Conecte-se agora

Governo não cogita prorrogar IPI reduzido para carros

Publicado

em

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje (31) que o governo não cogita prorrogar a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para automóveis.

“Não está em cogitação a prorrogação após agosto”, disse Mantega. No final de maio, o governo federal reduziu o IPI para os carros – os de motor 1.0 – até 31 de agosto. Porém, condicionou a medida à manutenção dos empregos no setor.

O setor pressiona o governo a prorrogar a redução do imposto. Na semana passada, a General Motors (GM) anunciou o plano de demissões na montadora em São José dos Campos (SP). Em protesto contra as demissões, funcionários da empresa começaram a trabalhar hoje (31) com uma hora de atraso.

Após reunião com representantes do setor automobilístico, Mantega disse que a GM  manteve o nível de funcionários e teve saldo positivo de contratações em junho, além de manter o acordo acertado com o governo, de manter os postos de trabalho em troca do IPI reduzido. Segundo Mantega, esse perfil se mantém também em relação ao setor automobilístico, que contratou 1,9 mil pessoas em junho.

“Foi cumprido o compromisso de não demissão e até de aumento de empregos. O total de emprego, na Anfavea [Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores] como um todo, era 144,9 mil empregos, em maio, 146,9 mil, em junho. O que nos interessa é que a GM tenha saldo positivo e esteja contratando, e isso está sendo cumprido “, disse Mantega.

Segundo o diretor de assuntos institucionais da GM e vice-presidente da Anfavea, Luiz Moan, o compromisso de não demitir em troca do IPI reduzido está mantido. De 2008 a junho deste ano, foram contratados 1.848 funcionários pela GM, conforme Moan. Até o fim do ano, o saldo de contratações deve chegar a 2.163. Segundo ele, está marcada uma reunião no próximo sábado (4) com os metalúrgicos de São José dos Campos.

Da Agencia Brasil

Cotidiano

Trânsito em parte da Avenida Ceará é alterado para a realização da Parada do Orgulho LGBT

Publicado

em

A RBTrans interditou algumas rotas e ruas da Avenida Ceará, em Rio Branco, para a realização da XV Parada do Orgulho LGBT, que acontece está tarde, 25, na Concha Acústica.

A medida de segurança vai ajudar com a movimentação do público na região e deve contar ainda com apoio do SAMU, da Polícia Militar e Civil, do Detran e do Corpo de Bombeiros.

O evento inicia as 15h, com concentração na Praça do Skate Parque, no Parque da Maternidade, com caminhada até Concha Acústica, onde acontecerá show de Sandra Melo e banda, além da sensação nacional, DJ Nanda Machado, do Rio de Janeiro.

Entre os trechos que estão interditados na Avenida Ceará, na região do Skate Park, está a Rua Pernambuco, Rua José de Melo, Avenida Getúlio Vargas e a Rua Marechal Deodoro.

Continuar lendo

Cotidiano

Criminosos em veículo passam atirando e ferem jovem com dois tiros no Quinari

Publicado

em

Arivaldo Lourenço Gomes, de 27 anos, foi ferido com dois tiros na frente de uma residência situada na rua rodovia AC-40, no bairro Democracia, em Senador Guiomard, distante 27 de Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, Arivaldo estava com amigos tomando tereré na frente de sua casa, quando homens não identificados em um veículo preto se aproximaram e efetuaram quatro tiros na direção das vítimas. Arivaldo foi ferido com um tiro nas costas que transfixou o corpo na região do abdômen e outro na perna.  Os amigos de Arivaldo saíram ilesos durante a ação dos criminosos que fugiram do local.

A ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do município foi acionada, os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e encaminharam a vítima ao Hospital Dr. Ary Rodrigues. Após ser estabilizado o paciente foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde grave.

Policiais Militares estiveram no local do crime, fizeram patrulhamento na região em busca de prender os criminosos, mas eles não foram encontrados. A polícia acredita que o crime está relacionado a guerra entre facções que vêm ocorrendo no município, por disputa de território.

O caso segue sob investigação da Polícia Civil de Senador Guiomard.

Continuar lendo

Cotidiano

Pane elétrica causa incêndio e destrói totalmente veículo na Amadeo Barbosa

Publicado

em

Um pane elétrica no veículo ocasionou um incêndio e destruiu totalmente o veículo de um funcionário público do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) na noite deste sábado (24), na Avenida Amadeo Barbosa, no bairro 6 de Agosto, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações do motorista, por volta das 19h ele saiu do plantão na Sede do SAMU, pegou seu carro modelo Corsa, cor preta, placa MZV-5777 e se deslocou até Rodoviária Internacional de Rio Branco, na volta pela Avenida Amadeo Barbosa, o carro começou a fumaçar e logo em seguida incendiou.

O motorista chegou a usar o seu extintor de incêndio que estava no carro mas não funcionou. Populares que passavam pelo local também tentaram ajudar com os extintores dos seus veículos porém também não conseguiram apagar as chamas que se alastrou rapidamente por todo carro. O funcionário do SAMU não conseguiu se quer tirar a carteira, celular e a farda que se encontrava no interior do carro.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas quando chegaram ao local o carro já estava totalmente consumido pelo fogo, que foi apagado.

O veículo foi removido por um guincho.

Continuar lendo

Cotidiano

Parada do Orgulho LGBT chega a sua 15ª edição neste domingo em Rio Branco

Acontece na tarde deste domingo, 25, mais uma edição da Parada do Orgulho LGBT na capital acreana.

Publicado

em

De acordo com a programação, a parada deste ano, que chega a 15ª edição na tarde deste domingo (25), tem a concentração marcada a partir das 15 horas. Em seguida, haverá uma caminhada até a Concha Acústica do Parque da Maternidade, onde acontecem os shows de encerramento da Semana da Diversidade no Acre.

A festa, que não acontece há dois anos por causa da pandemia, retorna com shows da Sandra Melo e banda e também conta com a presença da DJ carioca Nanda Machado.

A organização sempre busca lembrar que a parada é mais que uma festa. “Nosso objetivo é realizar um evento que chame a atenção da sociedade para que políticas públicas ajudem a fortalecer o respeito por todas as pessoas. A parada é uma festa que encerra, mas durante toda a semana tivemos programação que busca conscientizar a necessidade do combate à discriminação”, afirma Germano Marino, da Associação dos Homossexuais do Acre.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.