Conecte-se agora

Seria um descalabro

Publicado

em

Recebi de um amigo que tem uma filha formada em Medicina, em Cuba, a grave denúncia que o prefeito Marcus Alexandre está trocando profissionais brasileiros por cubanos. Ouvi do prefeito que os contratos dos médicos atuais da Prefeitura de Rio Branco venceram em abril. E espera parecer da PROJURI para renovar. E prepara um concurso para preencher em definitivo estes cargo.

Merece respeito
O  Marcus Alexandre me merece credibilidade. Se não merecesse diria. Mas, vai a pergunta: qual a diferença em contratar um médico cubano e uma médica brasileira formada em Cuba?.

Muito mais direito
A médica acreana formada em Cuba tem prevalência sobre os cubanos, porque saiu do Acre para se formar em Cuba, com todos os problemas que e o de morar num país estrangeiro.

Acompanhar o caso
Exatamente por esse aspecto é que vou acompanhar de perto se vão tirá-la ou recontratá-la.

Qual o problema?
Qual é o problema do governador Tião Viana receber uma doação de campanha de uma empresa, registrar no TRE e TSE, às claras, e depois esta empresa é acusada de ilegalidades?

Muito mais que isso
Não será com este tipo de bobagem que mancharão a honra do Tião Viana. E até porque todos os políticos brasileiros, Dilma, Aécio, Marina e etc, receberam doações na campanha.

Pé no Juruá
Não poderia ser melhor á campanha do candidato ao governo, Tião Bocalon (DEM), o início de semana. Com Henrique Afonso (PV) como seu vice, coloca um pé no populoso reduto do Juruá.

Político inatacável
Sem falar que o deputado federal Henrique Afonso (PV) é um político de moral inatacável. Tudo que Márcio Bittar (PSDB) não queria era deixar Tião Bocalon (DEM) forte no Juruá.

Para escapar da morte
O dirigente do PP, José Bestene, está propondo uma coligação para Federal entre PP-SOLIDARIEDADE-PR, PSD-PPS, para fugir da chapa da morte com PMDB-PSDB-PSC.

Pensando no PP
O ex-deputado José Bestene acha que a coligação faz dois federais e uma vaga é do PP.

Sem hegemonia
Nenhum candidato a governador vai ter nesta eleição a hegemonia do voto evangélico. Ainda assim, as denominações mais tradicionais deverão apoiar a reeleição de Tião Viana.

Abastecimento normalizando
O abastecimento nos supermercados da Capital está se normalizando, já se via ontem nas prateleiras verduras, legumes e frutas. O problema é o prejuízo que ficou dos comerciantes.

Não é o perfil
Não se chega a ser surpresa a manifestação do prefeito de Feijó, Merla Albuquerque (PT), de que não disputará a reeleição. O Merla é um profissional liberal, a política não é a sua praia.

Péssimo negócio
O certo é que ser prefeito de município do interior, que não tem quase receita própria, virou um masoquismo, sem falar na política fiscal cruel do governo federal para com as prefeituras.

“Dindim simpático”
É como é chamado entre os colegas o prefeito de Xapuri, Marcinho Miranda (PSDB): o Dindim e ele são dois gestores desastrados, só que o Dindim era cara dura e Marcinho é todo afável.

Tem que se adequar
Mas, o bom gestor se conhece na crise. O prefeito de Senador Guiomard, James Gomes (PSDB), por exemplo, cortou na carne, reduziu as secretarias, salários, para ter controle.

Cortou até seu salário
James Gomes reduziu o seu salário, dos secretários e de todos os cargos de confiança.

Era para comemorar
Os comunistas eram para estar comemorando a briga com o prefeito de Capixaba, o Vareda (PCdoB), queimado na população ele virou um pau seco, quem encostar nele, cairá junto.

Não pode reclamar
O prefeito de Sena Madureira , Mano Rufino, não pode reclamar do antecessor Nilson Areal. Areal foi seu cabo-eleitoral e boa parte dos problemas financeiros existentes é sua herança.

Bajola  furada
O prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales, joga com os números, não entra em bajola  furada. Quer ver as pesquisas até junho para deliberar sobre quem vai indicar a vice de Márcio Bittar.

Cenário de derrota
Num cenário que indique possível derrota não vai indicar a mulher e deputada Antonia Sales (PMDB) de vice.

Nem que a vaca tussa
O candidato ao governo, Márcio Bittar (PSDB), se irrita quando alguém puxa o assunto da candidatura da mulher Márcia Bittar (PSDB) a Federal. Diz mal humorado: “isso tá decidido”.

Questão de fé
Fé não se discute. A deputado Marileide Serafim (PSL) crê que se elegerá para a Câmara Federal porque os profetas evangélicos que segue tiveram esta visão política.

Voltando ao normal
Após a cheia histórica do rio Madeira as coisas vão se normalizando na capital acreana, acabou desabastecimento .Um fato precisa ser comentado neste contexto, se ouve na oposição, na população de modo geral, que se não fosse o pulso forte e a ação do governador Tião Viana a crise teria tido contornos cruéis, como a falta de alimentos e de combustível. Tião surfou na crise, não se pode dizer que foi cem por cento, mas, mais do que fez não poderia ser feito.      

 

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.