Conecte-se agora

Presidente da OAB-AC diz que corte de cabelo desautorizado em detentos fere a Constituição

Publicado

em

Em ofício ao diretor do Instituto de Administração Penitenciária do Acre – IAPEN/AC, sobre o corte desautorizado de cabelos dos detentos, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Acre, Florindo Poersch, pediu medidas urgentes para o que considera clara afronta à dignidade da pessoa humana.  O chamado “processo de higienização” a que são submetidos todos os detentos, inclusive os temporários da Unidade Penitenciária de Feijó, se trata de um ato ilícito caracterizado como prática de lesão corporal, segundo Florindo. “Quando visitei o município de Feijó, no dia 27 de setembro, tomei ciência que o diretor tinha determinado o corte de cabelos de forma desautorizada de todos os detentos. Fizemos uma vistoria, acompanhados da diretoria desta seccional e de advogados lá residentes e nós deparamos com todos os custodiados com a cabeça raspada, cuja violência teria sido praticada com o argumento de higienização do ambiente, nos termos das regras disciplinares”, conta Poersch.

O presidente da OAB-AC considerou a medida lamentável e ressaltou que a Constituição da República assegura o respeito à integridade física e moral dos presos, que inclui o direito à sua própria imagem.  Florindo ressalta que ao ‘raspar’ o cabelo dos presos, aviltando sua dignidade pessoal, da qual a imagem é parte integrante, e cumprindo o regulamento que impõe práticas incompatíveis com a dignidade humana no presídio de Feijó, o que se fez também foi violar a lei de abuso de autoridade. “Com efeito, se o preso deve ter resguardada sua integridade física, é óbvio que ele não pode sofrer intervenção corpórea, sob pena de violação, também, do dispositivo que assegura que ninguém será submetido a tratamento degradante” afirma.

Poersch conclui o oficio pedindo ao IAPEN, providências cabíveis e imediatas para que a violência praticada cesse imediatamente.

 

Acre

“Mãe de joelho, filho de pé”, diz mãe de Gladson em retorno ao Acre

Publicado

em

A mãe do governador Gladson Cameli (Progressistas) gravou um vídeo para tranquilizar o filho na semana decisiva a cinco dias da votação nas eleições de 2022. Dona Linda Cameli retornou a Rio Branco, capital do Acre, para acompanhar de perto os dias que antecedem o domingo eleitoral, no dia 2.

“Filho, conte sempre comigo. Mãe de joelho, filho de pé. É 11!”, disse a mãe do governador, que estava há alguns dias fora do estado.

Cameli já confirmou sua participação no debate entre os sete candidatos ao governo do estado, cujo está pela reeleição, e que ocorre na noite de hoje na Rede Amazônica do Acre.

play-rounded-fill
Continuar lendo

Acre

Gladson confirma ida ao debate da TV Acre: “Vou discutir propostas”

Publicado

em

A Rede Amazônica (afiliada Rede Globo) promove o debate entre os candidatos ao governo do Acre, nesta terça-feira, 27, às 21h30. A presença de Gladson Cameli (Progressistas) está confirmada. A participação do gestor, que busca a reeleição, estará focada na apresentação de propostas para desenvolver o estado e melhorar a vida das pessoas.

No debate, Gladson terá a oportunidade de mostrar as ações realizadas no primeiro mandato e explanar os principiais pontos do novo Plano de Governo nas áreas da saúde, educação, segurança pública, infraestrutura e geração de empregos.

Cameli espera que o debate seja pautado pelo respeito entre os candidatos e, principalmente, a exposição de propostas aos eleitores. Porém, se o objetivo não for alcançado, Gladson não cairá na provocação de seus adversários.

“A cada ataque deles, apresentarei nossos projetos que vão melhorar a vida do nosso povo. Vou ao debate para discutir propostas. O Acre tem pressa para crescer e, como governador, quero criar as condições necessárias para que o nosso estado seja uma terra de oportunidades para todos”, pontuou o candidato.

Continuar lendo

Acre

No Acre, mulheres de presos levantam bandeira de Lula

Publicado

em

Nesta terça-feira, 27, familiares e mulheres dos presos realizaram uma grande manifestação de protesto com viés político em frente ao Terminal Urbano, em Rio Branco.

Com cartazes nas mãos com críticas a Bolsonaro e bandeiras vermelhas em apoio ao candidato e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva do PT, os familiares dos detentos resolveram manifestar apoio ao petista e proferir palavras de baixo calão ao presidente do país.

A situação ficou tão tensa, que em meio a manifestação, o ato precisou ser controlado pela Polícia Militar.

Continuar lendo

Acre

Apoiador de Adailton declara apoio a Vanda e causa atrito no PSB

Publicado

em

A aparição do presidente em exercício do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde (Sintesac) Jean Marcos, declarando apoio à candidatura de Vanda Milani ao Senado da República, causou um verdadeiro burburinho no setor da saúde. O que ocorre é que Jean é presidente em exercício do segundo maior sindicato, ocupando a vaga provisória do presidente Adailton Cruz, que é vereador, e se licenciou do cargo para disputar uma vaga na Aleac pelo PSB.

A atitude do sindicalista chamou atenção, já que Adailton, que tem em Marcos um dos principais apoiadores, é do mesmo partido e apoia a candidatura de Jenilson Leite ao Senado da República. O próprio Jenilson não negou a insatisfação de ver o atual gestor do sindicato hipotecando apoio à Millani.

“Lamentável o coordenador de campanha do nosso candidato Adailton Cruz e presidente de um sindicato que tanto ajudamos fazer isso com minha candidatura ao Senado. O servidor não merece esse tipo de jogo eleitoreiro”, afirmou Jenilson.

O ac24horas procurou Adailton Cruz. O vereador e candidato a deputado estadual afirmou que foi surpreendido com a informação. “Isso não tem a minha participação. Não sei os motivos que levaram o Jean a tomar essa decisão. Eu sou Jenilson e não há nenhum motivo para que a classe da saúde não esteja com o Jenilson para o Senado. Inclusive, ainda hoje vou gravar um comunicado falando do apoio à candidatura do Jenilson para que não paire nenhuma dúvida”.

Adailton, no entanto, negou que Jean Marcos seja seu coordenador de campanha. “Apesar de ser um apoiador nosso, o Jean não é o nosso coordenador. Essa informação não procede”, afirmou.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.