Rio Branco - Acre, 31 maio 2023, horário atual: 5:45 pm.

Prefeito de Acrelandia, Clovis Moretti se defende de acusações de desvio do Fundeb e pagamento a professores fantasmas

Luciano Tavares, da redação de ac24horas
[email protected]


O prefeito de Acrelândia, Clovis Moretti (PMN) deu sua versão ao suposto desvio de recursos do Fundeb e existência de professores fantasmas na folha de pagamento da prefeitura.


A denúncia feita pelo Sindicato dos Professores Licenciados ao MPE levou a promotora de justiça Maria de Fátima a instaurar inquérito para apurar o caso. O fato foi veiculado em matéria no ac24horas, no último domingo.


Na nota pelo Assessor de Imprensa Tião Silva, Moretti diz que as acusações são fruto de perseguição do sindicato a sua administração.


Leia a nota abaixo:


Quanto as acusações feitas pelo sindicato dos professores licenciados do Acre no município de Acrelândia, o que temos a dizer é que:


– O prefeito Clovis Morretti é um homem de conduta ilibada e que não tem a política como meio de sobrevivência, tanto é que o mesmo não é candidato à reeleição no município, muito embora tenha um alto índice de aceitação popular.


– As acusações são decorrentes de perseguição política, acima de tudo, sem fundamento e sem provas.


– Um dos motivos da richa da atual gestão do Sindicato dos Professores Licenciados do Acre, foi a negativa quanto ao pedido de “Disposição” com ônus para a Prefeitura de Acrelândia à pessoas ligadas à diretoria.


– Com as acusações de desvio de verbas do FUNDEB para pagamentos a “funcionários fantasmas”, o sindicato tenta desmoralizar a conduta e a gestão lícita do atual prefeito, considerando não haver nenhum tipo de provas que comprovem a gravíssima acusação, no entanto, não se pode dizer o mesmo da atual gestora que, entres outras situações, manteve sua filha como funcionária do Sindicato mesmo sabendo da ilegalidade do ato.


Tião Silva, Assessor de Imprensa