Conecte-se agora

Prefeitura de Cruzeiro do Sul renova convênio com Entidades Assistenciais

Publicado

em

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales assinou convênio com 16 entidades assistenciais de Cruzeiro do Sul, que receberam materiais e recursos para trabalhar com crianças e adolescente em condições de vulnerabilidade no município. Um convênio no valor de 400 mil reais proveniente de uma emenda parlamentar do então deputado Ilderlei Cordeiro proporcionou o aparelhamento e viabilidade para que estas entidades recebessem as condições realizar o trabalho com esse importante segmento da população cruzeirense.

Proteção Social Básica

A Proteção Social Básica destina-se à população que vive em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza, privação e/ou fragilização de vínculos. A Proteção Social Básica tem como porta de entrada ao Sistema Único da Assistência Social os Centros de Referência de Assistência Social – CRAS; uma unidade pública municipal, localizado em áreas com maiores índices de vulnerabilidade e risco social, destinado à prestação de serviços sócio-assistenciais de proteção social básica às famílias e indivíduos. As entidades beneficiadas nesse segmento foram: CRAS, Shalon, Pastoral da Criança, Casa da União, AABB Comunidade, Grêmio Cacique Náuas, Centro de Convivência do Idoso, Educandário, Fundação Betel e Missão Família. A Coordenadora do Programa José do Egito da Comunidade Shalom, que trabalha com 150 crianças, Sydia Costa falou da importância da parceria com a prefeitura para a implementação dos cursos: “ o trabalho que iremos realizar com esses materiais e os recursos são de suma importância para a formação e o aprendizado das crianças. Lá nós trabalhamos com adolescentes e esses cursos que iremos ministrar, irão ajudá-los dando uma perspectiva de futuro para os mesmos. Iremos trabalhar com decupagem, pedraria e pintura”, disse ela. Os cursos terão a duração de dois meses.

Proteção Social Especial

É a modalidade de atendimento assistencial destinada a famílias e indivíduos que se encontram em situação de risco pessoal e social por abandono, maus tratos físicos e/ou psíquicos, abuso sexual, uso de substâncias psicoativas, cumprimento de medidas sócio-educativas, situação de rua, situação trabalho infantil, entre outras. A Proteção Social Especial é desenvolvida nos Centros de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, que é uma unidade pública estatal, responsável pela oferta de atenções especializadas de apoio, orientação e acompanhamento a indivíduos e famílias com um ou mais de seus membros em situação de ameaça ou violação de direitos. Receberam recursos as entidades do PETI, Casa Abrigo do Juruá, Pastoral do Menor, APADEQ, Lar dos Vicentinos, Desafio Jovem Peniel e Abrigo Lar Novo Dia. A pastora Sônia Salvino da Igreja Peniel que atende jovens e adolescentes através do Desafio Jovem Peniel recém chegada a Cruzeiro do Sul, afirmou que é bom chegar na cidade e já receber apoio pra o trabalho: “estamos chegando na cidade e já recebendo esse apoio que para nós tem um significado muito grande. Primeiro porque trabalhamos na área de pessoas carentes que são dependentes químicos, famílias em situação de risco, meninos e meninas. Esse recurso vai nos ajudar a promover não apenas na área da recuperação mas principalmente como preventivo pra levar para os nossos jovens uma condição melhor de vida principalmente na área da educação”, afirmou.

Todas essas instituições elaboraram projetos, tem seus objetivos, e para trabalharem com o público alvo, que são crianças, jovens, dependentes químicos, idosos, que através desta emenda, receberão todo o material para executarem as atividades.

Segundo a Secretária Municipal de Assistência Social, esse dinheiro veio em boa hora. Segundo ela todas as entidades cadastradas na Secretaria foram beneficiadas com recursos ou matériais: “Somos gratos ao Deputado Ilderlei Cordeiro que foi sensível às necessidades da nossa Secretaria. Com esse recurso que nós recebemos estamos atendendo a todas as entidades inscritas nos programas da Secretaria. Com este auxílio, elas irão poder trabalhar com as crianças, os adolescentes e os idosos que hoje integram cada programa”. A secretária destaca ainda o grande auxílio que estas entidades prestam à prefeitura através do trabalho que realizam.

O ex-deputado Ilderlei Cordeiro disse que se sentia feliz de poder mesmo depois do término do seu mandato, ver emendas de sua autoria chegando e beneficiando as comunidades que trabalham com os menos favorecidos no município.  “Agradeço ao prefeito Vagner Sales que soube acomodar esse recurso. São muitas instituições que necessitam de apoio. Minha intenção ao ver a necessidade era disponibilizar um recurso para que cada uma delas pudesse realizar melhor o seu trabalho. Indicamos esse recurso para a prefeitura, reunimos com todas as entidades e hoje estamos vendo nosso pensamento se realizar. São movimentos ligados a Igreja Católica, a Igreja Evangélica que fazem muito bem o seu trabalho social. As entidades trouxeram suas necessidades, a prefeitura preparou os projetos o hoje estamos colhendo os frutos que é proporcionar o melhor para a nossa população”, disse ele.

O prefeito Vagner Sales falou o que representa para o município cada emenda parlamentar que é liberada: “Cada emenda parlamentar para nós representa muitos benefícios. E elas, graças a Deus têm chegado ao município. Todo mês temos liberação. Já temos a sede da APAE construída com recurso parlamentar; hoje estamos entregando esses materiais com recursos de emenda do Deputado Ilderlei Cordeiro. São entidades que trabalham com pessoas carentes do município. Quando a gente consegue uma emenda é preciso fazer os projetos. Eu tenho dito que é preciso o prefeito ir buscar emenda, se esforçar pra que o dinheiro venha. Mesmo que ela demore a ser liberada, eu prefiro que demore, mas que ela venha para o município”, disse ele. O Prefeito reconheceu a importância do trabalho realizado pelas entidades: “não tenho dúvidas da grande contribuição social que cada instituição dessas dá ao município. Ao todo são centenas de crianças, jovens e adolescentes que são atendidas, que recebem instrução, se libertam da marginalidade e aprendem uma profissão. E isso é um ganho para toda vida, finalizou o prefeito.

Cotidiano

Jovem perde controle da direção de motocicleta e colide contra cerca de madeira

Publicado

em

O motociclista identificado como Moisés, de 19 anos, sofreu um acidente e ficou gravemente ferido na tarde deste domingo, 26, no Parque da Maternidade, no bairro Cerâmica, em Rio Branco.

De acordo com informações de populares que presenciaram o acidente, Moisés trafegava em uma motocicleta modelo Factor, em alta velocidade, no canal da maternidade e ao fazer uma curva, perdeu o controle da direção, subiu na calçada e colidiu contra uma cerca de madeira. Com o impacto, Moisés derrubou a cerca e caiu dentro de um quintal.

Moradores acionaram a ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e encaminharam o motociclista ao Pronto-Socorro de Rio Branco. Segundo Médico do SAMU, o paciente fraturou duas costelas e perfurou o pulmão, vindo ocasionar uma pneumotórax.

Familiares de Moisés compareceram ao local do acidente e recolheram a motocicleta.

Continuar lendo

Cotidiano

Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 80 milhões neste sábado

Publicado

em

Acumulada há seis concursos, a Mega-Sena realiza hoje (25) o sorteio número 2.494, que tem premiação estimada em R$ 80 milhões. Excepcionalmente, o sorteio acontecerá na Paraíba, na cidade de Campina Grande, para comemorar as festividades juninas de São João.

O sorteio acontecerá às 20h deste sábado e será transmitido no canal do YouTube da Caixa. As apostas podem ser feitas até às 19h, tanto em lotéricas quanto pelo serviço de apostas online do banco.

Segundo o banco, a premiação de hoje renderia, caso aplicada em poupança, R$ 531.440 apenas no primeiro mês.

A Caixa também sorteia hoje a edição 2022 da Quina de São João. Ao contrário da Mega-Sena, essa modalidade de loteria não será acumulada e premiará os vencedores que mais acertarem.

Continuar lendo

Cotidiano

Pesquisa põe o Acre como o pior Estado na oferta de serviços públicos digitais

Publicado

em

O Acre está entre os piores Estados na oferta de serviços públicos digitais no Brasil. É o que diz o “Índice Abep-Tic de oferta de serviços públicos digitais dos governos estaduais e distrital” divulgada nesta semana pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação.

Os dados são utilizados pelo Ministério da Economia, que repercutiu e disponibilizou a pesquisa que gerou o Índice Abep-Tic. No mapa do Índice, o Acre aparece em vermelho como “muito ruim” na oferta desses serviços.

Na avaliação da Abep-Tic, que ocorreu entre abril e maio deste ano, foram considerados 35 critérios, como, por exemplo, se os principais serviços públicos dos governos são disponibilizados por meio digital e se a oferta de serviços tem considerado as melhores práticas em governo digital.

Além disso, foram analisados também, em cada estado, serviços como utilização de assinaturas eletrônicas, existência de boletim de ocorrência on-line de violência doméstica ou contra a mulher, consulta on-line de medicamentos, solicitação e emissão on-line de diplomas do ensino médio e transferência on-line de alunos entre escolas da rede estadual.

Atualmente, 16 estados e o Distrito Federal estão integrados ao GOV.BR, oferecendo ao cidadão acesso aos serviços da unidade federativa com login e senha únicos da plataforma para se identificar.

É o caso do pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), que o cidadão pode utilizar, se o estado já tiver disponibilizado o serviço on-line para a população.

Já a rede formada pelo GOV.BR tem adesão de 24 das 27 unidades federativas do país, que podem utilizar, sem custos, soluções tecnológicas desenvolvidas pelo governo, além de trocar conhecimento sobre tecnologia e estratégias na digitalização de serviços públicos, acelerando a transformação digital da região.

“A edição 2022 do Índice ABEP-TIC é composta dos 23 critérios das edições anteriores acrescidas de 12 novos critérios. Dessa forma, metodologicamente é permitido fazer uma comparação válida entre os resultados das três edições (considerando apenas as 23 questões aplicadas em 2020, 2021 e que também fazem parte da edição 2022). Nesse sentido, houve uma melhora de pontuação em 20 das 27 UFs. A maior amplitude de pontuação foi observada no RJ, que cresceu 28,75 pontos no período, seguido do DF (acréscimo de 27,5 pontos) e GO (aumento de 25 pontos). Os estados do MT, SP, CE, RO, MS e PI aumentaram suas pontuações de 10 a 20 pontos entre as edições. Enquanto os estados do PR, AP, BA, PA, RN, RS, SC, AM, TO, MG e MA cresceram até 10 pontos no mesmo período. Os sete estados que não apresentaram crescimento entre 2021 e 2022 foram: AC, AL, ES, PE, PB, RR e SE”, diz o estudo.

Continuar lendo

Cotidiano

Ministério da Justiça lança operação contra queimadas no Acre e 14 Estados

Publicado

em

O Ministério da Justiça e Segurança Pública lançou na 3ª semana de junho mais uma edição da Operação Guardiões do Bioma de Combate a Queimadas e Incêndios Florestais. O trabalho de contenção de focos de queimadas e repressão a incêndios terá atuação no Acre e em 14 Estados: Amazonas, Amapá, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul e Tocantins.

A coordenação da Operação é do Ministério da Justiça e Segurança Pública com a parceria do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Secretarias Estaduais de Segurança Pública, além do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (Ligabom).

Nesta segunda edição, prevista para operar até janeiro de 2023, o Governo Federal, por meio do MJSP, investirá mais de R$ 77 milhões. A operação conta nesta nova fase com um efetivo de 1.250 combatentes por mês nos estados, 1.800 agentes da Força Nacional de Segurança Pública prontos para atuar e mais de 3 mil brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e PrevFogo/Ibama. Ao todo, cerca de 6 mil profissionais ficam à disposição da Guardiões do Bioma e são acionados conforme a atuação.

A Operação deve contar com 10 bases espalhadas pela Amazônia com 120 homens cada, algumas delas já estão funcionando. Além disso, duas aeronaves vão dar suporte logístico na operação. A partir de alertas recebidos de monitoramento realizados pelo Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam), as equipes terão condições de oferecer uma pronta resposta ao desmatamento, por meio de polícia ostensiva e dos órgãos de fiscalização ambiental.

O Governo Federal vai atuar também na repressão aos crimes ambientais. A intenção é que os financiadores e mandantes de crimes ambientais sejam identificados e responsabilizados e as organizações criminosas envolvidas sejam descapitalizadas.

Em 2021, a primeira fase da Operação Guardiões do Bioma teve foco no combate aos incêndios florestais em 11 estados dos biomas da Amazônia, Cerrado e Pantanal.

No mesmo ano, cerca de 8.556 profissionais da segurança pública atuaram no âmbito da Operação Guardiões do Bioma e combateram 18,3 mil focos de incêndios florestais e 7 mil crimes ambientais. Foram 3.853 ações preventivas, 1.607 multas aplicadas e 137 maquinários apreendidos, além de 1.580 animais resgatados nos 11 estados brasileiros. Cerca de 5.848 m³ de madeira foi apreendida, o equivalente a 204 contêineres cheios.

Em março de 2022, foi lançado o segundo eixo da Operação, com foco no combate ao desmatamento ilegal. O investimento do Governo Federal foi de R$ 170 milhões destinados à instalação de seis bases operacionais multiagências em locais estratégicos do Pará, Amazonas e Rondônia. A previsão é que este eixo da Operação se encerre em março de 2023.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!