Conecte-se agora

Rio Branco e Cruzeiro do Sul apontam redução no número de acidentes de trânsito

Publicado

em

Fátima Bandeira, da Assessoria do DETRAN/Acre

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran), através da Operação Álcool Zero, implantada desde março do ano passado, vem realizando ações de fiscalização e educação no trânsito. O principal reflexo dessa ação foi a redução no número de acidentes de trânsito em Rio Branco e em Cruzeiro do Sul em comparação com o mês de janeiro dos anos de 2011 e 2012.

As estatísticas fornecidas pelo setor de engenharia de trânsito do Detran apontam que houve uma redução de 5,32% do número de acidentes em Rio Branco para cada 10.000 veículos. Em Cruzeiro do Sul, a redução foi de 20,23%.

Outro dado satisfatório é que, em Cruzeiro do Sul, há seis meses não há registro de vítimas fatais de acidentes de trânsito nas vias de circunscrição estadual. Com uma frota de 17.506 veículos, o município destaca-se pela redução de 46% em acidentes com vítimas fatais e de 28,19% para acidentes sem vítimas.

De acordo com a diretora-geral do Detran, Sawana Carvalho, esses índices satisfatórios devem-se principalmente à Operação Álcool Zero. “Isso é um reflexo do trabalho das nossas equipes de fiscalização e educação de trânsito, que, em conjunto com a Polícia Militar, vêm abordando os condutores que dirigem sob efeito de álcool. Tudo para garantir um trânsito mais seguro.”

O gerente da Ciretran em Cruzeiro do Sul, Valdeci Dantas, afirma que o governo tem incentivado a questão da segurança no trânsito através de investimentos na estrutura do Detran. Segundo ele, novos veículos foram adquiridos, mais educadores de trânsito foram contratados e a fiscalização no município foi intensificada.

Valdeci acrescenta que há um amplo trabalho de educação no trânsito. “Nós estamos tentando fazer com que a sociedade participe das ações do Detran por meio das campanhas realizadas nas escolas e nos locais de maior fluxo de veículos. Nosso objetivo é que os índices de acidentes de trânsito sejam cada vez menores.”

Para o major Márcio, coordenador da Operação Álcool Zero, os cidadãos estão começando a se conscientizar sobre os perigos da união de álcool e direção. “E isso acaba criando um ambiente propício para a redução de acidentes”, completa.

Acre

Polícia do DF prende namorado de acreana encontrada queimada

Publicado

em

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu, na manhã desta segunda-feira, 23, o suspeito de matar Marina Paz Katriny, de 30 anos. A vítima foi encontrada na última quarta-feira, 18, com o corpo parcialmente carbonizado.

De acordo com informações, o homem, que não teve sua identidade divulgada, era namorado da vítima. O caso é investigado pela 17ª Delegacia de Polícia e foi registrado como feminicídio.

Segundo o delegado Mauro Aguiar Machado, durante o interrogatório, o acusado confessou que matou a namorada e detalhou o crime. Mais informações devem ser repassadas em entrevista coletiva.

Marina morava há 6 anos com uma tia em Brasília, era formada em pedagogia e pós-graduada em ensino especial. Se mudou para a cidade em busca de oportunidades.

A acreana foi enterrada neste domingo, 22, ao lado de seus familiares e amigos. Uma vaquinha foi realizada para custear o translado de seu corpo até Rio Branco e em poucas horas atingiu a meta.

Continuar lendo

Acre

Nenê Junqueira foi multado por dirigir carro da SEPA embriagado

Publicado

em

O ex-secretário Nenê Junqueira, da pasta de Produção e Agronegócio (SEPA), foi flagrado numa caminhonete da secretaria no trevo de Senador Guiomard, na Rodovia AC-40, quando retornava de uma viagem à Xapuri no final da tarde do último dia 16 de abril, cinco dias antes de ser exonerado do cargo.

De acordo com o auto de infração, o próprio Nenê, que se chama José Aristides Junqueira Franco Júnior, dirigia a caminhonete pertencente à SEPA de placas QWN0C23. Ao ser parado, o ex-secretário apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Por isso, foi multado por dirigir sob influência de álcool e a caminhonete só foi liberada com a chegada de uma outra pessoa habilitada. O valor da multa, sem os descontos, se aproxima dos R$ 3 mil. A infração é considerada gravíssima pelo Código de Trânsito Brasileiro e custou 7 pontos na CNH de Nenê Junqueira.

A reportagem falou com Nenê Junqueira que confirmou que se recusou a fazer o bafômetro e afirma que já recorreu da multa. “Estou recorrendo dessa multa, eu me recusei a fazer o bafômetro e na multa consta que foi álcool zero, por isso estou recorrendo. As duas são infrações distintas”, disse Junqueira, sem negar que estava dirigindo sob efeito de álcool.

Junqueira foi uma indicação do senador Márcio Bittar (MDB) para ocupar a SEPA, mas recentemente foi substituído pelo médico veterinário Edivan Maciel. Desde da exoneração, Junqueira tem adotado uma postura de defender Bittar nas redes sociais e de vez ou outra alfinetar a gestão do governador Gladson Cameli, evidenciando ainda mais o racha dos dois grupos.

Continuar lendo

Acre

Cunhada de Tchê é exonerada de cargo comissionado da SEE

Publicado

em

A indefinição do PDT no apoio à reeleição do governador Gladson Cameli começa a custar a cabeça de indicados do deputado estadual Luiz Tchê, principal nome da legenda no Acre.

No Diário Oficial desta segunda-feira, 23, Gladson exonerou a cunhada do parlamentar, Marina Lostarnaud Galvão Schafer. Marina ocupava uma CEC-5 na Secretaria de Educação.

As relações entre o Palácio Rio Branco e o PDT ficaram mais tensas após o presidente estadual do partido, Emylson Farias, afirmar que o partido não tinha fechado questão em relação à reeleição de Gladson e da vereadora Michelle Melo ter colocado seu nome à disposição do partido para uma candidatura ao governo. Michelle teve, inclusive, a irmã exonerada no dia seguinte à declaração.

Continuar lendo

Acre

“Não sou nem Lula, nem Bolsonaro”, declara Sérgio Petecão

Publicado

em

Depois da liberação do presidente do Partido Social Democrático (PSD), Gilberto Kassab, para que os Estados decidam qual candidato a presidência da República apoiar nas eleições deste ano, o senador e pré-candidato ao governo, Sérgio Petecão, declarou ao ac24horas nesta segunda-feira, 23, que não deverá seguir nenhuma das candidaturas postuladas até o momento.

A tendência era o parlamentar seguir com apoio a candidatura à reeleição do atual presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), já que é vice-líder do governo no Congresso Nacional, porém, Petecão optou por seguir neutro no pleito eleitoral, pelo menos durante o primeiro turno. “Não sou nem Lula, nem Bolsonaro, meu candidato a presidente é o Acre”, declarou.

Segundo o presidente do PSD, Gilberto Kassab, a sigla deverá contar com candidatura própria em pelo menos 11 Estados da federação.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!