Conecte-se agora

Samuel Pascoal só toma posse se cassação de Segóvia for confirmada no TSE

Publicado

em

Ray Melo,
da redação de ac24horas
raymelo.ac@gmail.com

A definição sobre a vaga do deputado cassado Denilson Segóvia (PSC), só deverá acontecer após o julgamento do mérito pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A confirmação é do presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Elson Santiago (PP).

Segundo Santiago, a cautelar teria sido indeferida em decisão monocrática, no TSE, mas a questão ainda deve ser julgada em plenário. “Ainda estamos em recesso e a questão ainda vai ser discutida com os membros da Mesa Diretora e assessoria jurídica da Casa”.

Na manhã desta terça-feira, 17, o presidente afirmou que os advogados da Aleac estariam de férias e os demais membros da Mesa Diretora da Casa não estariam no Estado. “No ofício, Pedro Ranzi pede providências imediatas, mas temos que resolver as coisas com prudência”, destaca Santiago.

Questionado sobre a possível posse de Samuel Pascoal (DEM), Santiago disse que o interesse dos membros da Mesa Diretora seria em cumprir as decisões e se a posse acontecer será no plenário da Aleac, como aconteceu com os demais parlamentares.

Denílson Segóvia foi cassado, acusado de captação irregular de recursos para campanha eleitoral. No ofício destinado ao presidente da Assembleia, o presidente do TRE ratificou que a aplicação da decisão da corte deveria ser imediata.

“Não podemos de forma alguma dar posse ao suplente neste momento. Temos alguns impedimentos de ordem administrativa e ainda tem o julgamento no TSE”, finaliza Santiago.

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas