Conecte-se agora

Grupo Anti Assalto requisita imagens de circuito interno de supermercado para identificar assaltantes em Rio Branco

Publicado

em

Salomão Matos
Da redação de ac24horas
[email protected]

O delegado da Policia Civil no Acre, Dr Robert Alencar, responsável  pela Delegacia do Grupo Anti Assalto, requisitou na manhã desta segunda-feira (07), as imagens do circuito interno do supermercado Dayane que no último sábado (05), foi alvo de assalto durante a madrugada.

Cinco homens armados renderam o vigilante e pelo menos outras seis pessoas que faziam manutenção na rede elétrica.

Os bandidos amarraram as vítimas e tentaram sem sucesso arrombar o cofre da agência bancária dentro das dependências. Frustrados por não conseguirem levar o dinheiro do cofre, os assaltantes levaram apenas 48 latas de cerveja do supermercado.

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Marfisa Galvão se afasta da prefeitura para tratar de sua saúde

Publicado

em

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, publicou um decreto afastando a vice-prefeita Marfisa Galvão (PSD) da titularidade da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH). O afastamento ocorre desde o último dia 30 de agosto, mas foi revelado somente nesta terça-feira, 03, com a publicação de um Decreto no Diário Oficial do Estado (DOE).

O decreto autoriza o afastamento da secretária municipal de Direitos Humanos, Marfisa Galvão, para tratamento de saúde, sem especificar o período de afastamento e sem informar o tipo de tratamento ao qual ela vai se submeter. O decreto não informa se o tratamento a que ela será em Rio Branco ou se precisará se deslocar para outro Estado.

Enquanto perdurar o afastamento de Marfisa quem responderá pela Secretaria é Neiva Azevedo da Silva Tessinari, Secretária Municipal de Planejamento (Seplan).

Continuar lendo

Acre

Fernanda participa do reinício das sessões na Câmara de Brasiléia

Publicado

em

A prefeita Fernanda Hassem participou na manhã de segunda-feira (2), do início dos trabalhos do Poder Legislativo, na 19ª Sessão Ordinária, da 14ª Legislatura após o recesso.

A Sessão aconteceu na Câmara Municipal de Brasiléia e contou com a presença dos secretários e equipes municipais, de todos os vereadores do Poder Legislativo, além da imprensa e comunidade.

A presidente da Câmara de Brasiléia, Arlete Amaral destaca a vinda da prefeita ao início dos Trabalhos. “Hoje recebemos a prefeita Fernanda Hassem, que veio acompanhada dos secretários do município e equipe. Ficamos felizes com sua vinda e a Câmara Municipal está de portas abertas para recebê-la”.

Em uso da tribuna, Fernanda Hassem fala da importância em participar da sessão ordinária. “Hoje eu vim acompanhada de grande parte da equipe municipal e trago mensagem de profícuo trabalho aos 11 vereadores desta Casa. Entendemos que o Poder Legislativo é constituído da maioria absoluta da opinião popular, portanto há de haver uma harmonia entre os poderes, respeitando a autonomia de cada um. Eu já fui vereadora e tenho o maior respeito pelos trabalhos dessa Casa. Nosso objetivo é trabalhar em prol da população de Brasiléia”.

Continuar lendo

Acre

Vítima de acidente aguarda há uma semana por cirurgia no PS

Publicado

em

A dona de casa Francicleia Santos, de 26 anos, foi uma das vítimas do acidente ocorrido na última terça-feira, 27, após forte colisão entre um caminhão e o veículo em que ela se encontrava. A pancada provocou a quebra do maxilar de Francicleia. Uma semana após o acidente, a vítima ainda não conseguiu fazer a cirurgia indicada pelos médicos.

“Na terça, me mandaram pra casa com o maxilar quebrado. No outro dia, eu não aguentei de dor, voltei e já fiquei internada. Na quinta passada me deixaram de dieta o dia todo e não fizeram a minha cirurgia porque não tinha sala preparada. Quando foi na sexta me deixaram de dieta de novo de meia noite até quatro da tarde e de novo não fizeram a minha cirurgia. No sábado, domingo e ontem fizeram a mesma coisa”, diz Francicleia.

A paciente reclama de dor e precisa voltar para casa para cuidar de um filho, que também quebrou a clavícula durante o acidente. A reportagem do ac24horas entrou em contato com a direção do pronto-socorro. De acordo com a nova diretora da unidade, a médica Carolina de Assis, como a unidade é de Urgência e Emergência, durante o fim de semana a demanda cirúrgica aumenta consideravelmente, o que faz com que ocorra represamento dos pacientes que possam ser abordados num segundo tempo.

Ela afirmou que no caso de Francicleia, chegou uma paciente de emergência e não teve mais sala de cirurgia para realizar o procedimento. Francicleia foi colocada em dieta mais uma vez por volta das 10 horas da noite desta segunda-feira. Até às 6 horas da manhã desta terça, 3, ainda aguardava pelo procedimento cirúrgico.

Continuar lendo

Acre

Prefeituras do Acre tem R$ 168 milhões em emendas no OGU 2021

Com R$97,3 milhões, Rio Branco é cidade brasileira mais beneficiada

Publicado

em

As prefeituras do Acre vão receber R$ 168,1 milhões do Orçamento 2021, a partir de 69 emendas.

Deputados e senadores destinaram R$ 4,879 bilhões para prefeituras em 2.806 emendas impositivas ao Orçamento 2021. Isso equivale a 28,7% de todos os recursos de emendas individuais e de bancada, que somam R$ 16,972 bilhões.

A maior parte dos recursos vai para Desenvolvimento Regional (R$ 53,6 milhões com 6 emendas), Saúde (R$ 52,2 milhões com 24 emendas) e economia (R$ 19,5 milhões com 16 emendas).

Mais da metade das emendas para prefeituras trazem recursos para ações na área de Saúde. São R$ 2,8 bilhões, de 1.412 emendas, alocados por meio do Fundo Nacional de Saúde. Os parlamentares também favoreceram ações na Economia (R$ 785 milhões em 430 emendas); Desenvolvimento Regional (R$ 738,1 milhões em 234 emendas) e Cidadania (164,4 milhões em 275 emendas).

No Acre, Rio Branco é o município mais atendido e tem dezesseis emendas que somam R$ R$ 97,3 milhões, o maior valor entre todas as cidades brasileiras. Capixaba aparece em segundo lugar, com cinco emenda. Ao menos 39 emendas não tem nome da cidade e somam R$ 73.240.950,00.

Além do dinheiro para as prefeituras, os municípios podem receber recursos federais a partir de transferências para governos estaduais, instituições privadas sem fins lucrativos ou mesmo aplicações diretas de ministérios e outros órgãos.

No entanto, como algumas emendas são repartidas entre várias cidades, apenas 1.489 apresentam o nome do município, sendo que 713 cidades estão relacionadas. Os dados são da Câmara dos Deputados.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas