Conecte-se agora

Consumo de cerveja e carne cresce no Acre em meio à pandemia

Publicado

em

Uma planilha de vendas do tipo varejo de uma rede de comércio e distribuidora de alimentos enviada ao ac24horas aponta que, em meio à pandemia do novo coronavírus, o decreto de isolamento social fez com que o acreano aumentasse ou mantivessem o consumo em excesso de ao menos 10 diferentes itens, tais como: cerveja, carne bovina e refrigerante. Com base na tabela, não se pode descartar que o tradicional churrasco de domingo agora pode acontecer mais de uma vez na semana em algumas famílias.

Na lista dos 10 itens mais vendidos no período de 23 de março de 2020 a 23 de abril pela rede varejista pesquisada, consta: pão francês, carne bovina (bisteca), cerveja devassa, cesta básica pequena, carne bovina (coxão mole), tomate kg, refrigerante Coca-Cola, alho, carne bovina (moída) e ovo branco (30 unidades).

O presidente da Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agrícola do Acre (Acisa), Celestino Bento, diz que o aumento do consumo de alguns produtos registrados no Acre, como os de limpeza, é o que “reflete muito mais o comportamento do consumidor dos grandes centros”. Nessa categoria, cresceram as vendas, inevitavelmente, de álcool em gel, álcool líquido, água sanitária e papel toalha.

No quesito bebidas, a cerveja aparece entre o topo em todas as planilhas de consumo como um dos produtos que mais aumentou o número de vendas, apesar de “ter tido uma queda drástica em março”, explica Bento.

Na parte de alimento, a carne bovina, ovos e pães também se destacam na lista de vendas. Apesar de a distribuidora de alimentos afirmar que o pão francês é o campeão de vendas do momento, a Acisa contesta e destaca que os pães industrializados com data de validade mais longa são os que estão saindo das prateleiras mais abundantemente neste período.

Antônio Rodrigues Pereira, de 54 anos, possui um comércio de médio porte em Rio Branco e atua no ramo há cerca de 15 anos. Ele confirma que a procura por pão, carne bovina tipo bisteca e cerveja têm sido constante em seu estabelecimento. “Acredito que os moradores estejam com mais tempo pra ficar com a família por conta da necessidade do distanciamento social e por isso a venda desses produtos, principalmente da cerveja, seja tão evidente”.

Anúncios

Acre

Rio Branco inicia campanha de imunização contra o coronavírus

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco deu início por volta das 8 horas desta quarta-feira, 20, ao lançamento da campanha municipal de imunização contra o coronavírus. O prefeito da capital acreana, Tião Bocalom, e o secretário municipal de Saúde, Frank Lima, participam da ação que ocorreu no Lar dos Vicentinos.

Na oportunidade, prefeito e secretário acompanharam também o início da vacinação dos idosos que vivem no Lar dos Vicentinos, na capital. Na sequência, ato semelhante ocorre na Unidade de Referência de Atenção Primária (URAP) Maria Barroso, que atende exclusivamente os pacientes com suspeita da Covid-19, com o início da vacinação dos profissionais de saúde.

No Lar dos Vicentinos, mais de 60 idosos são vacinados contra os efeitos da Covid-19. Toda a logística por parte da secretaria de saúde está organizada, inclusive, com os profissionais da Saúde e os locais onde serão oferecidas as vacinas nesta 1ª fase. Rio Branco tem mais 3 mil doses para começar a imunização. Nesse primeiro momento, são idosos acima de 75 anos e os profissionais de saúde que estão trabalhando em hospitais na linha de frente do Covid-19.

Bocalom pediu paciência à população e ressaltou que a vacinação deve ocorrer durante todo o ano. “Esse processo de vacina não vai ser de uma hora para a outra. Isso será gradual, então é preciso que a população espere a sua hora. Nesse primeiro momento serão apenas os trabalhadores e os idosos. Estamos preparadíssimos. Assim, como as prefeituras do interior. Tenho muita fé em Deus e que devagarzinho tudo isso vai passar”, salientou.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Frank Lima, nesta primeira fase da imunização serão colocadas em funcionamento as 12 Unidades de Referência da Atenção Primária (URAP), a Policlínica e Drive-Thru [7º BEC e Arena da Floresta]. A saúde municipal seguirá o Plano Nacional de Imunização, que prevê que nesta 1ª fase irá contemplar os idosos acima dos 75 anos e os profissionais da Saúde.

Continuar lendo

Acre

Média móvel de mortes por Covid-19 cai no Acre nos últimos dias

Publicado

em

O Acre está entre os Estados que apresentou nesta terça-feira (19) queda na média móvel diária de mortes por Covid-19. Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraíba e Paraná tiveram queda da média móvel de mortes mas Acre teve a maior queda, de 29%, segundo o consórcio de veículos de comunicação.

Com alta na média de mortes, aparecem nesta segunda 11 estados: Amazonas, Rondônia, Roraima, Tocantins, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. As maiores altas foram registradas no Amazonas e no Tocantins.

O Distrito Federal e dez estados aparecem com estabilidade: Amapá, Pará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Bahia, Mato Grosso, Espírito Santo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Continuar lendo

Acre

Com veto da Reforma, Flávio Silva deve ser efetivado na Casa Civil

Publicado

em

Com o governador Gladson Cameli vetando integralmente o texto da Reforma Administrativa aprovado pela Assembleia Legislativa em dezembro do ano passado, os planos para a criação da Secretaria de Governo (Segov) foram adiados pelo menos por enquanto.

A nova pasta iria substituir a Secretária de Casa Civil nas articulações institucionais e políticas e não tinha tinha titular definido ainda já que a vontade do chefe do executivo era ter o secretário de saúde, Alysson Bestene, comandando a super secretaria, mas por não ter substituto a altura na Sesacre, Cameli preferiu mantê-lo onde está.

À interlocutores, o governador já vinha dando sinais que a sanção da Reforma lhe traria mais problemas do que soluções, sem contar que ainda existia a pressão da base aliada que não estava satisfeita com o corte de mais de 300 cargos na estrutura de governo. É possível que após a vacinação contra Covid-19, um novo texto seja encaminhado o legislativo com muito mais modificações e até mesmo a criação de mais espaços na estrutura do Estado não está descartado.

O fato é que o veto fez com que um de seus principais assessores, Flávio Silva, que está comandando interinamente a Secretária de Casa Civil, deva ser efetivado no cargo, deixando de ser um “Tampão”, na ausência do ex-secretário Ribamar Trindade, que foi exonerado do cargo e logo em seguida tomou posse como Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Acre.

Silva conta com apoio de Cameli e aliados para deixar a Casa Civil mais dinâmica e leve em 2021 e tem caminho livre para deixar as articulações visando a reeleição do governador mais palpáveis em 2022.

Continuar lendo

Acre

Prefeitos do Alto Acre recebem primeira remessa de vacinas

Publicado

em

Os prefeitos dos municípios que compõem a regional do Alto Acre – Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Xapuri – receberam durante a tarde desta terça-feira, 19, as primeiras doses da vacina CoronaVac, uma das duas autorizadas pela Anvisa para a campanha emergencial contra vírus causador da Covid-19.

O caminhão que fez o transporte do imunizante para Alto Acre deixou a primeira carga em Xapuri, onde o prefeito Ubiracy Vasconcelos se recupera da doença. No município, a vacinação será iniciada apenas na quinta-feira, 21.

De Xapuri, o caminhão seguiu para Epitaciolândia, onde foi recepcionado pelo prefeito Sérgio Lopes e comitiva.

“A vacina, no momento, representa esperança, vidas que serão poupadas através da imunização e não queremos mais perder para a Covid-19”, disse o gestor.

A primeira pessoa a ser vacinada no Alto Acre foi uma funcionária da saúde municipal de Epitaciolândia.

Em seguida, o caminhão da Sesacre partiu para o município vizinho, onde foi recepcionado pela prefeita Fernanda Hassem e funcionários da Saúde municipal.

Em Brasiléia, a primeira dose da vacina será aplicada nesta quarta-feira, 20, no posto de saúde Tufic Mizael Saady, por volta das 9 horas da manhã.

“Estamos felizes em receber essa primeira remessa de vacina contra o vírus da Covid-19, mas, quero lembrar que as pessoas não baixem a guarda nos cuidados. Ainda temos muita luta pela frente e os cuidados ainda são extremamente necessário”, destacou Fernanda Hassem.

O prefeito de Assis Brasil, Jerry Correia, esteve acompanhando o caminhão com as vacinas que partiu para o município tão logo deixou Brasiléia.

“Estamos desde segunda-feira representando a regional do Alto Acre, acompanhando a chegada da vacina e queremos agradecer ao governador pelo esforço”, disse Correia.

Com colaboração do jornal o Alto Acre, de Brasiléia.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas