Conecte-se agora

Queimadas no Acre até julho deste ano estão 33% acima do mesmo período de 2019

Publicado

em

FOTO: SÉRIO VALE

Os focos de queimadas no Acre até desde o começo do ano até esta terça-feira, 28 de julho, quase que triplicaram com relação ao mês passado. Em junho, foram registrados 71 focos contra 189 deste mês. No acumulado dos 7 primeiros meses do ano, o estado tem 320 focos contra 240 no mesmo período do ano passado, uma diferença de + 33%.

Porém, o número de focos deste ano é substancialmente menor do que o registrado nos anos de 2017 e 2018, que registraram, respectivamente, 368 (+9%) e 402 (+40%) – com relação a 2020. Os dados são do Satélite de Referência – AQUA Tarde, divulgados pelo programa Queimadas, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – Inpe.

Até o dia 27/7, os municípios de Tarauacá (47), Cruzeiro do Sul (34) e Feijó (29) foram os que apresentaram o maior número de focos acumulados no período. Por densidade por km², os municípios de Rodrigues Alves e Brasiléia registraram o maior número de focos em seus territórios – respectivamente 0,877 e 0,638 focos por km².

Neste sentido, os municípios de Rodrigues Alves e Brasiléia tornam-se prioritários para monitoramento e ações de combate e controle de queimadas e incêndios florestais, caso o cenário indique aumento dessa tendência.

Na consolidação do acumulado de focos de queimadas do início deste ano até 27/7, por Áreas Naturais Protegidas, a Reserva Extrativista Chico Mendes registrou 22 focos de queimadas. No mês de julho, foram 11 os registros de focos na Resex-CM.

Os campeões de queimadas no Brasil até o momento são os estados do Mato Grosso (8.866), Mato Grosso do Sul (3959), Tocantins (3.256), Pará (2.911) e Maranhão (2.879). As cidades são: Corumbá (MS) 2674, Poconé (MT) 770, Apuí (AM) 496, Nova Maringá (MT) 376, Mirador (MA), 324 e Porto Murtinho (MS) 310.

Com informações do Relatório de Monitoramento de Queimadas da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas