Conecte-se agora

Diretora de hospital de Tarauacá pede demissão e alega “obstáculos políticos”

Publicado

em

A diretora do Hospital Sansão Gomes, de Tarauacá, Anísia Aragão pediu demissão do cargo que ocupa. A decisão, informada ao secretário de Saúde do Acre, Gemil Júnior, surpreendeu, já que a gestora estava na função há sete anos, mesmo período que o governador Sebastião Viana comanda o Palácio Rio Branco.

Em documento enviado a Gemil Júnior, Anísia alega que têm existido “obstáculos políticos” durante a gestão dela, e que, portando, o melhor caminho seria deixar o cargo vago, já que, na visão dela, não havia “razão lógica” para isso.

Anísia, que como relatou o site Tarauacá Agora, é muito querida por servidores do hospital, foi acusada perseguição política ao médico Rodrigo Damasceno, ex-prefeito da cidade. Aliados políticos do médico afirmam que a diretora o retirou o médico de uma função que cumpria na maternidade por pura maldade.

Para justificar a decisão de mudar as funções do médico, Anísia disse que a decisão partiu após uma supervisão feita por técnicos do Hospital do Juruá, referência em atendimento para a região.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas