lene Petecão e o seu irmão Sérgio Petecão, ambos do PSD, perderam dois companheiros de luta, o Doca e Carlos Alberto Nascimento Vasconcelos, conhecido como Beto, 43 anos.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.