Conecte-se agora

Maior chuva dos últimos 5 anos deixa moradores do bairro Boa União da capital acriana de baixo d’água

Publicado

em

A pluviosidade da madrugada deste domingo (27) com 118 milímetros de chuva em menos de três horas foi à maior dos últimos cinco anos e a mais devastadora já registrada na capital do Acre, Rio Branco, neste ano de 2011. Aproximadamente 250 famílias do bairro Boa União, na Baixada da Sobral,  foram direta ou indiretamente atingidas pela alagação provocada por uma sucessão de fatores, que vai do acúmulo de lixo em bueiros à quantidade exorbitante da precipitação das águas, os números foram informados pelo técnico da Defesa Civil de Rio Branco, George Carlos.

O agente penitenciário Atila Cruz da Costa conta que perdeu “tudo que foi construindo em 15 anos de trabalho” com as águas fétidas que invadiram a sua casa. O bueiro entupido pelo lixo que continha até uma geladeira velha, fica nas proximidades do quintal da residência do servidor público, pai de dois filhos, Atila da Costa, afirma que na sexta-feira (25) –  último dia útil antes da alagação – foi até a prefeitura de Rio Branco com fotografias do bueiro para que providências fossem tomadas com a urgência necessária a evitar desastres. “Estava temendo que algo pudesse acontecer, eles foram alertados inúmeras vezes, mas não fizeram nada. Vou acionar a prefeitura na Justiça”, disse.

Moradora da Rua 25 de Fevereiro, a técnica de enfermagem Geisiane Oliveira Gonçalves, que perdeu móveis e eletrodomésticos como camas, colchões, armários, geladeira, poupa  o poder público e as chuvas pelos danos lhes causados pelas águas. “Essa foi uma situação provocada. Não há necessidade de jogar tudo no esgoto. Isso não é culpa do poder público, é culpa da comunidade. Falta de consciência, todo mundo tem televisão, todos têm acesso à informação, à educação, o que falta é consciência do povo”, insiste.

Revoltados, durante a madrugada os moradores  interditaram a Estrada da Sobral em protestos contra a demora no socorro aos alagados. “Ligamos pra tudo quanto é poder público, Bombeiros, Defesa Civil, Polícia Militar, mas o socorro só foi chegar ao amanhecer do dia”, conta Williane Rafaela dos Santos.

O Major Charles, dos Corpo de Bombeiros, defende a corporação e alega que o atendimento teria iniciado por volta das 2h30. “Foram mais de 250 famílias atingidas e necessitando de atendimento ao mesmo tempo”, disse.

Dono da Marcenaria Silva próxima ao córrego,  Antônio Ferreira, defende-se de acusações de autoridades públicas presentes no local de que sua empresa seria responsável por parte do entupimento do esgoto que represou águas da chuva. “Todos os anos isso entope, tempos atrás não existia a marcenaria e entupia do mesmo jeito. O problema é que eles [poder público] fizeram um trabalho mau feito. Era pra fazer uma galeria e eles fizeram um bueiro. Esses dias a Prefeitura de Rio Branco mandou roçar e não retirou o capim. Qualquer foto vai mostrar o tanto de capim que estava na boca do bueiro”, assegura.

Outros moradores confirmam o depoimento do dono da marcenaria e reafirmam que a prefeitura teria sido comunicada do problema. Imagens feitas pela reportagem mostram, além do capim, pranchas de madeira que foram retidas do córrego. Antônio Ferreira alega que todos os resíduos de sua empresa são retirados por uma companhia terceirizada.

Sem energia elétrica, roupas, alimentos e local para dormir a maioria dos moradores alegam não saber como irão viver nos próximos dias. O pastor evangélico Cabral do Brasil afirmou a reportagem que a partir da noite desde domingo (26) fará uma campanha junto à sua igreja para arrecadar donativos para as vítimas da alagação.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, outras quatro enchentes teriam atingidos a capital, um desses lugares teria sido o bairro São Francisco.

Veja mais fotos AQUI

Texto e fotos: Edmilson Alves, de Rio Branco-Ac
[email protected]
Redação de ac24horas

Acre

Jorge Viana começa a percorrer o interior em busca de apoio

Publicado

em

O ex-governador e ex-senador Jorge Viana, mesmo sem confirmar qual cargo disputa nas próximas eleições, apesar de quase certo colocar seu nome para o Senado Federal, começou a percorrer os municípios para reuniões com lideranças locais em busca de apoio. Neste sábado, 22, Viana usou as redes sociais para mostrar uma reunião realizada no município de Senador Guiomard.

Onde tem ido, Viana tem apostado no discurso da falta de obras do atual governo, mesmo tendo o apoio do governo federal, os três senadores e a maioria da Câmara Federal. “Não fizeram um posto de saúde. Durante três anos e já cinco meses não construíram uma escola, nenhuma casa, qual é a lógica? Nenhum ramal ou estrada foram asfaltados e eu vou ficar de braços cruzados?

Viana lembrou ainda que foi em seu governo que chegou a energia elétrica nas propriedades rurais e que foi feita a BR-317. Durante a reunião, Jorge Viana recebeu o apoio de lideranças que lembraram que há falta de medicamento nas unidades de saúde e a ida de muitas pessoas embora do Acre por falta de oportunidades.

“Estou motivado, esperançoso, disposto a trabalhar e bater nas portas e convidar as pessoas para nos ajudar nessa jornada”, disse Jorge Viana.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Acre

Acre registra 1 novo caso e chega ao 18° dia sem mortes por Covid

Publicado

em

Segundo o boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), apenas 1 caso de Covid-19 foi registrado neste sábado, 21, no Acre. Com isso, o número de infectados sobe para 124.974. O informativa também revela que hoje completam 18 dias sem ocorrências de mortes, assim, o número de óbitos pela doença se mantém em 2.002 em todo o estado.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI, está com 3,33%, de acordo com o guia de monitoramento, com 1 pessoa internada, e 4 exames de RT-PCR à espera de análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen).

O Estado registra até o momento, 327.217 notificações de contaminação pela doença, sendo que 202.239 casos foram descartados e 122.930 pessoas já receberam alta médica da doença.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS), ficando sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Continuar lendo

Acre

Comerciantes denunciam aumento da violência no Shopping Aquiri

Publicado

em

Os comerciantes do Shopping Popular Aquiri, no centro de Rio Branco, afirmam estar sofrendo com a baixa movimentação de clientes, e denunciam que o aumento da violência na região, o fluxo de pessoas em situação de rua e assaltos no local, tem influenciado na diminuição das vendas

Segundo a dona de casa Havaí Araújo, a impunidade e o temor nas ações dos bandidos, tem impedido sua ida até o centro comercial. “Tenho medo de andar sozinha, já que geralmente um cara para ao seu lado e toma o que é seu. Raramente vejo um policial por aqui. Hoje por ação vi dois passando”, comentou.

A representante da Administração do shopping, Fabíola Moreira, declarou que alguns furtos e roubos realmente ocorrem no local, mas com pouca frequência. De acordo com ela, além dos agentes de portaria, o estabelecimento conta com o apoio da Polícia Militar, que tem um box no Terminal Urbano. “Estamos tentando e vamos melhorar”, explicou.

O Coronel Ezequiel Bino, do Gabinete Militar, informou que a corporação mantém equipes todos os dias na área, com o objetivo de manter a calma e a segurança de todos os cidadãos, principalmente os que trabalham no Aquiri.

Continuar lendo

Acre

Nicolau destaca geração de emprego com a ExpoJuruá

Publicado

em

Na manhã deste sábado, 21, foi realizado o lançamento da Feira Agropecuária do Juruá, a Expojuruá, em Cruzeiro do Sul. A estreia contou com a apresentação da Banda Tigres Negros e de um vídeo institucional do evento.

Diversas autoridades estaduais e municipais, estiveram presentes durante a ocasião. Ao lado do governador Gladson Cameli, o presidente da Assembleia Legislativa do Acre, Nicolau Júnior, disse que este momento chega para recolocar a região no caminho da geração de emprego e renda.

“Eu vejo aqui o semblante dos empresários que já estão em contagem regressiva para esse evento. Aqui teremos geração de emprego, renda, oportunidades de negócios para a produção local e o mais importante: dinheiro circulando e ficando aqui no Juruá. Isso é muito importante”, explicou.

Nicolau destacou ainda, o esforço do Governo do Acre pelo planejamento e organização da Feira, que este ano deve contar com mais de 200 expositores.

“Pela estrutura que vi aqui, estou certo que teremos um evento impecável. Parabéns a equipe que está a frente e que tenhamos a maior feira de todos os tempos”, pontuou.

A 17 ª Expojuruá, será realizada no estádio Arena do Juruá, durante os dias 1 a 4 de setembro. Além das atrações nacionais, no cronograma tem ainda definido muito entretenimento, cavalgada, rodeio, noite cristã, provas de esportes radicais, entre outras atividades. Os shows de Wesley Safadão na abertura e Murilo Huff, no encerramento, foram confirmados.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!