Conecte-se agora

A quem interessa o “Dossiê Petecão?

Publicado

em

Da editoria de política
ac24horas, Rio Branco-AC

Enquanto os partidos políticos discutem suas candidaturas e alianças, nos bastidores militantes e estrategistas se movimentam para oferecer subsidio aos marqueteiros que vão em campo nos próximos meses para defender suas bandeiras.

Arapongas, que nesta época do ano chegam a ganhar verdadeiras fortunas, já estão sendo contratados para vasculhar a vida dos candidatos. No vale tudo para ganhar, ninguém estar salvo de exposição publica sobre a vida passada e pessoal.

Há informações de bastidores de que nos últimos dias simpatizantes da Frente Popular do Acre fizeram duas investidas que consideram importantes pra brecar a onda Petecão. Um ex-assessor do senador teria sido procurado por emissário de uma liderança petista para que ele forneça a FPA documentos comprometedores que podem colocar Petecão em situação difícil perante seus eleitores e comissão de ética do Senado Federal. Com a mesma intenção um “fiel escudeiro” do senador do PSD confirmou que foi sondado para trocar de lado. A proposta é que ele forneça documentos e depoimento que possa colocar na lama o senador Petecão.

Mas é dentro do próprio seio da oposição que corre uma boataria incontrolável. Na tentativa de tirar do páreo a candidatura do PMDB a prefeitura da capital que tem o incentivo e apoio do PSD e consequentemente de Petecão, fala-se que “tucanos raivosos” estão prontos para entregar aos petistas uma pasta vermelha contendo uma espécie de “Dossiê Petecão”. Nela, segundo informações extra-oficiais apuradas por ac24horas, constam 473 páginas com ações de atos supostamente criminosos do senador. São extratos bancários de movimentação financeira da verba de gabinete, recibo de depósitos bancários, bilhetes e cartas comprometedoras. No mesmo pacote constam ainda 97 fotografias, 12 gravações de áudio e copias de e-mail.

O tal dossiê, contam, revela brigas conjugais, desentendimento entre aliados e uma suposta rede de contratos de cabos eleitorais que recebem de assessores do senador para se manterem leais ao projeto 100% popular.

Verdade ou não, nos últimos dias o professor Coelho, um dos mais antigos seguidores de Sérgio Petecão, confirmou que foi convidado para uma conversa reservada com emissários da FPA. Ele revelou a reportagem que atualmente está com relações estremecidas com Petecão e não descartou a possibilidade de deixá-lo, apos 21 anos de convivência.  Mas não cogita delatar o homem que lhe deu guarida em importantes cargos quando ambos faziam parte da Frente Popular do Acre. “São questões pessoais que prefiro não revelar. Ele [o senador] sabe do que estou falando e espero que mantenha o bom censo…”, disse ao se negar continuar falando sobre o assunto.

Ainda segundo boatos de bastidores, o maior interessado no “Dossiê Petecão” é o senador Jorge Viana [PT]. Até hoje ele não engoliu o enfrentamento do ex-aliado e o seu crescimento descontrolado. “É bem Possível que o Jorge tenha interesse nestes documentos”, comentou um amigo do senador petista que fez parte de suas administrações no governo do Acre. Ainda segundo esse petista, caso de fato existam essas acusações, “isso seria um prato cheio para denunciar Sérgio Petecão na comissão de ética do Senado Federal”.

É TUDO MENTIRA – O senador Petecão encontra-se de férias e disse por telefone a reportagem que não acredita em envolvimento de assessor ou ex-assessor numa possível montagem de um dossiê. “Eles inventam tudo para tentar manchar meu nome. É tudo um jogo para confundir as pessoas. Agora eles [adversários] querem fazer brigas entre nós. Eu não acredito nesse dossiê que vocês estão falando, até porque sei da minha vida, do meu comportamento e não tenho nada a esconder. Quem tiver as tais provas contra mim que apresente. Tenho uma vida simples, sem luxo e sem sujeira e que orgulha a minha família. Eles [FPA] sabem que eu vou fazer um mandato voltado para as ações mais humildes que vão resultar diretamente na melhoria de vida dos mais pobres. Não sou eu quem vive correndo atrás de grandes empréstimos para o povo do Acre pagar; não administro nenhuma pasta do governo e não posso oferecer contrapartida em troca de apoio político. Então, esse tal dossiê é fofoca, é mentira, coisa de quem só pensa em prejudicar as pessoas. Estou com a minha consciência tranqüila e nada devo temer”, disse o líder do PSD no Acre em tom de desabafo, ao afirmar que não teve sossego desde que resolveu enfrentar os irmãos “Viana”.

Mentira ou verdade, o ex-deputado Luiz Calixto, outro líder da oposição, tão logo foi ouvido pela reportagem, postou o seguinte comentário em sua página no Facebook: “Me desestimula e entristece esse segmento da oposição que, ao menor sinal de sucesso nas urnas, já se comporta de forma mais arrogante que os petistas. E não é isso que pregamos e nem desejamos para o povo acreano. Disso eu estou fora e não contem comigo”.

Minutos depois, um dos pré-candidatos a prefeitura de Rio Branco pelo PMDB, João Correia, respondeu, também pelo face, a mensagem de Calixto: “Dom Luiz Calixto concordo Ipsis litteris com sua exposição, afinal ninguém é dono de voto algum… elação e oportunismo político são comportamentos típicos da FPA. O grande problema é que “esses segmentos’ ainda pensam que estão na FPA”.

A verdade é que o capital político de Sérgio Petecão é veneno e remédio, e por isso, o político mais popular do Acre sofre ataques de adversários e aliados, pois segundo analistas políticos, ele é a peça-chave no tabuleiro da sucessão de Raimundo Angelim, em Rio Branco.

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Vacinação da indústria e construção civil registra filas no Ginásio do Sesi

Publicado

em

A vacinação no Ginásio do Sesi contra à Covid-19 segue em ritmo intenso nesta quarta-feira (16). Imagens enviadas por populares mostram uma intensa movimentação de funcionários da indústria e construção civil em busca do imunizante.

No local, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) dividiu em dois lados a campanha de vacinação.

Do lado direito, os integrantes da construção civil podem ser vacinados sem restrição de idade, ou seja, dos 18 aos 59 anos, a categoria compõem a 4º fase de vacinação do Ministério da Saúde. Do lado esquerdo, a vacinação é para a população em geral que tenha entre 50 a 59 anos.

De acordo com informações repassadas por populares, a vacinação do grupo que tem de 50 a 59 anos, ocorre de forma célere pela baixa procura da população, já o público da construção e indústria de 18 a 59 anos, esperam até uma hora para receber a primeira dose contra à covid-19.

Continuar lendo

Acre

Pedro Longo pede posto de vacinação na Cidade do Povo

Publicado

em

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Pedro Longo (PV), disse nesta quarta-feira (16) em sessão virtual que considera a questão da vacina contra Covid-19 concentradora da atenção dos deputados e da sociedade.

“A vacinação é o caminho mais efetivo para que possamos deixar para trás estes tempos”, disse, relatando a questão da Cidade do Povo, cuja população passa por grande dificuldade devido à distância dos postos de vacinação.

Ele indica ao Governo do Estado criar um posto naquele bairro. O município de Rio Branco, destacou, já anuncia mutirão de vacinação, mas o parlamentar cobrou um Dia D da 2ª Dose.

“Só aqui em Rio Branco mais de 5 mil pessoas não tomaram a 2ª dose”, disse, pedindo busca ativa para localizar os faltosos.

Longo destacou também o ato do Instituto Ecumênico, que lançou manifesto pela vacinação geral.

Continuar lendo

Acre

Duarte considera desumano atendimento do 190 em Feijó

Publicado

em

O deputado Roberto Duarte (MDB), que se encontra em Feijó, disse na sessão virtual da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (16) que mais uma manifestação ocorre por falta de gestão e planejamento do governo. Os policiais penais reivindicam o “soldão” e a Lei Orgânica da categoria.

Duarte denunciou a situação crítica do Hospital de Feijó, que foi inaugurado em más condições pela gestão governamental anterior. Segundo o deputado do MDB, é necessário reconstruir a unidade.

Outra situação, disse ele, é quanto ao 190, o telefone de emergência da segurança pública. “As chamadas são atendidas em Rio Branco, que repassa para Tarauacá, que aciona, via WhatsApp, a polícia ou os Bombeiros de Feijó na ocorrência em questão. Não é culpa dos policiais daqui, mas do sistema implementado. Falta gestão”, criticou.

Continuar lendo

Acre

Acre fica de fora em autorização de nova importação da Sputnik V

Publicado

em

Mais uma vez o Acre não foi contemplado com a autorização para a importação excepcional da vacina Sputnik V. Após aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nessa terça-feira, 15, irão receber o imunizante os estados do Rio Grande do Norte, Mato Grosso, Rondônia, Pará, Amapá, Paraíba e Goiás.

A importação aprovada nesta quarta-feira também deverá ser realizada sob condições controladas. Para isso, foram estabelecidas as mesmas responsabilidades e condicionantes aos requerentes.

As principais condições preveem que a vacina deverá ser utilizada apenas na imunização de indivíduos adultos saudáveis; todos os lotes das vacinas importados somente poderão ser destinados ao uso após liberação pelo INCQS; a Anvisa receberá relatórios periódicos de avaliação benefício-risco da vacina; a vacina deverá ser utilizada em condições controladas com condução de estudo de efetividade, com delineamento acordado com a Anvisa e executado conforme Boas Práticas Clínicas; a Anvisa poderá, a qualquer momento, suspender a importação, distribuição e uso das vacinas importadas; dentre outros aspectos destacados no Voto do relator.

Na deliberação da Anvisa, também foram autorizados quantitativos reduzidos de doses a serem importadas para vacinação de 1% da população de cada um dos estados, o que permitirá o adequado monitoramento e ação imediata da Agência, caso seja necessário.

Veja os quantitativos da Sputnik V para os estados:

Rio Grande do Norte – 71.000 doses;

Mato Grosso – 71.000 doses;

Rondônia – 36.000 doses;

Pará – 174.000 doses;

Amapá – 17.000 doses;

Paraíba – 81.000 doses;

Goiás – 142.000 doses.

Fonte: CNN BRASIL 

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas