Conecte-se agora

“Justiceiras” de São Paulo deram ordem de execução de integrante do B13 no Acre

Publicado

em

A morte da jovem Késia Nascimento da Silva, 20 anos, teve como mandante duas mulheres do alto escalão do Primeiro Escalão do Capital (PCC) de São Paulo. O Domingo Espetacular, da Rede Record, mostrou no último domingo, 6, as escutas telefônicas gravadas pela polícia que revelam até onde pode chegar a tirania e a crueldade dos tribunais organizados por facções criminosas.

É a primeira vez que a polícia registra áudios de um desses tribunais, que foi comandado por mulheres. Em um dos áudios, a dupla Rita Rocha do Nascimento, 40 anos, mais conhecida como “Brenda” e Vera Lucia Marques, 52 anos, eram as pessoas que davam o aval de execução dentro da organização criminosa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O delegado Marcos Antônio Manfrin, de São Paulo, responsável pela investigação, alertou que as pessoas que entram em organizações criminosas quando quer sair podem ver a situação se complicar. Ele afirmou que Vera Lúcia Marques era quem dava o “aval” para as execuções do Tribunal do Crime.

“Todo julgamento que eles iam fazer mesmo fora do Brasil passava pelo crivo dela [Vera]”, afirmou.

Integrante do PCC, Kesia Nascimento da Silva, era conhecida entre os comparsas como “Rainha Ravelo”, ela morava em Rio Branco e tinha sumido no dia 28 de janeiro deste ano após deixar o filho pequeno em uma lanchonete da família, na Estrada da Floresta, em Rio Branco.

VÍTIMA – Késia Nascimento da Silva, 20 anos.

O delegado Martin Hessel, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil do Acre, afirmou que duas mulheres, sendo que uma identificada como “Daniele Daleste” buscaram a jovem Késia em sua residência e levaram ela para ser julgada pela facção, mas antes a organização criminosa deixou o filho de Késia com familiares.

“Levaram ela para um local que chamam de cantoneira”, afirmou o delegado.

A jovem teve a sua execução decretada por ligação, após ter sido vista com integrantes de uma facção rival (B13). Nas escutas, é possível constatar que a jovem Késia Nascimento da Silva implora por sua vida. “Por favor, por favor, não faz isso!”, afirmou.

Brenda, uma das cabeças do PCC, acompanha a execução escutando através de uma ligação aos comparsas aqui do Acre. Ela argumenta que a jovem cometeu o crime de traição. “Ela está sendo excluída por traição. De bate e pronto, e já é decreto!. Já é decreto”, diz Brenda.

Em outro trecho, Brenda diz para os comparsas aqui do Acre: “Arranca o pescoço, meu. Deixa ela gritar, não. Tampa a boca dela para ela não gritar”.

Investigações

Até o momento foram presas seis pessoas envolvidas na morte de Kesia no Acre. Sendo dois menores e quatro adultos. Foram presos: João Vitor da Cunha Pereira, conhecido como “Cirilo”, Amanda Lima de Moura, pelo codinome “Cacheada”, Camila Cristine de Souza, conhecida como “Riana” e Moisés Inácio da Silva, conhecido como “Sangue bom”.

Brenda e Vera foram presas e indiciadas pelo de tráfico de drogas, homicídio, formação de quadrilha e de mandante de assassinato com o agravante de sem defesa à vítima.

Segundo informações repassadas ao ac24horas, o crime bárbaro ocorreu dia 28 de Fevereiro, no bairro Taquari, às margens do Rio Acre, na capital.

ASSISTA:

 

Anúncios

Bar do Vaz

Polícia Rodoviária Federal abre concurso para 1,5 mil vagas

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) abriu concurso público para 1,5 mil vagas de policial rodoviário federal. O salário é de R$ 9.899,88.

O concurso é de abrangência nacional, sendo ofertadas aos novos policiais as oportunidades de lotação de acordo com a necessidade do serviço e o interesse público. As vagas disponíveis para lotação serão oferecidas primeiramente aos servidores já em exercício, mediante processo seletivo interno, e o saldo de vagas remanescentes será oferecido aos novos policiais.

O candidato deve ter graduação em qualquer área de formação e ter Carteira Nacional de Habilitação ou permissão para dirigir veículo automotor na categoria “B” ou superior.

As inscrições devem ser feitas de 25 de janeiro a 12 de fevereiro pelo site https://www.cebraspe.org.br/concursos/PRF_21. A taxa é de R$ 180.

Do total de vagas, 1.125 são para ampla concorrência, 300 para candidatos negros e 75 para candidatos com deficiência.

O concurso terá as seguintes fases:

Prova objetiva e prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;

Exame de aptidão física, de caráter eliminatório;

Avaliação psicológica, de caráter eliminatório;

Apresentação de documentos, de caráter eliminatório;

Avaliação de saúde, de caráter eliminatório;

Avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Investigação social, de caráter eliminatório, que se estenderá durante todo o concurso.

Curso de Formação Policial (CFP), de caráter eliminatório e classificatório, a ser realizado na Universidade Corporativa da Polícia Rodoviária Federal (UniPRF), na cidade de Florianópolis ou em outros locais indicados pela PRF, e contemplará a realização de provas teóricas e práticas.

Todas as fases, com exceção do curso de formação, serão realizadas nas capitais de todos os estados e do Distrito Federal.

As provas objetiva e discursiva serão em 28 de março. O curso de formação, após todas as etapas da seleção, começa em 10 de agosto.

VEJA O EDITAL AQUI. 

Continuar lendo

Destaque 6

Morre no Acre paciente que veio do Amazonas para tratar Covid-19

Publicado

em

Morreu vítima de Covid-19 na madrugada desta terça-feira, 19, Antônio Lima Barbosa, 64 anos, um dos dois pacientes vindos de Tabatinga, idade do Amazonas, para o Hospital de Campanha de Cruzeiro do Sul na semana passada. A vítima já foi sepultada.

Ele e o outro paciente do Amazonas foram encaminhados de Manaus à Cruzeiro do Sul após o colapso de oxigênio na capital amazonense.

O Hospital de Campanha já recebia pacientes do Amazonas, mas de cidades vizinhas à Cruzeiro do Sul, como Guajará e Ipixuna. Esta é a primeira vez que pacientes são trazidos de Manaus, o que chegou a gerar protestos nas redes sociais, de pessoas que temiam a contaminação por uma cepa diferente de coronavírus, que circula na capital amazonense.

Continuar lendo

Destaque 6

50% dos acreanos devem ser imunizados para conter Covid-19

Publicado

em

Para o deputado Jenilson Leite ao menos 50% dos acreanos tem de ser imunizados para controlar a Covid-19 o Estado. “A vacina não produz imunidade de imediato mas leva de 14 a 40 dias mas com ela temos certeza que muito em breve estaremos nos livrando desse vírus de maneira avassaladora”, disse o deputado, que é médico e atua voluntariamente no enfrentamento à doença.

Leite diz que se sentiu muito feliz e satisfeito com a aprovação das duas vacinas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e uma delas, a Coronavac já começa a ser aplicada no Acre.

A depender do número de vacinados no Acre, até março ou abril os efeitos da imunização já começam a ser sentidos com redução de mortes, casos leves e hospitalizações.

Continuar lendo

Destaque 6

Nível do Rio Acre deve subir, mas sem ameaça de alagação

Publicado

em

A previsão indica que o nível do rio Acre, embora tenha subido muito nas últimas horas deverá baixar rapidamente nos próximos dias. Antes, poderá chegar até 12,5 metros.

As chuvas ocorridas nas últimas 24h não farão seu nível subir exageradamente, pois, nos próximos dias, até quinta-feira, dia 21/1, vai chover pouco.

Situação semelhante ocorre no rio Juruá, onde, em Cruzeiro do Sul, marcava, na segunda-feira, 8,7m, e continuava baixando. Deverá voltar a subir nos próximos dias, mas sem motivos para preocupação alarmante, segundo o portal O Tempo Aqui.

Não será diferente nos rios Tarauacá e Iaco, pelo menos durante esta semana.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.