Conecte-se agora

Rio Acre alcança outra vez cota de alerta e pode transbordar a qualquer momento na capital

Publicado

em

Salomão Matos
Da redação de ac24horas
[email protected]

A operação volta para casas das famílias atingidas pela enchente do rio Acre na capital acriana, desencadeada pela prefeitura de Rio Branco e o governo do estado, pode ter sido iniciada cedo demais e os prejuízos podem ser ainda maiores, tendo em vista existe a real possibilidade de um novo transbordamento do manancial para as próximas 24 horas.

A comprovação pode ser verificada nos números do relatório da Defesa Civil Estadual emitido na manhã desta sexta-feira (09) .

Nas últimas 24 horas o nível do rio Acre, oscilou na capital em mais de 1m, e já ultrapassou a cota considerada de alerta em, 12cm e esta marcando agora 13,62m, e pode transbordar a qualquer momento.

Os efeitos da oscilação para mais do nível do rio Acre, é causado pela força das água nas cabeceiras no  Vale do Alto Acre, onde nas cidades de Assis Brasil e Brasiléia, o rio subiu  de 4,90m, [medição feira na última segunda-feira (04)], para exatos10,34m (situação já considerada de alerta também nessas cidades).

Além do afluente riozinho do rola que deságua no rio Acre ter recebido muita água, a  força da nova enchente vem do município de Xapurí por onde o rio também passa. Na medição feita pela Defesa Civil na manhã de ontem por exemplo, [leitura feita as 6h], apontava que o manancial media somente 10,36m e agora esta marcando quase 12,34m em sua calha, água essa que deve chegar em Rio Branco de hoje para amanhã.

Das mais de 2.000 famílias que ainda encontravam-se nos abrigos improvisados tanto no Parque de Exposições, SEST/SENAT, SESC e Ginásio Coberto, pelo menos 43% já havia sido removidas de volta para os seus lares, onde a água da enchente do rio Acre começa a invadir novamente os quintais.

Mesmo com as previsões nada animadoras do boletim oficial da Defesa Civil, o prefeito da capital Raimundo Angelim ainda não emitiu nenhum comunicado oficial sobre se a Operação de Volta para casa vai ou não continuar, tendo em vista os novos acontecimentos narrados acima.

 

O coordenador municipal da Defesa Civil, coronel Gilvan Vasconcelos, admitiu que o fenômeno do repique já é fato e a enchente prevista pode ser maior que a alcançada no mês passado, onde o nível do rio Acre chegou ficar acima de 17m

Confira como está o nível de outros rios que banham o estado do Acre no interior:

Rio Iáco em Sena Madureira – 15,88m (situação de transbordamento)

Rio Juruá em Cruzeiro do Sul – 12,84m (situação de alerta)

Rio Tarauacá em Tarauacá – 9,22m (situação de transbordamento)

Fonte: Defesa Civil Estadual no Acre

 

Acre

Mara Rocha de reúne com funcionários da Xapuri Motors

Publicado

em

Na manhã desta segunda-feira, 26, a candidata ao governo, deputada federal Mara Rocha (MDB), esteve reunida com funcionários da empresa Xapuri Motors, em Rio Branco.

Ao lado do vice-governador Major Rocha e de membros da campanha e do MDB, Mara falou de suas propostas de campanha tanto para o setor urbano como rural.

Ao fim do encontro, Rocha seguiu para as demais agendas do dia.

Continuar lendo

Acre

Wania quer criar centro para crianças com deficiência no Acre

Publicado

em

“É o primeiro projeto de alcance social de uma candidata a deputada estadual que recebo nesta campanha e que, com certeza, vamos executar”, disse o governador e candidato à reeleição Gladson Cameli ao receber das mãos da jornalista Wania Pinheiro proposta de criação do CIAC (Centro de Integração do Acre). Trata-se de uma ideia da candidata para a criação no Acre de um cento de atendimento a crianças com deficiência, principalmente das diagnosticadas com síndrome do autismo.

“Eu tenho um neto autista e sei das dificuldades que passam as famílias que têm essas crianças com essas necessidades. Me preocupo com o autismo, mas este centro deve atender todas as crianças com neuropediatra, com fonoaudiólogos e outros profissionais especializados”, disse Wania ao governador.

Gladson recebeu a proposta e se comprometeu em implantar a ideia, no segundo mandato.

“Wania, eu te conheço há muito tempo e sei de sua determinação”, disse o governador e, dirigindo-se aos eleitores num vídeo postado nas redes sociais, acrescentou: ”Preciso muito da Wania eleita deputada. Sei do sucesso que ela fará como deputada e que muito vai me ajudar como governador. Nós vamos fazer este Centro e, mais que isso, vamos fazer o Acre ser referência no atendimento às crianças com deficiência”, disse.

Continuar lendo

Acre

Só dois candidatos ao governo foram à Parada gay no Acre

Publicado

em

Dos sete candidatos ao governo do Acre, apenas o professor Nilson Euclides (PSOL) e David Hall (Hall) participaram da Parada do Orgulho LGBTQIAP+, realizada nesse domingo, 25, em Rio Branco. O evento finalizou a programação da 15ª Semana Acreana da Diversidade

Professor Nilson criticou a ausência dos demais candidatos ao evento. Segundo ele, busca também o compromisso de implantar e executar políticas públicas que garantam a dignidade humana das pessoas.

Tanto Nilson quanto Hall publicaram em suas redes sociais a participação na Parada, que contou com concentração no Skate Park e shows na Concha Acústica. O evento atraiu milhares de pessoas que tomaram as ruas da capital.

“Lamento somente uma coisa, a ausência dos demais candidatos nesse evento tão importante”, pontuou Euclides.

Continuar lendo

Acre

Petecão diz que 12 mil pessoas aguardam por cirurgias no Acre

Publicado

em

Nesta segunda-feira, 26, o candidato da “Coligação com a Força do Povo”, senador licenciado, Sérgio Petecão (PSD), esteve reunido com funcionários da empresa Roda Viva, no Segundo Distrito de Rio Branco, onde conversou com apoiadores e fez reclamações na área de saúde e segurança.

De acordo com o parlamentar, na área da saúde constantemente, diversas pessoas lhe procuram alegando uma longa espera para realização de cirurgias. Segundo ele, mais de 12 mil pessoas estão na fila. “Alguém tem que enfrentar esse cara, são muitas pessoas na espera de cirurgias, então nós temos que fazer alguma coisa. Todos os dias pessoas estão na porta de minha casa pedindo até pelo amor de Deus”, declarou.

Petecão contou ainda que as pessoas não se sentem mais seguras no Acre e, por conta disso, pediu voto para mudar a situação. “Hoje não temos mais segurança, antigamente a gente colocava cadeira na calçada e passava horas conversando, agora, se fizermos isso, os cabra leva até a cadeira, imagina você”, reclamou.

A vereadora Lene Petecão, candidata à Câmara Federal, disse que no próximo domingo as pessoas terão a oportunidade de mudar a realidade do Acre.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.