Conecte-se agora

Na frente do delegado, estudante da Uninorte nega que tenha sido sequestrada

Publicado

em

Após prestar depoimento ao delegado Rêmulo Diniz, na Delegacia de Homicídios e proteção à Pessoa (Dhpp), nesta sexta-feira (23), a estudante de 17 anos, Jéssica Carvalho, que desapareceu na última terça-feira (20) e reapareceu na quarta (21), negou em seu relato que tenha sido sequestrada ou mantida em cárcere privado, como havia informado sua mãe,  Idalinda Carvalho da Silva em entrevista ao ac24horas, logo após a jovem reaparecer. Ouça a entrevista do repórter Wiliandro Derze com a mãe da jovem.

De acordo com Rêmulo, após a repercussão do caso nas redes sociais, três delegacias foram mobilizadas para dar prosseguimento ao caso: uma pela suposta ameaça das vizinhas, outra pelo suposto assalto próximo a universidade e outra pelo seu desaparecimento mediante  sequestro. Inicialmente, a mãe e demais familiares mobilizaram as redes sociais e contactaram os principais jornais para ajudar a divulgar o desaparecimento, inclusive uma das tias da jovem entrou em contato diretamente com ac24horas pelas redes sociais.

LEIA MAIS
>Estudante reaparece e mãe diz que filha foi sequestrada e amordaçada

A jovem retornou para casa na quarta-feira (21), e ao tomar conhecimento da situação, o repórter do ac24horas, Wiliandro Derze, entrou em contato com a mãe da jovem que afirmou que ela teria sido sequestrada, amordaçada e mantida em carcere privado. No áudio, a mãe afirma todas as informações repassadas ao repórter, mas negou todas ela na frente do delegado, dizendo inclusive que não teria dado nenhuma declaração a imprensa.

Como justificativa para o seu desaparecimento, Jéssica disse ao delegado que realmente foi alvo de um assalto no caminho para a faculdade e que antes de sair de casa, havia tido um desentendimento com a mãe e por isso teria passado a noite na casa de uma amiga. De acordo com o relato dado ao delegado, a jovem só ficou sabendo da repercussão de seu desaparecimento quando saiu pra ir para faculdade no dia seguinte e resolveu voltar pra casa.

“Ela disse que não ligou pra mãe porque havia tido um desentendimento com ela e por isso não voltou para casa. Negou esse sequestro e nos contou que ficou na casa de uma amiga até descobrir a repercussão  na rede social. É importante destacar que sempre importante acionar primeiro as autoridades antes de iniciar em um alarde ou um clamor público pra que a gente possa investigar, buscar informações e não desgastar o serviço público”, disse Rêmulo Diniz.

Destaque 3

IAPEN divulga cronograma de visitas nos presídios do Acre que ocorrem neste domingo

Publicado

em

Na tarde deste sábado, 4, o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), informou que as visitas nas unidades penitenciárias do estado serão retomadas a partir deste domingo, 5.

No entanto, a gratidão destaca que haverá algumas orientações a serem seguidas, como por exemplo, o horário que será 8h às 11h da manhã e à tarde de 13h às 16h.

Em relação aos procedimentos, os visitantes devem atentar-se às seguintes orientações: Apenas uma pessoa por preso poderá visitar; O visitante somente poderá adentrar à unidade portando a carteira de visitante e documento oficial com foto. Outro tipo de protocolo não será autorizado; Carteiras vencidas só serão aceitas caso estejam com até 30 dias de vencimento; Não será permitido entrada com alimentação;A utilização de máscaras será obrigatória; Em cumprimento ao Decreto Governamental n° 10.599, será exigida a apresentação de comprovante de vacinação no ato da entrada nos estabelecimentos prisionais.

O órgão repassou o cronograma de visitas do mês de dezembro. No Complexo Penitenciário de Rio Branco: domingo, 5 de dezembro – pavilhão P (manhã) e pavilhão O (tarde); sábado, 11 de dezembro – pavilhão C (manhã) e Posto Médico (tarde); domingo, 12 de dezembro – pavilhão L (manhã) e pavilhão A (tarde).

No Pavilhão dos Reeducandos do Trabalho Externo (Antiga UP-4): sábado, 11 de dezembro. Visitas apenas no período da manhã. Já na Unidade de Regime Fechado nº 2 de Rio Branco (Antonio Amaro Alves): sábado, 11 de dezembro – alojamentos 2 e 4; domingo, 12 de dezembro – alojamentos 5, 6 e 7. Visitas apenas no período da manhã. A Unidade de Regime Fechado Feminina de Rio Branco: sábado, 11 de dezembro – pavilhão Alamanda e Berçário; Sábado, 18 de dezembro – Pavilhão Carmélia. Visitas apenas no período da manhã e a Unidade Penitenciária Moacir Prado (Tarauacá): domingo, 5 de dezembro – ala 4 (manhã) e ala 3 (tarde); sábado, 11 de dezembro – pavilhão B (manhã) e ala 1 (tarde); domingo, 12 de dezembro – pavilhão D e alojamento C (manhã) e ala 2 (tarde).

As unidade penitenciárias de Sena Madureira, Cruzeiro do Sul e Senador Guiomard terão cronograma de retorno de visitas divulgado posteriormente.

Continuar lendo

Destaque 3

TCE garante que convocação de servidores da segurança pela ex-secretária Maria Alice é legal

Publicado

em

Em edição do Diário Oficial do Tribunal de Contas do Estado (TCE), publicado na sexta-feira, 03, os membros do TCE acordaram, por unanimidade, de acordo com os termos do relator, a considerar regular a convocação de servidores para atuarem na área de segurança em 2019.

Em divergência aos demais conselheiros, o Antônio Malheiros votou pela aplicação de multa à secretária na época, Maria Alice, determinando um valor em pouco mais de R$ 14 mil, no entanto, o pedido de multa foi derrubado pelos demais membros do órgão controlador.

“Segundo o disposto no artigo 22, parágrafo único, inciso IV, da Lei de Responsabilidade Fiscal é permitido o provimento de cargos públicos, admissão ou contratação de pessoal para reposição na área de segurança, mesmo que o Poder ou Órgão esteja com o valor da despesa total com pessoal acima de 95% do limite legal.” Diz trecho da decisão.

Errata – Na matéria onde diz que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) multou a ex-secretária, Maria Alice, por descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal na contratação de servidores da segurança pública foi um erro, pois a secretária não foi multada.

Apenas o conselheiro Antonio Malheiros votou pela condenação, fato que equivocou minha interpretação na edição do Diário Eletrônico. Porém, o voto foi derrubado pelos demais conselheiros e não houve a aplicação de multa. Segundo o disposto no artigo 22, parágrafo único, inciso IV, da Lei de Responsabilidade Fiscal é permitido o provimento de cargos públicos, admissão ou contratação de pessoal para reposição na área de segurança, mesmo que o Poder ou Órgão esteja com o valor da despesa total com pessoal acima de 95% do limite legal.

Desse modo, manifesto escusas à ex-secretária Maria Alice pelos transtornos causados, ciente de que o excesso cometido na publicação em referência causaram-lhe prejuízos e desgastes à sua imagem, razão pela qual me retrato publicamente.

Continuar lendo

Destaque 3

Bocalom não descarta retorno de Frank Lima após conclusão de investigação do MPAC

Publicado

em

O prefeito Tião Bocalom (Progressistas), no Boa Conversa, exibido pelo ac24horas, na noite desta sexta-feira, 3, destacou a saída de Frank Lima, da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Na entrevista, Bocalom afirmou que Frank entregou o cargo e não descartou o retorno do amigo, após a conclusão das investigações no Ministério Público do Acre (MPAC).

Segundo ele, o resultado das investigações da comissão da Controladoria Geral do Município (CGM) foram enviados ao Ministério Público.

“Olha, eu vou esperar apuração total, o MP tá nisso e a comissão entregou o processo para o MP e ele sabendo de tudo, imediatamente, pediu pra voltar ao Estado e disse que era melhor deixar o MP trabalhar. Evidentemente, se for provado a inocência dele, não tem o que discutir, ele volta porque é um amigo que lutou comigo nas horas mais difíceis. Quantas vezes a gente dividiu uma pizza em 10 pedaços? Não podemos deixar os nossos guerreiros para trás”, afirmou o prefeito.

Continuar lendo

Destaque 3

Bocalom crítica Jarude e diz que adversários usam caso das diárias por ele não está roubando

Publicado

em

No programa Boa Conversa, transmitido pelo ac24horas na noite desta sexta-feira, 3, o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), falou acerca das críticas que recebe dos vereadores da Câmara de Rio Branco em razão das suas viagens para fora do Estado.

Mesmo sem citá-lo, o prefeito ironizou as críticas do vereador Emerson Jarude, acerca das suas viagens. Na entrevista, Bocalom afirmou que as suas viagens são em busca de investimentos para Rio Branco.

“Esses cabras não sabem o que tão falando. Não tem o que falar e nem pode dizer que o Bocalom tá roubando, aí ele fala isso. Será que ele viu que a gente foi pra Brasília e conseguimos mais de R$ 50 milhões para Rio Branco? Vocês acham que sem apresentar projetos esses recursos todos viria para a capital?”, indagou o prefeito.

“Ele reclama, só que ele viajou com diária de R$ 900 e a minha é de R$ 800,00. Será se ele entregou a caminhonete da Câmara? Porque eu uso o meu carrinho e abasteço com o dinheiro do meu bolso e a caminhonete que ficava à disposição do gabinete, foi encaminhada para o Conselho Tutelar. Esse mesmo vereador que faz as críticas é o mesmo que criticava a outra gestão, quer dizer que não tem gestão correta pra ele, correto é só ele”, acrescentou.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas