Conecte-se agora

Caciques da política definem nomes das eleições no Juruá

Publicado

em

A convenção municipal do PT e Republicanos aconteceu na noite desse domingo, 6, em Mâncio Lima e definiu os nomes de Isaac Lima (PT) e Ângela Valente (Republicanos) para a reeleição. Participaram o senador Sérgio Petecão (PSD), deputados federais Perpétua Almeida (PCdoB), Manuel Marcos (Republicanos), estaduais Jonas Lima (PT) e Edvaldo Magalhães (PCdoB) e o ex-senador Jorge Viana (PT).

A Coligação Ampla Democrática é composta por seis partidos: PT, Republicanos , PCdoB, PDT, PSD e PL. O prefeito Isaac Lima disse ter se sentido prestigiado na convenção e seguro com a chapa montada para as eleições majoritárias, bem como a de vereadores. “Temos um grande time e vamos trabalhar. Agradeço a todos que vieram trazer apoio”.

O ex-senador Jorge Viana fez questão de participar da convenção de Mâncio Lima, a única cidade do Juruá a ter prefeito petista. “Mâncio Lima se destaca na educação, no meio ambiente e agricultura. Esperamos que a população queira manter Mâncio Lima em boas mãos. A convenção já foi um bom exemplo da forca desta frente ampla e democrática”, citou Viana.

Para o senador Sérgio Petecão, em time que está ganhando não se mexe. “Essa é uma grande gestão. Vamos dar um suporte maior à administração para beneficiar cada vez mais a população daqui”, salientou.

No sábado, 5, em Marechal Thaumaturgo, Petecão, Perpétua e Edvaldo Magalhães também “abençoaram” os nomes do atual prefeito Isaac Piyãko ( PSD) e seu vice, Valdélio Furtado, como candidatos a reeleição pela coligação Marechal no Caminho Certo, composta pelo PSD, PSDB, PP e PCdoB.

Também no sábado, 5, em Porto Walter, a deputada federal Jessica Sales, Perpetua e Edvaldo Magalhães estiveram na convenção que lançou Cezar Andrade (MDB) e Guarsonio (PSDB) como vice para disputar a eleição do município.

Anúncios

Destaque 6

Governo pretende remover 1,5 mil pacientes do Amazonas

Publicado

em

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta terça-feira, em Manaus, que o governo deve remover 1,5 mil pacientes com Covid-19 do Amazonas para outros estados para receber tratamento médico. Ao lado do governador do Amazonas Wilson Lima, ele fez um pronunciamento durante a inauguração do hospital de campanha, que vai funcionar no complexo Nilton Lins.

“Partimos pela remoção inicialmente para hospitais federais e agora para hospitais do SUS, de estados que estão se oferecendo para receber os amazonenses que precisam ser tratados. Já tiramos 300 pessoas em aviões da Força Aérea e nosso objetivo é chegar a em torno de 1,5 mil pessoas removidas.”

Apesar de citar 300 transferências, de acordo com a Secretaria de Saúde do Amazonas foram transferidos, até a manhã desta terça, 277 pacientes. A previsão inicial era de que o governo transferisse 235 pessoas.

As remoções foram anunciadas pelo próprio ministro, no dia 15 de janeiro. Nesta terça, ele reforçou que que a necessidade de fazer as remoções de Manaus ocorreu pela quantidade de pessoas buscando atendimento médico e pela incapacidade do governo atender a todos.

Vacinas

O ministro afirmou que Amazonas já recebeu 452 mil doses de vacina, sendo 100 mil doses de vacinas extras. No entanto, somados todos os carregamentos, o estado recebeu pouco mais de 459 mil doses.

“Proporcionalmente o Amazonas é o estado que mais recebeu doses. Em proporção. Com essas doses, o objetivo é que 100% dos indígenas aldeados sejam vacinados, 87% dos profissionais de saúde e dos trabalhadores de saúde também sejam vacinados, 100% dos idosos, em instituições de longa permanência. E nós fizemos um fundo de 5% em comum acordo com os governadores de todas as vacinas que chegam ao Brasil, para atender as áreas mais impactadas”, afirmou.

Hospital de campanha

O complexo hospitalar Nilton Lins possui toda a estrutura hospitalar e será usado como hospital de campanha pelo estado. De acordo com o ministro, serão 152 leitos, sendo 30 já disponíveis nesta terça-feira. Pazuello afirmou que 81 leitos tem concentradores de oxigênio.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, o fluxo de atendimento na unidade será de portas fechadas, semelhante ao adotado em 2020: pacientes que dão entrada na rede de urgência e emergência serão reencaminhados para o hospital, não há atendimento direto.

“Nós estamos vendo de uma maneira muito clara, como deve ser, a partir de já e no futuro, a nossa situação hospitalar na Amazônia. Precisamos trabalhar com usinas geradoras de oxigênio individualizadas nos hospitais, concentradores de oxigênio e deixar o oxigênio de grande porte, esse comprado da White Martins, como backup”, afirmou.

Pazuello chegou na noite de sábado (23) a Manaus e, de acordo com a assessoria da pasta, ficará no estado do Amazonas pelo “tempo que for necessário”.

Continuar lendo

Acre

Acre fará 1º pagamento de 2021 aos servidores nesta sexta-feira (29)

Publicado

em

O governo do Acre irá realizar o primeiro pagamento dos servidores ativos e inativos da administração pública estadual na próxima sexta-feira, dia 29 de janeiro. No total, entrará em circulação no estado um montante de mais de R$ 267 milhões.

O pagamento segue o calendário anual de pagamento divulgado no dia 15 de janeiro pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). A administração pública estadual é composta por 32.269 servidores ativos, 13.622 inativos, 3.980 pensionistas, em um total de 49.871 pessoas que irão receber em dia seus proventos.

Confira o calendário de pagamento dos demais meses de 2021:

Continuar lendo

Cotidiano

Mulher é presa com droga e motocicleta roubada após fuga de marido em operação

Publicado

em

Uma operação dos policiais do Choque do Batalhão de Operações Especiais (Bope) juntamente com a Polícia Federal na noite dessa segunda-feira, 25, resultou na prisão de uma mulher identificada como Carla Souza da Silva, de 21 anos, na apreensão de 7 kg de maconha e de uma motocicleta roubada. A ação se deu numa residência localizada na rua Gomes Machado, no bairro Cadeia Velha, em Rio Branco, às margens do Rio Acre.

A guarnição policial informou que recebeu uma denúncia anônima de que havia uma casa usada para guardar entorpecentes. Os policiais se deslocaram até ao local  e, assim que a viatura entrou na rua, uma mulher foi para a casa de uma vizinha. Segundo a polícia, nesse momento um homem identificado como Josiclei se evadiu da casa pulando uma cerca de madeira. Os militares tentaram impedir a fuga do suspeito, mas sem sucesso.

Os policiais fizeram uma busca na residência que se encontrava aberta e no quarto de Josiclei foi encontrado uma mochila com 6 barras de maconha envolvidas em saco plástico, além do documento de identidade de Carla Souza da Silva.

A mulher relatou à polícia que emprestou a mochila para o marido Josiclei. Disse ainda que seu marido é membro de uma facção e que desconhece a procedência da droga. Durante diligências em busca de Josiclei, os policiais encontraram uma sacola azul com mais maconha e uma motocicleta Honda/CG Titan, de cor preta, placa NAF-6117, abandonada, com restrição de roubo.

A mulher foi presa e encaminhada juntamente com as drogas e a motocicleta roubada para a Polícia Federal para os devidos procedimentos

Continuar lendo

Cotidiano

Vereadores montam comissão para buscar melhorias ao Hospital Regional do Alto Acre

Publicado

em

Em uma reunião realizada nesta segunda-feira, 25, na Câmara Municipal de Brasileia, os vereadores do Alto Acre se uniram para reivindicar melhorias para o Hospital Regional do Alto Acre, que neste momento se encontra em situação preocupante por conta da pandemia da Covid-19.

Na unidade de saúde, de acordo com os vereadores, faltam vários itens de extrema importância para salvar as vidas.

A reivindicação é que seja implantado exames de tomografias, aumento dos números de leitos, reparos no ar condicionado na ala do Covid, medicação adequada para os pacientes, além da contratação imediata de profissionais de saúde suficientes para atendimento da população do Alto Acre.

Os vereadores estão aguardando o agendamento de uma reunião com o secretário de saúde, Alysson Bestene, onde um relatório será entregue.

Os vereadores acordaram ainda que vão realizar uma sessão extraordinária com a presença de autoridades para debater a fragilidade da saúde e buscar soluções.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas