Conecte-se agora

Acre tem mais de 2.500 benefícios do Bolsa Família bloqueados pelo governo

Publicado

em

Os beneficiários do Programa Bolsa Família que não receberam a transferência de renda este mês por falta de atualização cadastral têm até 29 de fevereiro para fazê-lo.  Eles tinham até 31 de dezembro do ano passado para alterar os dados do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal sem que houvesse bloqueio. Agora, precisam procurar as prefeituras de seus municípios para atualizar as informações, a fim de que possam voltar a receber os recursos do Bolsa Família.

O bloqueio de benefício atingiu 729 mil famílias em todo país. As famílias que atualizarem as informações até 29 de fevereiro terão seus benefícios desbloqueados e poderão sacá-los no mês seguinte. Caso contrário, o pagamento será cancelado.

Neste momento, os beneficiários dos municípios afetados pelas enchentes em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e Espírito Santo, cujas prefeituras decretaram estado de emergência ou calamidade pública, não terão o recurso bloqueado, desde que haja autorização do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Ainda assim, as famílias dessas localidades precisam fazer a atualização cadastral, procurando o gestor municipal o mais rápido possível.

A atualização cadastral periódica é um dos mecanismos de controle do programa de transferência de renda, que atende 13,3 milhões de famílias. Mudança de endereço ou de renda, localização da escola dos filhos para acompanhamento da frequência escolar e composição familiar são informações fundamentais para a boa gestão do programa. É necessário, segundo o MDS, que esses dados retratem a realidade dos beneficiários para garantir o aprimoramento do Bolsa Família.

O processo de revisão cadastral ocorre anualmente desde 2009. Ele é feito pelos municípios e Distrito Federal para todas as famílias que completam dois anos sem atualização ou confirmação em seus cadastros, conforme prevê o Decreto nº 6.135 de 2007.

Recursos – O MDS apoia as ações de gestão do programa nos municípios com repasse mensal de recursos e também com informações técnicas para que esse processo ocorra sem transtornos. No início de cada ano, o ministério identifica todas as famílias com cadastros sem atualização nos últimos dois anos. Essa relação é colocada à disposição dos gestores no Sistema de Gestão Integrada do Programa Bolsa Família.

Os recursos repassados mensalmente aos municípios podem ser empregados na atividade de revisão cadastral. As famílias identificadas na listagem recebem avisos em seus extratos bancários de pagamento. Caso não façam a atualização e tenham os benefícios bloqueados, nova mensagem é encaminhada pelo extrato, orientando a família a procurar a gestão municipal.

Para ser atendida pelo programa, a família deve ter renda por pessoa de até R$ 140/mês. Os valores dos benefícios variam de R$ 32 a R$ 306, de acordo com o perfil de renda e o número de integrantes da família. São transferidos a essa população cerca de R$ 1,5 bilhão por mês. Para garantir o benefício, as famílias precisam manter os filhos na escola, a agenda de saúde em dia e atualizar seus dados, como renda, número de integrantes, endereço e escola dos filhos, pelo menos a cada dois anos.

Revisão Cadastral

Estados

Famílias com benefícios bloqueados

Acre

2.567

Alagoas

29.019

Amapá

2.867

Amazonas

13.308

Bahia

76.516

Ceará

49.363

Distrito Federal

16.036

Espírito Santo

12.102

Goiás

17.370

Maranhão

41.661

Mato Grosso

8.339

Mato Grosso do Sul

8.066

Minas Gerais

65.279

Pará

26.092

Paraíba

23.052

Paraná

28.428

Pernambuco

55.880

Piauí

21.249

Rio de Janeiro

51.070

Rio Grande do Norte

15.139

Rio Grande do Sul

31.211

Rondônia

6.810

Roraima

2.385

Santa Catarina

9.860

São Paulo

102.035

Sergipe

8.485

Tocantins

4.828

Brasil

729.017

 

Com informações do MDS

Cotidiano

TSE disponibiliza aplicativos para eleitor acompanhar todas as fases das Eleições 2022

Publicado

em

Auxiliar o eleitorado antes, durante e após as eleições, bem como para dar mais transparência a todo o processo eleitoral são alguns dos objetivos da Justiça Eleitoral ao disponibilizar uma série de aplicativos que podem ser baixados gratuitamente no smartphone.

Entre as plataformas, está o aplicativo Resultados. Por meio do app, qualquer pessoa poderá acompanhar a apuração dos votos nos 26 estados e no Distrito Federal. Também já está disponível uma versão da ferramenta na internet.

No dia da eleição, as consultas podem ser feitas por meio do nome da candidata ou do candidato ou pelo cargo em disputa. O aplicativo informará, em tempo real, os nomes de quem for eleito ou daqueles que vão disputar o segundo turno. Também será possível verificar os índices de comparecimento e abstenção; a quantidade de votos válidos, em branco e nulos; e o número de seções totalizadas.

A eleitora ou o eleitor poderá acompanhar ainda informações sobre as urnas eletrônicas, como os Boletins de Urna e o Registro Digital de Voto. A divulgação dos votos começará às 17h, no horário de Brasília.

A Justiça Eleitoral disponibiliza ainda outros aplicativos – como o Boletim na Mão, o e-Título e o Pardal – e oferece serviços como o Tira-Dúvidas pelo WhatsApp e o Sistema de Alerta de Desinformação Contra as Eleições.

Os apps estão disponíveis de maneira gratuita nas lojas virtuais da App Store e Google Play.

Continuar lendo

Cotidiano

Tempo quente com possibilidade de chuvas e temporais nesta quarta-feira no Acre

Publicado

em

No Acre, nesta quarta-feira, 28, o tempo será quente, com sol, nuvens e alta probabilidade de chuvas e temporais. Os termômetros marcam a máxima de 38°C na maioria dos municípios do Estado.

Deve chover forte em Rio Branco, Brasileia e Sena Madureira, principalmente durante a noite, com ventos que sopram entre fracos e calmos. Já em Cruzeiro do Sul e Tarauacá, a precipitação será passageira e pontual.

Temperaturas:

– Rio Branco, Senador Guiomard, Bujari e Porto Acre, com mínimas oscilando entre 21 e 23ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC;

– Brasileia, Epitaciolândia, Xapuri, Capixaba, Assis Brasil e Santa Rosa do Purus, com mínimas oscilando entre 20 e 22ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC;

– Plácido de Castro e Acrelândia, com mínimas oscilando entre 21 e 23ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC;

– Sena Madureira e Manuel Urbano, com mínimas oscilando entre 22 e 24ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC;

– Tarauacá e Feijó, com mínimas oscilando entre 22 e 24ºC, e máximas, entre 37 e 39ºC;

– Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima e Rodrigues Alves, com mínimas oscilando entre 23 e 25ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC;

– Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Jordão, com mínimas oscilando entre 23 e 25ºC, e máximas, entre 36 e 38ºC

Continuar lendo

Cotidiano

Sine do Acre oferta 27 vagas de emprego

Publicado

em

O Sistema Nacional de Empregos do Acre (Sine), está disponibilizando 27 vagas de emprego para várias áreas em Rio Branco, nesta quarta-feira, 28.

As oportunidades de trabalho são rotativas, ou seja, são divulgadas para o dia, podendo ou não estar mais disponíveis para a data seguinte. O atendimento está sendo feito exclusivamente via telefone, mas presencialmente continua sendo na Organização em Centros de Atendimento (OCA).

Para se candidatar, é necessário que o candidato esteja com o cadastro atualizado. Aqueles que precisam fazer o registro na instituição, devem ter em mãos os seguintes documentos: Carteira de Trabalho, Identidade/CPF, Título de Eleitor, comprovante de escolaridade e de endereço.

O cidadão poderá verificar se a vaga ainda está disponível através dos telefones (68) 3224-5094 (68) 3224-1519, (68) 3223-6502 ou (68) 0800 647 8182.

Continuar lendo

Cotidiano

Em Tarauacá, adolescente tenta matar pai e filho a tiros e termina morto a facadas

Publicado

em

Uma briga entre famílias registrada na última segunda-feira (26) na Comunidade de São Paulo, no Rio Gregório, zona rural de Tarauacá, um local de difícil acesso, terminou com pai e filho sendo baleados a tiros de espingarda.

Um adolescente, que seria o autor dos disparos contra pai e filho, foi morto a facadas por parentes das primeiras vítimas.

Integrantes do Grupo Tático do 7º Batalhão da Polícia Militar conseguiram chegar ao local e devido a distância somente nesta terça-feira (27) retornaram a Tarauacá, trazendo as armas e dois homens acusados do homicídio.

Moradores do local informaram aos policiais que o adolescente foi até uma residência, onde tentou matar pai e filho, que foram baleados e ficaram caídos no solo.

Quando os filhos do dono da casa chegaram e o viram caído com a outra vítima pensaram que os familiares estavam mortos e saíram em perseguição ao suspeito, que foi alcançado no igarapé Pedra, onde foi assassinado com várias facadas.

Quando tomaram conhecimento dos fatos, os policiais militares do Grupo Tático se dirigiram ao local via fluvial e chegaram durante a noite. Mesmo diante das dificuldades conseguiram prender os dois acusados do homicídio, além de apreender duas espingardas, uma faca e um terçado usados na prática dos crimes.

Homens do Corpo de Bombeiros conduziram as duas vítimas feridas e o cadáver do adolescente à cidade. A Assessoria de Imprensa da Polícia Militar não divulgou os nomes dos envolvidos.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.