Conecte-se agora

Vereador diz que foi ameaçado por secretário de Sebastião Viana

Publicado

em

O vereador de Rio Branco, Rabelo Góes (PSDB) usou as redes sociais na manhã dessa segunda-feira (30) para afirmar que foi ameaçado pelo secretário de Esporte e Educação, Petrolino Filho (Pelezinho), braço direito de Daniel Zen no governo Sebastião Viana (PT).

O tucano relatou que estava num torneio esportivo no bairro 6 de agosto quando  o secretário cobrou explicações de denúncias que o parlamentar havia feito sobre as condições do Complexo Amadeo Barbosa localizado ao lado da Arena da Floresta.  

“Ao que tudo indica pelas suas ações acha que esta acima da lei, pois de antemão já garanto, não esta. E vou mais além ao afirmar que este precisa se informar quanto às atribuições de um parlamentar. Pelezinho resolveu interpelar-me quando prestigiava um torneio esportivo furioso cobrou-me explicações das denuncias que segundo ele eram infundadas envolvendo a Secretaria de Esportes”, publicou Rabelo informando que apresentou as denuncias em sessão na Câmara Municipal.

O vereador disse que apresentou uma queixa na Delegacia de Polícia Cívil em desfavor do Secretário. “Fui juntamente com meu advogado a Delegacia de Policia Civil, 2ª Regional. E prestei queixa contra o referido representante da secretaria estadual de esportes. Suas ameaças e agressões verbais, terá que responder por elas na justiça”, disse.

Por fim Rabelo Góes enfatizou que não tem medo de ameças e exigiu respeito. “Adeque-se aos novos tempos, pois Eu não temo ameaças e não silenciarei, aonde houver situações que precisam ser levadas ao conhecimento da população certamente minha voz será levantada. Respeite-me não apenas por que sou um vereador eleito pela vontade soberana do povo, mais por que este é um principio que deve existir na vida de qualquer cidadão de bem”.

 
Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas